conecte-se conosco


Policial

Operação em presídio de MT retira freezer, ventiladores e até microondas; celas não terão mais energia

Publicado

A operação de reforma e limpeza que está sendo feita na Penitenciária Central do Estado (PCE) já retirou ventiladores, microondas e até freezers de dentro das celas em que estavam os reeducandos. A informação foi divulgada pelo secretário de Segurança Pública (Sesp), Alexandre Bustamante, na última quinta-feira (15). O episódio gerou o temor de que um novo ‘salve geral’ [série de atentados contra o Estado] pudesse ocorrer em Cuiabá, a exemplo de 2016.

“É uma operação necessária. Precisamos dar a limpeza, faxina adequada. Tem muita coisa lá dentro. Não vou dizer quem colocou ou quando, mas vamos retirar. Tinha muito freezer, equipamentos que a lei não permite. Até microondas foi retirado”, disse o secretário.

Segundo Bustamante, como a unidade é antiga, as tomadas são internas nas celas, o que deverá mudar com a reforma. “Retiramos os ventiladores e agora vamos fixá-los nas paredes. Todas as tomadas serão externas. Vamos retirar toda a energia de dentro das celas em que estão os reeducandos”.

Além disto, o secretário ainda pontuou que um acumulado de panos, que prejudicam a saúde dos detentos também está sendo retirado. Um balanço deverá ser divulgado pela pasta apenas no fim da operação.

Veja Também:  Foragido do Paraná é preso em Sorriso

A operação de reforma na Penitenciária Central do Estado foi iniciada na segunda-feira (12) e estão sendo realizadas mudanças nas celas, pinturas e retirada de produtos que estão em desconformidade com o Manual de Procedimento Operacional Padrão do Sistema Penitenciário.

Além da reforma, a operação de revista geral tem o objetivo de fortalecer as ações de enfrentamento a crimes que possam ser cometidos dentro da unidade penal, além de se antecipar a possíveis atos delituosos.

Durante esta semana estão suspensas as visitas aos reeducandos, assim como o atendimento a advogados e defensores públicos. Apenas as escoltas emergenciais, em caso de saúde, serão realizadas.

A operação é realizada apenas na Penitenciária Central do Estado, não sendo estendida a nenhuma outra unidade no interior ou mesmo na Capital.

Entre os materiais em excesso que estão sendo retirados, segundo o Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindspen), estão televisores, ventiladores, prestobarba, sanduicheiras e outros eletrodomésticos. “É uma limpa. O excesso atrapalha o trabalho de revista dentro da unidade. É até uma questão de saúde, temos um número alarmante de doenças infectos contagiosas”, disse a presidente do Sindspen, Jacira Maria da Costa.

Veja Também:  Polícia Civil prende traficante e fecha ponto de distribuição de drogas em Rondópolis

Ameaça

Áudios que circulam pelas redes sociais apontam para a possibilidade de um novo ‘salve geral’ em Cuiabá. As mensagens começaram a circular na última terça-feira (13), após um limpa ser feito dentro da Penitenciária Central do Estado (PCE), com o objetivo de fortalecer as ações de enfrentamento a crimes que possam ser cometidos dentro da unidade penal, além de se antecipar a possíveis atos delituosos. A Secretaria de Segurança Pública (Sesp) informou que os envolvidos serão responsabilizados criminalmente.

Com informações do Olhar Direto

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Homem é preso acusado de abusar sexualmente de cinco crianças em Nova Olímpia

Publicado

Acusado abusada das sobrinhas

Um homem de 49 anos de idade foi preso na última sexta-feira, 27, acusado de pedofilia em Nova Olímpia. Investigações da Polícia Judiciária Civil apontaram que J.R.T.S, teria estuprado cinco vítimas, fato que fez com que o juiz da comarca de Barra do Bugres acatar o pedido de sua prisão.
De acordo com o delegado Adil Pinheiro de Paula, a PJC estava debruçada nas investigações desde o fim do mês de agosto.

“Esse suspeito, no mês de fevereiro desse ano tinha abusado de uma criança de apenas 3 anos de idade. Essa criança é sobrinha dele, sobrinha de sangue da mulher dele. Essa criança demorou todo esse tempo [de fevereiro a agosto] para noticiar o fato à mãe. Quando a mãe ficou sabendo dessa situação, levou a criança na Delegacia de Polícia. As investigações começaram com essa vítima e rapidamente, dentro de um mês, a Polícia Civil conseguiu identificar outras quatro vítimas, num total de cinco vítimas desse suspeito preso na data de hoje”, disse.

Veja Também:  Diretoria realiza visita técnica para novas parcerias em Cáceres

Ainda conforme o delegado, quatro das cinco vítimas eram sobrinhas do homem preso. Graças às investigações a polícia apurou que além do caso de fevereiro deste ano, alguns casos aconteceram há mais de 10 anos. Os investigadores descobriram que o homem agia oferecendo balas e doces para persuadir as crianças. O homem foi interrogado e negou os cinco casos. Segundo o delegado, ele se disse surpreso com as acusações.

Redação DS

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

200 quilos de maconha são apreendidos em trabalho integrado entre PF e PM de MT e GO

Publicado

Resultado de imagem para 200 quilos de maconha são apreendidos em trabalho integrado entre PF e PM de MT e GO

Uma ação conjunta entre policiais federais e militares de Mato Grosso e Goiás prendeu dois homens e apreendeu 200 quilos de maconha em Alto Araguaia , na manhã desta segunda-feira (23.09).

De acordo com o boletim de ocorrência, a primeira informação foi passada pelo Grupo Tático de Goiás, descrevendo que três veículos, um GM Blazer preta, VW Gol branco e um VW Fox prata estariam transportando entorpecente e passariam pela rodovia MT-100. A equipe solicitava apoio durante abordagem.

Foi montado um cerco na rodovia e o primeiro carro avistado e abordado foi a Blazer. O motorista identificado como E.V..s

(27 anos) e o passageiro L.M.S. (43) carregavam dois tambores com 50 litros de gasolina. Logo atrás vinha o Fox que efetuou uma manobra e retornou no sentido oposto.

Os policiais passaram a acompanhar o veículo que foi encontrado abandonado a pouco metros. Na vistoria no automóvel foram encontrados quatro sacos com vários tabletes de maconha.

O terceiro carro, o Gol, também foi abandonado a pouco metros.

Consta no B.O. que a estratégia do grupo já vinha sendo monitorado pela PF e PM de Goiás e que os dois detidos atuavam como batedores do Fox que carregava a droga. Outra informação é que a Blazer e Fox tinham rádios comunicadores amadores escondidos no interior do painel e estavam na mesma frequência.

Veja Também:  Foragido do Paraná é preso em Sorriso

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Por: Gazeta FM Tangara com assessoria

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana