conecte-se conosco


Mulher

5 sinais que mostram uma pele envelhecida antes do tempo e como evitá-los

Publicado

Existem dois jeitos de perceber que você está envelhecendo: pelas experiências de vida ou pela sua aparência. Sulcos da testa, pés de galinha e bolsas abaixo dos olhos, por exemplo, são processos naturais da idade, mas para algumas pessoas esses e outros sinais de pele envelhecida aparecem bem antes do que deveriam, por razões diversas.

Leia também: Luz do computador e do celular podem causar envelhecimento precoce da pele


Para algumas pessoas, a pele envelhecida pode ser um problema antes do comum, mas tratamentos preventivos ajudam
shutterstock

Para algumas pessoas, a pele envelhecida pode ser um problema antes do comum, mas tratamentos preventivos ajudam


Segundo especialistas, os sinais de pele envelhecida
 precocemente aparecem de forma bastante sutis e, apesar de não serem um problema além da questão estética, podem ser algo para ficar de olho. “Assim, podemos indicar tratamentos preventivos que evitam o aparecimento de rugas, flacidez e outras alterações causadas pelo fotoenvelhecimento”, explica Jardis Volpe, dermatologista da Clínica Volpe, em São Paulo. 

Segundo o profissional, quanto antes você notar qualquer questão ligada ao envelhecimento precoce
, será mais fácil buscar ajuda do médico especialista. Por isso, ele e outros profissionais indicam cinco presságios que podem acender o sinal de alerta:

Sinal de pele envelhecida #1: manchas de sol no rosto aos 20/30 anos


As manchas de sol mostram uma pele envelhecida, principalmente depois que o corpo diminui o próprio metabolismo
shutterstock

As manchas de sol mostram uma pele envelhecida, principalmente depois que o corpo diminui o próprio metabolismo

De acordo com a dermatologista Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, as manchas e sardas que começam a aparecer no rosto
têm relação direta com o quanto você ficou exposta ao sol até, mais ou menos, os 20 anos de idade. “A partir dessa idade, já existe um declínio na capacidade de reparo e proliferação celular, já que é após os 25 anos que temos a primeira perda no metabolismo de regeneração”, explica.

Esse processo faz com que tenhamos certa deficiência em produzir espontaneamente os antirradicais livres e antiglicantes que combatem os superóxidos que envelhecem o nosso organismo, facilitando o aparecimento de manchas.

Veja Também:  Como emagrecer: ciência comprova que diário de alimentação ajuda a perder peso

“Indícios como as hiperpigmentações solares são um importante sinal de alerta dos danos cumulativos do sol”, completa Jardis. Se você perceber isso em seu rosto, ele indica procurar um dermatologista que prescrever cremes com ativos que ajudam a diminuir as manchas ou até mesmo um tratamento focado na estética , além de recomendações de cuidados diários.

Sinal de pele envelhecida #2: rugas ao longo das bochechas


As rugas que deixam a pele envelhecida podem aparecer por causa da exposição solar, mas há cosméticos que ajudam
shutterstock

As rugas que deixam a pele envelhecida podem aparecer por causa da exposição solar, mas há cosméticos que ajudam

“As pessoas desenvolvem rugas com o movimento e expressões, de modo que não é realmente um mau sinal de envelhecimento. Mas se as linhas finas e rugas aparecem no meio das bochechas, entre os 20 ou 30 anos de idade, é hora de se preocupar”, explica o dermatologista da Clínica Volpe. De novo, o sol aparece como o “vilão” que pode deixar a pele envelhecida.

Para rejuvenescer a região, são indicados tratamentos que estimulam a produção de colágeno, além de produtos que tenham alguns ativos específicos, como  ácido hialurônico
. “Com o avanço da idade, a produção natural de ácido hialurônico diminui, reduzindo também a hidratação e elasticidade da pele. Então, quando existe falta de ácido hialurônico, há desidratação da pele, tendência à flacidez, formam-se rugas, sulcos e há perda de luminosidade”, explica Claudia.

Sinal de pele envelhecida #3: pescoço irritável e flácido


Por ser muito fino, o pescoço é uma das partes do corpo que podem ficar facilmente irritadas e com a pele envelhecida
shutterstock

Por ser muito fino, o pescoço é uma das partes do corpo que podem ficar facilmente irritadas e com a pele envelhecida

“O pescoço é uma região cuja pele é muito fina, praticamente sem glândulas sebáceas, com espessura próxima a dois milímetros, pouco hidratada e onde há grande movimentação natural pela própria dinâmica da região”, explica a dermatologista. Assim, não é difícil para essa área do corpo ficar com a pele envelhecida, flácida ou com marcas de irritação. 

Veja Também:  Rapaz decide paquerar namorada de amigo morto e mulher rebate mensagens

Além de ser muito importante aplicar protetor solar no pescoço para evitar ter a pele envelhecida pelo sol, a dica é manter a hidratação profunda e usar cosméticos à base de colágeno para ajudar na suavização das marcas e melhora das rugas e flacidez na área. Também existem tratamentos de estética específicos, mas é importante consultar um médico antes. 

Sinal de pele envelhecida #4: sua pele está mais sensível que o habitual


A sua rotina diária ou problemas com alimentação podem refletir na sua beleza e deixar a pele envelhecida precocemente
shutterstock

A sua rotina diária ou problemas com alimentação podem refletir na sua beleza e deixar a pele envelhecida precocemente

De acordo com Claudia, a pele é parte de um sistema que precisa estar em equilíbrio, então, se o paciente não está se alimentando direito ou fazendo uso de certos medicamentos, é uma tendência que ela fique mais sensível e seca — e isso reflete no rosto. 

“Essa sensibilidade também é um presságio importante de que alguma coisa em sua rotina de beleza não está em ordem”, comenta Jardis. “Por isso, é necessário fazer uso de vitaminas orais, ter alimentação balanceada e aplicar produtos tópicos com ação calmante e altamente hidratante para manter a saúde da pele em dia e evitar o envelhecimento precoce.” 

Leia também: 10 alimentos essenciais para manter um bom funcionamento da pele

Sinal de pele envelhecida #5: seu olhar já não é mais o mesmo


O olhar também pode dizer muito sobre ter a pele envelhecida ou não, mas alguns tratamentos podem melhorar isso
shutterstock

O olhar também pode dizer muito sobre ter a pele envelhecida ou não, mas alguns tratamentos podem melhorar isso

“No rosto, a região dos olhos é a mais sensível, com característica e estrutura epidérmica diferenciada. A área também conta com a fragilidade das fibras de colágeno, responsáveis pela sustentação dessa pele que fica, em média, 6% mais fina a cada dez anos”, explica Jardis.

Esse processo natural de envelhecimento pode acabar causando olheiras, mas outros fatores, como alimentação rica em açúcar e sal ou noites mal dormidas, podem tornar a pálpebra mais inchada e deixar as manchas abaixo dos olhos mais evidente. “As olheiras mais violeta, ou mesmo as mistas com tons acastanhados e arroxeados, podem surgir também por excesso de bebida alcoólica, tabagismo, na TPM, entre outras causas”, complementa Claudia Marçal.

Apesar de não ser possível remover completamente esse problema que deixa a pele envelhecida
, existem dicas de estética para clarear as olheiras
. Tratamentos à base de ácido hialurônico ou laser, que devem ser feitos sempre por profissionais confiáveis, podem ajudar a diminuir o pigmento. Em casa, a aplicação de máscaras ou cremes também são opções que vão agir para desinchar as bolsas e acalmar os vasos sanguíneos de forma temporária.

Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Deputados de MT apresentam moção de repúdio e protesto contra ‘Lei Neymar da Penha’

Publicado

Por encaminhamento da Câmara Setorial Temática de Combate à Violência Contra a Mulher da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, os deputados Janaina Riva (MDB) e Wilson Santos (PSBD) apresentaram moção de repudio e protesto contra o teor do Projeto de Lei 3369/2019, proposto pelo deputado Federal Carlos Jordy (Vice-líder do Governo) batizado de “Lei Neymar da Penha”.

“É importante frisar que essa moção atinge tão somente o teor do projeto, não alcançando suas características constitucionais, uma vez que o deputado federal, que foi legitimamente eleito, possui a prerrogativa de propor ações legislativas, as quais eu a Câmara Temática defendemos. O repúdio se dá na ação midiática que, sem contextualizar e fazer o devido resgate histórico, modifica sem critérios técnicos, um dispositivo criminalizador e, no caso específico, afeta muito o tema”, explica a deputada.

Segundo Janaina, o PL ‘Neymar da Penha’ visa aumentar a penalidade para quem faz falsas acusações de crimes contra a dignidade sexual, porém, vale ressaltar que, em regra, os delitos contra a dignidade sexual e agressões não costumam possuir testemunhas já que geralmente praticados pelo agressor contra a vítima a sós. Para ela o projeto dificulta e desencoraja ainda mais as mulheres vítimas a denunciarem os agressores.

Veja Também:  Mães resumem a hora do parto em um GIF

“A mulher que é vítima de qualquer agressão, seja ela moral, física ou sexual geralmente tem muita dificuldade em denunciar o agressor justamente pelo julgamento e pela dificuldade de provar. E é por isso que palavra da vítima possui grande valor, quando analisada com o conjunto probatório. A mulher vítima de violência percorre um difícil caminho, até chegar à penalização do autor. Algumas acabam sendo revitimizadas, com os julgamentos sociais, com a mídia e, também, com o sistema de justiça. Não é possível permitir a inversão dos papéis, pois a legislação deve ser o principal canal a evidenciar a real vítima e o verdadeiro agressor. A cultura do estupro é percebida sempre na culpabilização e objetificação da vítima e neste sentido esse projeto de lei contraria ao que o país vive na atualidade, no que diz respeito ao enfrentamento e combate à violência contra as mulheres, máxime, a sexual”, afirma.

A deputada lembra ainda que a Lei Maria da Penha é o instrumento mais importante do País no enfrentamento à violência no âmbito doméstico e familiar, merecendo ser reconhecida nacionalmente, como é fora do Brasil. Segundo ela, a moção de repúdio e protesto se dá também ao desrespeito à Maria da Penha, mulher que dá nome à Lei e precisou recorrer às cortes internacionais para que o autor das sucessivas agressões que sofreu fosse punido, justamente por não encontrar amparo da legislação brasileira.

Veja Também:  Como emagrecer: ciência comprova que diário de alimentação ajuda a perder peso

“É de grande preocupação da Câmara Temática de Combate à Violência Contra a Mulher a forma desrespeitosa com que Maria da Penha Fernandes, que deu nome à Lei Maria da Penha, está sendo tratada no momento, passando, também, pela revitimação. O Brasil recebeu como recomendação internacional que a Lei 11.340\2006 fosse conhecida como Lei Maria da Penha, justamente para homenagear essa mulher vítima de violência doméstica que o País não havia dado o merecido tratamento quando sofreu as agressões. Apelidar o PL 3369\2019, de “Lei Neymar da Penha” é ofender à todas as mulheres brasileiras indistintamente. Esse projeto oferece ameaça às mulheres vítimas de estupro, que por anos a fio sofreram invisibilidade e julgamento com as discriminações e preconceitos vivenciados”, finaliza.

Assessoria de Imprensa

Jornalista Laura Petraglia – Audiovisual Jardel Silva

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Convidados querem levar 8 pessoas à casamento e web reage: “Não é um churrasco”

Publicado

Imagina só você convidar um casal para seu casamento e depois eles “informarem” que vão levar mais oito pessoas com eles? Esses noivos passaram por isso, e a situação viralizou nas redes sociais.

Leia também: Noiva sugere que madrinha grávida faça aborto para não “estragar casamento”


casamento
Reprodução/The Sun

Casal convidado para um casamento decide levar mais 8 pessoas com eles e internautas reagem: “Não é um churrasco”


O caso foi compartilhado no Facebook e chamou a atenção dos internautas. “Um casal foi convidado para o casamento
e eles decidiram chamar outras 8 pessoas!”, diz a postagem.

Os noivos
entregaram o convite e pediram para o casal em questão responder “gentilmente até 15 de abril de 2019” quantas pessoas da família iriam à cerimônia, e eles apontaram que “10 pessoas vão comparecer”.

Leia também: Mulher planeja cerimônia e envia convites antes mesmo do pedido de casamento

Na parte em branco, a dupla ainda especifica: “Seis adultos, quatro crianças”. Além disso, eles levantaram a hipótese de uma 11ª pessoa também ir ao evento.

Veja Também:  Cuidado com a dieta! Erros podem causar doenças e até levar à morte, diz estudo

Na web, a publicação gerou diversos comentários. “É um casamento, não é churrasco”, escreve um internauta. “Eu ligaria para eles e diria ‘não’. Se as outras pessoas fossem convidadas, elas teriam recebido um convite
”, opina outro.

Leia também: Noiva “surfa” na multidão depois de casamento e cena viraliza nas redes sociais

Uma usuária da rede social compartilhou história semelhante que ela viveu ao ter convidados surpresas na festa de casamento
. “Tiveram a coragem de reclamar do bolo (nós tínhamos feito um muito pequeno, só para nós)”, conta.

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana