conecte-se conosco


Mulher

5 acessórios que estão bombando para ficar cheia de estilo no verão

Publicado

Escolher bons acessórios podem fazer toda a diferença em um look, principalmente quando o foco da temporada primavera/verão
é apostar em características rústicas e que estejam ligadas à moda retrô, especialmente com influências da década de 80. 


A melhor dica para investir em acessórios é ousar e, para isso, é preciso pensar além da sua zona de conforto na moda
Reprodução/Pinterest

A melhor dica para investir em acessórios é ousar e, para isso, é preciso pensar além da sua zona de conforto na moda

Ao Delas
, a estilista, especialista em moda praia e consultora de moda e estilo Viviani Severin afirma que na hora de apostar nos acessórios
só há uma dica principal: não evitar nada e aproveitar o que está em alta. “Use tudo fazendo combinações e sobreposições estilosas. Não existe nada mais anos 80 do que esse exagero fashion. Brinque com a tendência pincelando por aqui e por ali a sua escolhas preferidas. Se jogue!”

Para saber quais são esses acessórios que estão fazendo sucesso durante os dias mais quentes, a especialista dá algumas dicas; confira:

Acessórios em alta #1: bolsas e sandálias de palha


As bolsas de palha são uma tendência de acessórios que está sendo trazida desde o verão do ano passado e continua em alta
Reprodução/Pinterest

As bolsas de palha são uma tendência de acessórios que está sendo trazida desde o verão do ano passado e continua em alta

Já havíamos avisado  nesta matéria
 que as bolsas de palha iam dominar essa temporada de moda
e, é claro, que elas não poderiam ficar de fora da nossa lista. Os modelos quadrados, chamados de “box” por se parecerem com uma caixa, ou as cestinhas feitas de palha se tornaram fáceis de serem encontrados por aí.  

“O tamanho pequeno e cômodo é perfeito para usar na praia e na piscina”, afirma Viviani. Entretanto, a especialista também afirma que há tempos essas bolsas já saíram de perto do mar e foram diretamente para o “street style”, combinando com momentos casuais. 

Veja Também:  Saiba 8 maneiras de como os governos locaispodem ajudar nos seus negócios

“No mesmo estilo, vemos sandálias com detalhes de palha, como os saltos das espadrilles, que são super charmosas e combinam muito bem no look de verão dessa temporada”, completa. 

Acessórios em alta #2: plástico e transparência


As bolsas e sandálias transparentes estão chamando atenção entre os acessórios mais desejados, além de serem verstáteis
Reprodução/Pinterest

As bolsas e sandálias transparentes estão chamando atenção entre os acessórios mais desejados, além de serem verstáteis

As versões de acessórios, como bolsas e sandálias, em plástico transparente também é algo que está aparecendo muito na praia. A consultora explica que essa transparência é uma influência direta da moda retrô e também aparece nos detalhes de biquínis
e maiôs.

“O retorno dos anos 80 está presente na inspiração para esses modelos de acessório e biquínis, assim como as peças asa delta, em cores neon, cintura alta e com muito brilho. Todas essas ideias estão saindo das vitrines para entrar diretamente nos guarda roupas das fashionistas, chamando atenção de todos”, afirma. 

Acessórios em alta #3: brincos e colares rústicos


Acessórios com influências da natureza e ligadas ao verão, como brincos de conchas e búzios, estão bombando nesse início de ano
Reprodução/Pinterest

Acessórios com influências da natureza e ligadas ao verão, como brincos de conchas e búzios, estão bombando nesse início de ano

Já quando o assunto são as pulseiras, brincos e colares, a tendência está nos acessórios que remetem muito ao mar: como conchas, búzios e estrelas do mar. Geralmente, essas opções de acessório são fáceis de serem encontradas nas praias brasileiras e até mesmo em lojas que vendem produtos mais alternativos pela cidade. 

Porém, a influência da natureza na moda não é exclusiva desses itens. “Assim como no caso das transparências, esses destalhes também que estão aplicados em biquínis e bodys e aparecendo para além das bijuterias”, diz a profissional. 

Acessórios em alta #4: lenços


Os lenços são ótimos acessórios para usar no cabelo e até de outras formas, como no cós da calça, e a moda está bombando
Reprodução/Pinterest

Os lenços são ótimos acessórios para usar no cabelo e até de outras formas, como no cós da calça, e a moda está bombando

No verão 
, os lenços aparecem em dois lugares bem diferentes: nos cabelos e no cós das calças. Um relatório divulgado pelo Pinterest mostra que os lenços sendo usados como um acessório de cabelo se tornaram uma tendência, e as buscas por dicas de como usar tiveram um aumento de 110% no último ano.

Veja Também:  Mulher gasta R$ 340 em corte de cabelo que fica torto: “É constrangedor”

Visto como um acessório atemporal
 , ele passou de um detalhe para um item que ganhou destaque e dá um ar “cool” e elegante ao look. “Os lenços podem ser usado de diversas maneiras no verão. Inclusive, pode ser bastante útil ao colocá-los sobre os ombros no fim de tarde, quando a temperatura muitas vezes muda e precisamos de algo para nos proteger”, completa. 

Acessórios em alta #5: armações “diferentonas”


Os óculos de sol sempre foram acessórios que chamaram atenção, e agora os modelos mini, maxi e 'diferentões' são sucesso
Reprodução/Pinterest

Os óculos de sol sempre foram acessórios que chamaram atenção, e agora os modelos mini, maxi e ‘diferentões’ são sucesso

No ano passado, os mini óculos já era um acessório que estava fazendo sucesso
entre as celebridades. “Toda a profusão de estilo dos anos 80 que aparece em peças de roupa também influenciou os óculos de sol. Tamanho mini, overside redondos, de gatinho espelhados, coloridos e esportivos se tornaram os queridinhos do momento.”

Viviani afirma que esses acessórios combinam muito com outras peças retrô, como os jeans desfiados, peças com aplicações de paetês e estampas. Aposte em um estilo “hi-lo”, ou seja, misturando itens casuais e chiques para não errar na composição. 

Como usar os acessórios que estão bombando no momento?


Antes de usar os acessórios do momento, lembre-se que o mais importante é se sentir confortável consigo e com o seu look
Reprodução/Pinterest

Antes de usar os acessórios do momento, lembre-se que o mais importante é se sentir confortável consigo e com o seu look

Apesar da dica para usar esses itens seja sair da sua “zona de conforto fashion”, não esqueça de deixar o seu toque pessoal, seguindo sempre a sua intuição e nunca se distanciando muito do seu próprio estilo antes de usar e abusar dos tipos de acessório escolhidos, viu? E também não é preciso escolher algo que não combine com você e não te deixa confortável só porque está na moda.

Assim, se um mini ou maxi óculos não é a sua cara, procure um modelo que você ache mais verstátil. O mesmo vale para outras coisas, como os brincos e colares, afinal, não são todas as mulheres que amam usar várias bijuterias e adornos. 

Uma dica é selecionar apenas aqueles itens que você sabe que vai usar e que podem combinar com mais de um look. Além disso, investir apenas parte do seu guarda roupa nos acessórios
do momento pode te ajudar a poupar dinheiro e continuar por dentro do que está em alta. 

Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Deputados de MT apresentam moção de repúdio e protesto contra ‘Lei Neymar da Penha’

Publicado

Por encaminhamento da Câmara Setorial Temática de Combate à Violência Contra a Mulher da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, os deputados Janaina Riva (MDB) e Wilson Santos (PSBD) apresentaram moção de repudio e protesto contra o teor do Projeto de Lei 3369/2019, proposto pelo deputado Federal Carlos Jordy (Vice-líder do Governo) batizado de “Lei Neymar da Penha”.

“É importante frisar que essa moção atinge tão somente o teor do projeto, não alcançando suas características constitucionais, uma vez que o deputado federal, que foi legitimamente eleito, possui a prerrogativa de propor ações legislativas, as quais eu a Câmara Temática defendemos. O repúdio se dá na ação midiática que, sem contextualizar e fazer o devido resgate histórico, modifica sem critérios técnicos, um dispositivo criminalizador e, no caso específico, afeta muito o tema”, explica a deputada.

Segundo Janaina, o PL ‘Neymar da Penha’ visa aumentar a penalidade para quem faz falsas acusações de crimes contra a dignidade sexual, porém, vale ressaltar que, em regra, os delitos contra a dignidade sexual e agressões não costumam possuir testemunhas já que geralmente praticados pelo agressor contra a vítima a sós. Para ela o projeto dificulta e desencoraja ainda mais as mulheres vítimas a denunciarem os agressores.

Veja Também:  Quer ter orgasmo simultâneo? Veja 5 jeitos que podem ajudar vocês a chegarem lá

“A mulher que é vítima de qualquer agressão, seja ela moral, física ou sexual geralmente tem muita dificuldade em denunciar o agressor justamente pelo julgamento e pela dificuldade de provar. E é por isso que palavra da vítima possui grande valor, quando analisada com o conjunto probatório. A mulher vítima de violência percorre um difícil caminho, até chegar à penalização do autor. Algumas acabam sendo revitimizadas, com os julgamentos sociais, com a mídia e, também, com o sistema de justiça. Não é possível permitir a inversão dos papéis, pois a legislação deve ser o principal canal a evidenciar a real vítima e o verdadeiro agressor. A cultura do estupro é percebida sempre na culpabilização e objetificação da vítima e neste sentido esse projeto de lei contraria ao que o país vive na atualidade, no que diz respeito ao enfrentamento e combate à violência contra as mulheres, máxime, a sexual”, afirma.

A deputada lembra ainda que a Lei Maria da Penha é o instrumento mais importante do País no enfrentamento à violência no âmbito doméstico e familiar, merecendo ser reconhecida nacionalmente, como é fora do Brasil. Segundo ela, a moção de repúdio e protesto se dá também ao desrespeito à Maria da Penha, mulher que dá nome à Lei e precisou recorrer às cortes internacionais para que o autor das sucessivas agressões que sofreu fosse punido, justamente por não encontrar amparo da legislação brasileira.

Veja Também:  “Siririca molhada”: oficina ensina teoria e prática de ejaculação feminina

“É de grande preocupação da Câmara Temática de Combate à Violência Contra a Mulher a forma desrespeitosa com que Maria da Penha Fernandes, que deu nome à Lei Maria da Penha, está sendo tratada no momento, passando, também, pela revitimação. O Brasil recebeu como recomendação internacional que a Lei 11.340\2006 fosse conhecida como Lei Maria da Penha, justamente para homenagear essa mulher vítima de violência doméstica que o País não havia dado o merecido tratamento quando sofreu as agressões. Apelidar o PL 3369\2019, de “Lei Neymar da Penha” é ofender à todas as mulheres brasileiras indistintamente. Esse projeto oferece ameaça às mulheres vítimas de estupro, que por anos a fio sofreram invisibilidade e julgamento com as discriminações e preconceitos vivenciados”, finaliza.

Assessoria de Imprensa

Jornalista Laura Petraglia – Audiovisual Jardel Silva

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Convidados querem levar 8 pessoas à casamento e web reage: “Não é um churrasco”

Publicado

Imagina só você convidar um casal para seu casamento e depois eles “informarem” que vão levar mais oito pessoas com eles? Esses noivos passaram por isso, e a situação viralizou nas redes sociais.

Leia também: Noiva sugere que madrinha grávida faça aborto para não “estragar casamento”


casamento
Reprodução/The Sun

Casal convidado para um casamento decide levar mais 8 pessoas com eles e internautas reagem: “Não é um churrasco”


O caso foi compartilhado no Facebook e chamou a atenção dos internautas. “Um casal foi convidado para o casamento
e eles decidiram chamar outras 8 pessoas!”, diz a postagem.

Os noivos
entregaram o convite e pediram para o casal em questão responder “gentilmente até 15 de abril de 2019” quantas pessoas da família iriam à cerimônia, e eles apontaram que “10 pessoas vão comparecer”.

Leia também: Mulher planeja cerimônia e envia convites antes mesmo do pedido de casamento

Na parte em branco, a dupla ainda especifica: “Seis adultos, quatro crianças”. Além disso, eles levantaram a hipótese de uma 11ª pessoa também ir ao evento.

Veja Também:  “Siririca molhada”: oficina ensina teoria e prática de ejaculação feminina

Na web, a publicação gerou diversos comentários. “É um casamento, não é churrasco”, escreve um internauta. “Eu ligaria para eles e diria ‘não’. Se as outras pessoas fossem convidadas, elas teriam recebido um convite
”, opina outro.

Leia também: Noiva “surfa” na multidão depois de casamento e cena viraliza nas redes sociais

Uma usuária da rede social compartilhou história semelhante que ela viveu ao ter convidados surpresas na festa de casamento
. “Tiveram a coragem de reclamar do bolo (nós tínhamos feito um muito pequeno, só para nós)”, conta.

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana