conecte-se conosco


Policial

Idosa de 69 anos é agredida pelo próprio filho em Tangará; ela fraturou braço e rosto

Publicado

Um homem de 42 anos de idade foi preso pela Polícia Militar acusado de espancar a própria mãe, uma idosa de 69 anos, na madrugada desta quarta-feira, 21, em Tangará da Serra. Orácio Elias foi preso algumas horas depois, enquanto sua genitora passou por exames que confirmaram fraturas em um dos braços e no rosto, provocadas pelas agressões do filho.

Orácio Elias espancou a própria mãe, uma idosa de 69 anos (Foto: Arquivo pessoal)

O fato chocante mobilizou a Polícia Militar na manhã de ontem depois que um vizinho chegou na casa da idosa e a encontrou naquela situação, cheia de hematomas, abatida e sem chão.

O tenente Márcio Pereira, da Polícia Militar, contou ao Tangará em Foco que o vizinho da vítima denunciou o caso. “Ele chegou na casa dessa senhora, no período matutino, e viu que ela estava com algumas lesões, ela narrou a ele que tinha apanhado do próprio filho, durante a madrugada”, narrou o tenente.

Após receber as informações, os policiais começaram a procurar pelo suspeito, que foi localizado e preso próximo a Feira do Produtor, na região central da cidade.

Veja Também:  Comando Vermelho de MT tem seis mil membros e independência de facção no RJ

Antes disso, a idosa, de 69 anos de idade, foi levada para a UPA 24 Horas, onde passou por exame de raio-X, que confirmou fraturas no braço e mão esquerdos e na região da face. “Ela é uma senhora de 69 anos e apresentava lesões graves”, relatou o tenente Márcio.

O elemento foi conduzido para a Delegacia da Mulher, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante. O agressor é usuário de entorpecentes e estaria embriagado na hora das agressões.

Aos policiais, durante a prisão, Orácio disse que estava arrependido do que havia feito e que havia tomado veneno para se matar.

“Quando foi preso, ele disse que estava arrependido e que teria ingerido veneno de rato, nas palavras dele, há uns 30 minutos, por arrependimento de ter agredido a própria mãe”, continuou o policial.

Ele passou por exames médicos e por uma lavagem estomacal, para a eliminação da substância tóxica que tinha ingerido.

Testemunhas contaram que essa não foi a primeira vez que Orácio agrediu a própria mãe.

Veja Também:  Policiais rodoviárias federais realizam Comando Feminino

“Ele já possui outras passagens pela polícia, já foi conduzido por diversas vezes para a Delegacia, mas desta vez ele foi preso em flagrante e passará por audiência de custódia e, posteriormente, dependendo do entendimento da magistrada, deverá ser conduzido para o CDP”, relatou o tenente.

O caso, que ganhou repercussão entre as pessoas que viram a situação da idosa e os conhecidos dela, está sendo acompanhado pela Polícia Civil.

Fonte: tangaraemfoco

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Operação combate pornografia infantil em Mato Grosso e outros 11 Estados

Publicado

image

O Bom da Notícia

Foto: PJC

Policiais de Mato Grosso e outros 11 estados do Brasil e de mais quatro países começaram a cumprir na manhã desta terça-feira (18) 112 mandados de busca e apreensão, na sexta fase da Operação Luz na Infância. O objetivo é combater a pornografia infantil e a exploração sexual de crianças e adolescentes.

A operação, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, busca arquivos com conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual praticados contra menores de idade. Os suspeitos podem ser presos em flagrante caso a polícia encontre armazenamento, distribuição e produção do conteúdo.

Até por volta de 8h, duas prisões haviam ocorrido em Francisco Beltrão, no Paraná, e uma em Campo Grande (MS).

Até a última atualização desta reportagem, o número total de apreensões não havia sido divulgado.

As agências de aplicação da lei da Colômbia, Estados Unidos, Paraguai e Panamá também cumprem mandados de busca e apreensão.

A operação desta terça (18) é executada pela Polícia Civil dos seguintes estados:

  1. Santa Catarina
  2. São Paulo
  3. Rio Grande do Sul
  4. Rio de Janeiro
  5. Piauí
  6. Paraná
  7. Mato Grosso do Sul
  8. Mato Grosso
  9. Goiás
  10. Ceará
  11. Acre
  12. Alagoas
Veja Também:  Ação conjunta fiscaliza academias em Cuiabá

As penas para os crimes investigados variam de 1 a 8 anos de prisão. Quem armazena material de pornografia infantil tem pena de 1 a 4 anos de prisão. Para quem compartilha, a pena é de 3 a 6 anos de prisão. A punição para quem produz esse tipo de material é de 4 a 8 anos de prisão.

Fonte: O Bom da Notícia

 

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Camionete roubada em Tangará é recuperada pela PM de Nova Olímpia

Publicado

Foto por: PM/CRVII

Click Nova Olímpia

A Polícia Militar de Nova Olímpia recuperou na tarde desta segunda-feira (17), por volta das 16h05 um veículo produto de furto de Tangará da Serra que estava escondido em um canavial na região da zona rural do município.

Segundo informou a guarnição de serviço, ao receber informação do proprietário da camioneta Chevrolet D-20, os policiais iniciaram diligências pela região, encontrando-a no canavial nas proximidades do viaduto, após a entrada do assentamento São José.

Foi registrado o Boletim de Ocorrência e o veículo foi encaminhado a Delegacia de Polícia Civil para as providências necessárias.

Camioneta roubada em Tangará é recuperada pela PM de Nova Olímpia Camioneta roubada em Tangará é recuperada pela PM de Nova Olímpia
Fonte: Click Nova Olímpia

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT.

Comentários Facebook
Veja Também:  PRF apreende cerca de R$4,5 milhões durante fiscalização na BR-070 em Poconé/MT
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

O QUE VOCÊ ESTÁ ACHANDO DA GESTÃO DO GOVERNADOR MAURO MENDES ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana