conecte-se conosco


Barra do Bugres e Região

Mulher é presa por tráfico de droga depois de fugir de várias abordagens em Tangará da Serra

Publicado

Maricelle Lima Vieira | PMMT

Material apreendido estava com suspeita durante abordagem – Foto por: PMMT

Material apreendido estava com suspeita durante abordagem

Policiais militares de Tangará da Serra (a 239 km de Cuiabá) prenderam na madrugada desta quarta-feira (11.12), uma mulher, identificada como M.P.S. (26 anos), por tráfico de drogas.

De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais já vinham monitorando a suspeita que em outras ocasiões conseguia fugir das abordagens. Quando a equipe chegou na sua residência, novamente M., tentou correr e ainda jogou porções de cocaína no chão, mas foi contida, mesmo apresentando resistência.

Foram apreendidos no imóvel porções de pasta base de cocaína, um caderno com anotações do tráfico, plástico filme, um simulacro de pistola, além de dinheiro.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Veja Também:  Colisão entre motos deixa um ferido em Tangará da Serra

Comentários Facebook
publicidade

Barra do Bugres e Região

Homem sofre emboscada em pátio de igreja e leva 6 tiros de pistola

Publicado

Juliano dos Reis Neiva foi socorrido com vida e está internado na UTI do Hospital Regional de Cáceres. Crime aconteceu na quinta-feira (23) em Araputanga.

Polícia Militar atendeu a ocorrência que aconteceu por volta das 13h30.

Juliano dos Reis Neiva, 35 anos, foi atingido por pelo menos seis tiros no pátio da igreja católica no município de Araputanga  (345 km de Cuiabá).  O crime ocorreu no bairro Cidade Alta por volta das 13h30 de quinta-feira (23).

A vítima foi socorrida e encaminhada ao hospital local, mas devido à gravidade dos ferimentos foi transferida para o Hospital Regional de Cáceres (225 km de Cuiabá), onde passou por cirurgia. Segundo as últimas informações, a vítima está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

De acordo com a Polícia Militar, não foi possível identificar, no primeiro atendimento, a quantidade de tiros que atingiram a vítima.

No entanto, durante o resgate, Juliano estava consciente e relatou que o autor da tentativa de homicídio era um homem moreno, magro e baixo. No local do crime a PM localizou munição de pistola calibre 380. Nenhum suspeito foi preso até o fechamento desta matéria.

Veja Também:  Quatro pessoas morrem após caminhão invadir pista e colidir com veículo na Serra Tapirapuã em Nova Olímpia

De acordo com informações do site do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), Juliano possui diversas passagens pela polícia e responde a vários processos, entre eles por lesão corporal, receptação, associação criminosa, ameaça e injúria real. Já foi acusado de tentativa de homicídio, mas a Justiça decidiu pela impronúncia do réu (decisão para que não enfrente o Júri Popular).

(RepórterMT)

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Garoto de 13 anos discute com irmão por celular e se mata em São José dos Quatro Marcos 

Publicado

Folha Max

A principal suspeita é de que o caso se trata de um suicídio. Em depoimento, o pai informou que tinha mandado o filho cuidar da marcenaria enquanto almoçava.

Cerca de meia hora depois, foi ao local e encontrou o corpo do adolescente pendurado. Ele chegou a romper a corda e fez respiração “boca a boca” no garoto, mas não conseguiu reanima-lo.

Uma equipe médica confirmou a morte dele. Segundo o pai, o filho tinha brigado com o irmão por conta de um celular.

Ele acabou chamando a atenção dele, antes de mandá-lo cuidar da marcenaria.

BUSCA POR APOIO

A prevenção do suicídio pode ser feita em apenas uma ligação, o CVV (Centro de Valorização da Vida) realiza este trabalho de forma voluntária e gratuita.

Além do sigilo total, pode ser feita por diversos por telefone, e-mail, chat e Skype 24 horas todos os dias. O telefone de contato são 188 ou 141 (de acordo com a região), pessoalmente (nos 85 postos de atendimento) ou pelo www.cvv.org.br via chat, Skype, e-mail ou carta.

Veja Também:  Doze municípios têm decreto de emergência aprovado em MT após prejuízos causados por chuva

Em Tangará da Serra há o Centro de Atenção Psicosocial: (65) 3326-4450.

Fonte: Folha Max

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana