conecte-se conosco


Sem categoria

Por causa de buracos e acidentes constantes, moradores fazem protesto e fecham avenida em Tangará

Publicado

Moradores reclamam de buracos em avenida em Tangará da Serra — Foto: Reprodução/TVCA

Cansados de tantos buracos, acidentes e da dificuldade de passar pela Avenida Nilo Torres, moradores de Tangará da Serra, a 242 km de Cuiabá, interditaram o local com pneus velhos e cavaletes, no sábado (6). Nesta segunda (8), servidores da prefeitura estiveram no local e fizeram a desobstrução.

De acordo com a população, em razão dos buracos, ocorrem muitos acidentes. O profissional autônomo, João Martins, que mora na região da avenida disse que é complicado passar pelo local.

“Já faz tempo que a situação está assim, a rua cheia de buracos e com chuva é pior, temos que ficar desviando e corremos risco de bater no carro que vem na mão contrária”, comentou.

Moradores fecharam acesso à avenida e cobram providências em Tangará da Serra — Foto: Reprodução/TVCA

Moradores fecharam acesso à avenida e cobram providências em Tangará da Serra — Foto: Reprodução/TVCA

Como a avenida dá acesso a outros bairros de cidade e à MT-480, o bloqueio gerou confusão, pois parte do fluxo foi desviado e os motoristas que passaram pelo local, precisaram andar na contramão.

Depois de muita reclamação, o secretário municipal de Infraestrutura, José Bernardino da Silva, esteve no local junto com servidores da secretaria, para garantir a desobstrução da via.

Ele disse aos moradores que tomará providências assim que acabar o período de chuva.

Motoristas tiveram que andar na contramão após fechamento de via em Tangará da Serra — Foto: Reprodução/TVCA

Motoristas tiveram que andar na contramão após fechamento de via em Tangará da Serra — Foto: Reprodução/TVCA

Por Nayana Bricat, TV Centro América

Comentários Facebook
publicidade

Sem categoria

PM de Barra do Bugres fecha boca de fumo e prende três suspeitos próximo a Unemat

Publicado

Celso Dornellas

Vídeo e fotos no Final da Matéria

Na noite de sexta-feira (13) por volta das 21h30, o Grupo CAR em Ação, obteve êxito em localizar e desativar um local que segundo informações, funcionava como “Boca de Fumo” próximo a Unemat em Barra do Bugres.

No local foral localizados e encontrados, várias porções já embalada para venda, além de uma porção de aproximadamente 100 gramas de maconha. Também foi encontrado, comprimidos de ecxstasy, cadernos de anotações, balanças de precisão, celulares, notebook, materiais usados para embalar a droga e R$ 2,510,00 em dinheiro.

Os suspeitos, J.L.Z.S, 20 anos, R.C.O., 24 anos e N.G.N., 29 anos, foram detidos e encaminhados para a delegacia de Polícia Judiciária Civil de Barra do Bugre, onde serão ouvidos pelo delegado e estarão à disposição da justiça.

Esta é mais uma Ação da Operação Final de Ano desencadeada, pela Polícia Militar de Mato Grosso, que vai continuar até o final do mês.

No dia 06 de dezembro, foram presos dois suspeitos no bairro Jardim Alvorecer.  Já no dia 11, um outro suspeito foi preso também por comercializar drogas perto da Universidade. Com essa é a terceira apreensão em apenas oito dias.

Veja Também:  Sorteio da Abelhinha da Sorte será no próximo sábado, Vídeo

Segundo o comandante da 12º Companhia de Polícia Militar de Barra do Bugres Major Sávio, juntamente com Tenente Muniz e toda corporação a Ação de PM será contínua durante todo este período, sempre com o objetivo de levar segurança redobrada as pessoas de bem.

Comentários Facebook
Continue lendo

Sem categoria

Jovens são raptadas em assalto em Barra do Bugres e liberadas em Tangará da Serra

Publicado

Vítimas foram levadas para um motel e sequestro movimentou a madrugada no setor de segurança pública

Polícia

Diário da Serra

Um crime que começou em Barra do Bugres teve seu desfecho em Tangará da Serra na madrugada desta sexta-feira, 13. Um quarteto armado invadiu uma casa na cidade vizinha, onde estava uma família. Ao fugirem, dois deles sequestraram duas adolescentes, filhas do casal, e as levaram para um motel próximo à Tangará. Outros dois, se dispersaram com um veículo para Cáceres, região de fronteira com a Bolívia.

A Polícia Militar foi acionada e mobilizou homens para trabalharem na negociação, a fim de que as vítimas fossem liberadas pelos criminosos. Após muita conversa, por volta das 04h00 da manhã, a dupla de sequestradores se entregou e libertou as jovens, sem nenhum ferimento.

Os dois foram presos e conduzidos para a Delegacia de Polícia de Tangará da Serra para que fossem tomadas as devidas providências. Segundo a PM, um dos elementos possui passagens pela polícia e já residiu em Tangará da Serra.

Veja Também:  Unemat aprova junto ao MEC mestrado para povos indígenas

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana