conecte-se conosco


Economia

Etanol vendido em Mato Grosso é o 2º mais barato do país

Publicado

Site UOL repercutiu estudo de empresa especializada que mostrou onde vale a pena abastecer

Lucas Rodrigues | Secom-MT

– Foto por: Gcom-MT

O site nacional UOL Carros divulgou, nesta sexta-feira (10.01), um estudo mostrando que Mato Grosso é o 2º estado com o menor preço médio de venda do etanol do Brasil.

O estudo foi promovido pela Ticket Log, empresa que possui especialidade em administração de frotas e soluções de mobilidade, com base nos preços praticados entre 30 de dezembro de 2019 a 3 de janeiro deste ano.

De acordo com o levantamento, Mato Grosso só fica atrás de São Paulo no ranking dos estados onde é mais vantajoso ao cidadão abastecer com etanol em relação à gasolina. Apenas nove estados foram considerados vantajosos.

Em Mato Grosso, o preço médio do litro do etanol é de R$ 3,072 e o custo médio por km rodado é de R$ 0,361.

Um dos fatores preponderantes no valor de venda do etanol é a carga tributária do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) cobrado por cada Estado.

Veja Também:  William Waack conversa com empresários sobre os 100 dias do governo Bolsonaro

Esse quesito explica o porquê de Mato Grosso estar em posição de competitividade, uma vez que possui a segunda menor alíquota do país, com 12,5%, atrás apenas de São Paulo, que pratica o percentual de 12%.

Na maioria dos Estados, a alíquota aplicada ao combustível está em torno de 20%. Em alguns Estados o percentual é mais elevado, como no Rio Grande do Sul, que atinge 30%.

Já nos Estados vizinhos, o valor cobrado é superior ao dobro do aplicado em território mato-grossense. Em Tocantins, a alíquota é 29%; Rondônia está fixado em 26%; e no Amazonas, Pará, Mato Grosso do Sul e Goiás é cobrado 25%.

Pela Legislação estadual vigente, o Governo pode cobrar uma alíquota de até 25% sobre o etanol. No entanto, um benefício é concedido ao segmento, o que reduz a base de cálculo do imposto, chegando na carga tributária efetiva de 12,5%.

Comentários Facebook
publicidade

Carros e Motos

Usuários podem realizar diversos serviços do Detran-MT pela internet

Publicado

A opção de realizar serviços online é uma forma de evitar o deslocamento desnecessário do cidadão a qualquer unidade da autarquia, especialmente no atual momento de prevenção à propagação do novo coronavírus

Lidiana Cuiabano | Detran-MT

Serviços online no site do Detran-MT – Foto por: Lidiana Cuiabano

Serviços online no site do Detran-MT

Diversos serviços do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) relacionados a Habilitação e a Veículos podem ser realizados através do site da autarquia (www.detran.mt.gov.br).

A opção de realizar serviços online é uma forma de evitar o deslocamento desnecessário do cidadão a qualquer unidade da autarquia, especialmente no atual momento de prevenção à propagação do novo coronavírus.

Ao entrar no site do Detran-MT, já na página principal, estão disponíveis dois menus: “Consulte Sua Habilitação” e “Consulte Seu Veículo” os quais os cidadãos têm acesso a informações sobre habilitação e o veículo consultado, como infrações em autuação, multa, débito em aberto, além da opção de emissão do licenciamento e Seguro DPVAT.

Ainda na página principal do site, também está disponível o menu “Consulte Sua Infração”, pelo qual é possível consultar a infração, o recurso de infração, recurso de defesa de autuação e demais informações sobre penalidades.

Outro menu disponível no site é o de “Serviços Online”. Ao clicar nele, o usuário consegue ter acesso rápido a serviços de Habilitação como: solicitação de segunda via de CNH, consulta de condutor e pontuação, validação de documento, consulta de turmas de exame teórico, solicitação de CNH definitiva, consulta de taxas de habilitação e recursos de infração, consulta da Permissão Internacional para Dirigir (PID).

Veja Também:  Empaer comercializa alevinos de tambacu e tambatinga em janeiro

Todos os serviços relacionados acima podem ser feitos 24 horas por dia.

Atendimento presencial

O atendimento presencial está sendo realizado exclusivamente para os serviços que não estão disponíveis online. Para tanto, é necessário que o usuário faça o agendamento do seu atendimento através do site do Detran-MT (www.detran.mt.gov.br). O horário para atendimento com agendamento é das 8h às 16h, de forma ininterrupta.

Para agendar, basta acessar o endereço eletrônico do Detran-MT e clicar na mensagem de tela (pop up), que irá direcionar à página de agendamento.

Ao entrar na página, deve preencher o formulário com os seus dados pessoais, escolher a unidade a qual deseja ser atendido e agendar a data e o horário para o atendimento presencial.

São realizados o atendimento presencial por agendamento dos seguintes serviços na área de Veículos: transferência de propriedade, emplacamento, emissão de CRV, segunda via de CRV, mudança de característica de veículo, vistoria, mudança de categoria do veículo, inclusão e baixa de financiamento, substituição, gravação e regravação de motor; gravação e regravação de chassi, comunicação de venda, baixa definitiva, troca de placa para Mercosul, serviços de controle veicular (recebimento e liberação de veículos no pátio), auditoria dos processos, serviços de infrações (recurso de defesa e Jari).

Veja Também:  TCU proíbe Infraero e Eletrobras de aumentarem salários de funcionários

Já na área de Habilitação podem ser agendados os serviços de: coleta de imagem, primeira habilitação, mudança e adição de categoria, renovação de CNH, alteração de dados, registro de estrangeiro, transferência de UF/Ciretran, retirada de CNH, indicação de real condutor, exames teóricos digitais (com agendamento próprio).

O Detran-MT reforça que, no atendimento presencial, é permitida a entrada somente do usuário com atendimento agendado, utilizando máscara, sendo vedada a entrada de acompanhantes.

Para garantir a segurança dos usuários e servidores, o Detran-MT disponibilizou kit contendo máscara, luva e álcool em gel para todos os servidores, bem como álcool 70% na entrada da unidade de atendimento para os usuários com atendimento agendado. Também está sendo respeitado o distanciamento mínimo para contato entre usuários e servidores.

Fonte Assessoria

 

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Contribuintes já pagaram R$ 5,4 bilhões por 3,7 mil obras paradas em Mato Grosso

Publicado

Levantamento do TCE mostra que 3,7 mil contratos assinados com empreiteiras ainda estão paralisados e as prefeituras e o governo não estariam acompanhando a situação

Reinaldo Fernandes

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Levantamento atualizadodo Tribunal de Contas do Estado (TCE) mostra 3,7 mil obras paradas hoje em Mato Grosso. São projetos que começaram a ser executados por governo e prefeituras e que tiveram os serviços interrompidos nos últimos meses. 

Elas custaram, até o momento, R$ 5,4 bilhões aos cofres públicos. O valor é de serviços já executados e não correspondem ao valor total dos contratos.

Segundo o TCE, ainda restam a pagar R$ 3,8 bilhões. Quantia que, provavelmente, terá correções com a volta à normalidade da situação.

O levantamento aponta que 139 das 141 prefeituras estão hoje com contratos cujas execuções estão emperradas. 

A conclusão do conselheiro relator do caso, João Batista de Camargo Junior, é que as prefeituras e o governo não estão fiscalizando as obras iniciadas e estão deixando passar critérios como tempo estipulado para a conclusão, item que, mais cedo ou mais tarde, reflete no preço da obra.

“A cada novo exercício [de mandato], novos projetos de investimento são iniciados, enquanto os antigos permanecem paralisados e não são concluídos”, pontua.

 

Veja Também:  Governo pede prorrogação do ICMS para cerca de 150 mil pequenas empresas

 

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

O QUE VOCÊ ESTÁ ACHANDO DA GESTÃO DO GOVERNADOR MAURO MENDES ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana