conecte-se conosco


Mato Grosso

Comitê de Bacia Hidrográfica Alto Araguaia é instalado em Barra do Garças

Publicado

A região de Alto Araguaia será a 11ª de Mato Grosso a receber um Comitê de Bacia Hidrográfica. A cerimônia de instalação e posse dos membros da CBH Alto Araguaia será realizada nesta sexta-feira (05.04), em Barra do Garças.

Os Comitês de Bacias Hidrográficas possuem formação tripartite, onde poder público, usuários dos recursos hídricos e entidades do terceiro setor possuem o mesmo peso e número de cadeiras. O número de participantes é definido por cada Comitê, desde que respeitada a paridade.

Os representantes do CBH definem o uso prioritário para a água da bacia hidrográfica no qual está inserido o Comitê. Entre as principais formas de uso estão abastecimento público, turismo, irrigação e empreendimentos energéticos.

A criação e instalação do Comitê na região de Barra do Garças, que engloba vários municípios, fortalece a participação popular na definição, no gerenciamento e na condução no desenvolvimento das questões hídricas, destaca o superintendente de Recursos Hídricos da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Luiz Henrique Noquelli.

“O comitê é o ouvido da sociedade, por meio dele a população se fortalece para ser ouvida junto aos órgãos ambientais, trazendo um envolvimento maior entre sociedade civil, usuários de água e poder público. Com essa ligação, a sociedade tem a possibilidade de falar e ser ouvida pelo órgão gestor e pelo conselho estadual de recursos hídricos”, destaca Noquelli.

Veja Também:  Polícia Civil divulga convocação de candidatos aprovados em processo seletivo

Os comitês federais e os de bacias de rios estaduais são definidos por sistemas e leis específicas. Os Comitês de Bacias Hidrográficas, juntamente com Conselho Estadual de Recursos Hídricos (Cehidro), Sema e órgão Coordenador/Gestor do Recurso Hídrico, formam o Sistema Estadual de Recursos Hídricos do Estado de Mato Grosso.

Os grupos dispõem de página na internet para dar transparência às ações de cada comitê, permitindo a contribuição e participação da comunidade de cada bacia.

Serviço

O que: Instalação Comitê de Bacia Hidrográfica do Alto Araguaia e posse dos seus representantes
Data: 05 de abril
Horas: 19h
Local: Auditório da Câmara Municipal de Barra do Garças – Rua Mato Grosso nº 617 – Centro – Barra do Garças

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Tangará da Serra está cada vez mais perto de ganhar uma escola militar

Publicado

Escola militar possui disciplina diferenciada (Imagem: Internet)

Tangará em Foco –  Alexandre Rolim

Uma equipe técnica da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) visitará Tangará da Serra nos próximos dias com o objetivo de analisar as escolas estaduais da cidade e emitir um documento indicando qual delas é mais viável para receber uma escola de disciplina cívico-militar.

O anúncio foi feito pelo tenente-coronel Wendel Soares Sodré, comandante do 7º Comando Regional de Tangará da Serra, nesta terça-feira, 18.

Segundo ele é um passo importante para a consolidação do projeto, que é um anseio da comunidade tangaraense.

“Foi autorizado o estudo de viabilidade para a transformação de uma das escolas estaduais já existentes na cidade em uma Escola Tiradentes”, disse.

O coronel está confiante e sua expectativa é de que tudo se efetive ainda no primeiro semestre de 2020 e que as matrículas na escola cívico-militar comecem já em julho.

“Isso foi prometido pelo secretário adjunto, o Allan [Porto], essa equipe vai vir estudar qual a escola mais viável, o recurso que vai ser necessário e aportado na escola para poder iniciar o processo seletivo de profisisonais e tudo se efetivando, começar as matrículas até o mês de julho”, falou.

Veja Também:  Curso ajuda a transformar projetos em negócios

O coordenador da Assessoria Pedagógica da Seduc em Tangará da Serra, Saulo Scariot, confirmou a informação ao Tangará em Foco. Ele disse que está tudo acertado para a equipe técnica do Estado vir a cidade nos próximos dias, mas a data precisa ainda não foi definida. “Eles ficaram de agendar, mas ainda não obtive resposta. Estou no aguardo”, disse.

Ele não soube adiantar quais escolas serão vistoriadas.

O Tangará em Foco apurou que os prédios das escolas estaduais Pedro Alberto Tayano (Vila Esmeralda) e Bento Muniz (Jardim Santiago), e a nova escola do Altos do Tarumã são alguns dos focos do projeto.

O vereador Claudinho Frare comemorou a notícia. “Desde que assumi como vereador tenho defendido isso, a escola militar tem sido uma das minhas bandeiras. A gente torcia para que fosse construída uma nova escola, para também ampliar as vagas para os alunos, mas fazendo a instalação em um prédio já existente também é de grande importância, é um avanço para nosso município”, destacou.

Veja Também:  Pimenta de cheiro e tomate sobem; quiabo e banana-maçã têm queda

Fonte: Tangará em Foco –  Alexandre Rolim

 

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Justiça determina o afastamento de vereador

Publicado

Rodrigo Lemes de Paula (Pros) foi afastado e está proibido de acessar as dependências do Legislativo e do Executivo

Política

G1 MT 

A Justiça determinou na segunda-feira (17) o afastamento do Vereador presidente da Câmara de Campos de Júlio, a 692 km de Cuiabá, Rodrigo Lemes de Paula (Pros), do cargo. Ele é acusado de improbidade administrativa por irregularidades na reforma do prédio da Câmara. A reportagem não conseguiu contato com o parlamentar.

O parlamentar também está proibido de acessar as dependências do Legislativo e do Executivo.

O afastamento foi pedido em janeiro deste ano pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPMT), que ingressou com uma ação civil pública contra o vereador.

A medida, de acordo com o MP, é necessário porque há indícios de que Rodrigo estivesse tentando atrapalhar as investigações contra ele. O auditor nomeado para apurar os atos de improbidade administrativa denunciou perseguição, retaliação e outras formas de abuso de autoridade por parte do vereador.

No pedido de afastamento, o MP afirma que “Rodrigo Lemes de Paula promove medidas retaliatórias desta estirpe, constrangendo frontalmente e usurpando ilegalmente as atribuições do servidor público que é a principal testemunha a ser ouvida acerca da conduta irregular dele”.

Veja Também:  Governo informa servidores sobre mudanças em processos administrativos

Fonte: G1 MT

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

O QUE VOCÊ ESTÁ ACHANDO DA GESTÃO DO GOVERNADOR MAURO MENDES ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana