conecte-se conosco


Mulher

Renan Batista Silva mostra 7 dicas para gerar mais leads na economia da internet

Publicado

Os adolescentes geralmente são precursores da próxima onda, além de serem ávidos consumidores. Esses jovens de 13 a 19 anos compõem uma parte significativa da população mundial. O Globalist compartilha dados da Sociedade Nacional gráfico listando mais de 800 milhões de adolescentes em todo o mundo em 1999 mostra Renan Batista Silva. Isso é cerca de 13% da população global. Foi a maior contagem já registrada para a categoria adolescente. Dados recentes registram mais de 40 milhões de pessoas nos EUA na faixa etária de 10 a 24 anos. A ONU diz que o mundo tem 1,8 bilhão de jovens entre 10 e 24 anos.

Nos dias de hoje é importante empresas encontrarem maneiras de se conectar com adolescentes, se envolver e se tornar fãs da marca. Renan Batista Silva
lista 7 maneiras de fazer isso:

Leia também: Cristina Boner revela as 10 características da mulher bem sucedida e criativa


Renan Batista Silva
Divulgação

Renan Batista Silva


1. Redes sociais

Nesta era moderna da tecnologia, o uso de mídias sociais é básico e essencial para empresas e negócios. É uma avenida de marketing que você deve colocar esforços pacientes e até mesmo elaborados em, especialmente durante o start-up. Twitter, Instagram, Facebook, Pinterest; Estes são todos gratuitos e prontos para o seu uso. Existem mais canais pelo caminho. À medida que seu negócio se expande, você também pode contratar gerentes de mídia social para fortalecer ainda mais os consumidores de sua marca e aumentar sua base de fãs fiéis.

Por que se envolver em mídias sociais? Adolescentes estão online. Seus amigos e familiares estão online. Os adolescentes adoram e usam conteúdo compartilhável. Portanto, crie anúncios e promoções atraentes e interessantes para os adolescentes poderem repostar ou marcar seus amigos e familiares.

2. Vários canais de comunicação

Vá direto de várias maneiras. Envie mensagens SMS (texto). Envie comunicações por email. Ainda vale a pena enviar mensagens de papel para as pessoas. Ofereça ebooks simples com conteúdo direto, ofereça muitos videos no Youtube. Envie cartas também, cartas hoje em dia são novidades.

Os telefones celulares são dispositivos de comunicação essenciais, portanto, a maioria dos adolescentes já os tem. Sua marca nas caixas de entrada de mensagens regularmente ajuda a promover o reconhecimento e a lembrança da marca. Então envie-lhes novas informações e promoções.

Os e-mails são a maneira de hoje normal do envio e recebimento de e-mail. Apesar de uma estratégia que parece perder forca, emails com conteúdo podem gerar ótimos resultados. Além disso, emails são baratos, rápidos e de fácil acesso. Os adolescentes provavelmente estarão online o tempo todo. Através de e-mails, eles estão ao alcance fácil e imediato.

Então, como você obtém endereços postais, números de telefones celulares e endereços de e-mail? Uma maneira simples é criar formulários de pesquisa atraentes e formulários de associação em sua loja física ou site on-line. Ofereça algum brinde em troca de informações como um item pequeno ou uma porcentagem de desconto em sua compra nova ou próxima.

3. Mantenha um site de compras online.

Jovens ou velhos, as pessoas adoram navegar em sites de compras online contou Renan Batista Silva. Com um site de compras on-line, você pode anunciar sua marca com seus produtos e promoções por 24/7. Com a maioria das pessoas conectadas e conectadas on-line, é mais fácil para os compradores adolescentes visitarem o site de compras on-line, sem mencionar a família e os amigos deles também.

Veja Também:  8 fotos que comprovam que os maridos são os reis das trapalhadas

As pessoas adoram a conveniência das compras online. Os consumidores conseguem ver tudo o que você oferece e as informações e detalhes são prontamente visíveis. Nem todo mundo pode visitar sua loja física, mas eles podem visitar sua loja online em um instante. 

Crie um site de compras on-line que seja simples de acessar e navegar. Instale widgets que permitirão que seus clientes compartilhem sua página com o clique de um botão. Ofereça melhores preços e benefícios para compradores on-line para que os adolescentes comprem vendas e descontos. Forneça opções para presentear. Os adolescentes adoram presentear-se e ser talentosos, por isso esse recurso é muito tentador para os adolescentes, seus amigos e familiares.

Mais importante, forneça métodos de pagamento seguros e flexíveis. Cartões de crédito, cartões de débito, PayPal, parcelas, até mesmo em dinheiro na entrega; veja como você pode oferecer uma variedade de pagamentos para acomodar todas as finanças do adolescente.

4. Ofereça um aplicativo de compras para celular.

A Statista projeta que os usuários de smartphones aumentarão até 2,87 bilhões até o ano 2020. Isso proporciona às empresas e empresas como a sua uma ótima maneira de gerar vendas e promoções para sua marca. E isso você pode fazer usando aplicativos de compras para dispositivos móveis. 

Os adolescentes ficam em aplicativos. Com sua loja exclusiva sua disponível no celular, você obtém taxas de conversação mais altas, o que significa que você tem mais chances de converter navegadores em compradores. Isso ocorre porque um aplicativo de compras para celular é segmentado. Os usuários que entram no aplicativo geralmente têm a intenção de fazer uma compra. É por isso que a distribuição de alimentos e outros do tipo, costumam ter um aplicativo que acompanha loja de móveis que as pessoas podem baixar no Google Play ou na App Store. Além disso, os aplicativos de compras para dispositivos móveis são ainda mais convenientes em comparação aos sites de compras on-line. Não há URL para lembrar e nenhum nome de usuário e senha para observar e colocar em cada tempo.

Com um aplicativo de compras para celular, você também pode enviar notificações por push. Com esse recurso, os clientes adolescentes recebem explicações rápidas e imediatas sobre seus novos itens e promoções de vendas. Estas notificações push são seus anúncios rápidas que convidam as pessoas para verificar volta para o aplicativo para ver o que há de novo com a sua marca, o que está de volta em estoque (especialmente se eles estão à espera de um fora de produto de ações), e que ‘ É um bom negócio para eles comprarem. Um aplicativo de compras para dispositivos móveis é, de fato, uma ótima maneira de aumentar as taxas de retorno de seus clientes e manter o interesse e a conscientização dos clientes sobre sua marca.

Veja Também:  Irmãs gêmeas se abraçam logo após se conhecerem fora do útero

5. Forneça conteúdo exclusivo de alta qualidade com alto valor para seu nicho.

Mostre autoridade máxima no seu nicho com o conteúdo de melhor qualidade do que todos os concorrentes. Faça com que interessados fiquem viciados em sua marca oferecendo conteúdo exclusivo. Ofereça esses itens exclusivos quando eles se inscreverem para a assinatura por correio ou por meio de registro on-line no site de compras on-line. Ofertas especiais Taylor para usuários de sites de compras on-line e usuários de aplicativos de compras móveis. Dê brindes ou vales de desconto para direcionar os membros do correio. Fornecer os clientes com uma visão avançada sobre o que está acontecendo eo que está saindo de sua marca. Dê pontos de recompensa por compras, pelo tempo de associação e por renovações de associação.

Com conteúdo exclusivo como esses e mais, você valoriza seus clientes regulares e atrai mais clientes para ver sua marca e fazer o download do seu aplicativo. Os adolescentes falarão sobre suas boas experiências. Boas críticas de usuários reais? Estes são o melhor tipo de marketing que você pode empregar.

6. Obtenha promoção, promotores e revisores relacionados.

Adolescentes são todos sobre influência. Eles tendem a olhar para cima e imitar as pessoas que admiram. Eles tendem a seguir o exemplo quando vêem que uma atividade ou produto funciona para sua família, amigos e ídolos de celebridades. Eles freqüentam o que é utilizável e relacionáveis. Eles gravitam em torno de marcas com as quais podem se identificar. Se sua marca for sobre saúde e fitness, crie materiais promocionais e contrate promotores com os quais seus clientes adolescentes possam se relacionar; talvez alguém que está lutou com e superou fraqueza ou doenças físicas e similares.

Se a sua marca for para o cuidado da pele, convide o tipo certo de revisores para o seu produto. Isso dá validade e integridade à sua marca. É mais provável que os consumidores comprem e confiem em sua marca quando você publica avaliações reais e válidas em seu produto por usuários verificados.

7. Criatividade antenada: Crie anúncios e eventos virais, memoráveis, atraentes e instigantes.

Estabeleça o recall da marca com anúncios e anúncios fotográficos memoráveis. Crie uma história interessante e interessante para seus videoclipes curtos. Fotografe uma sessão de fotos divertida e marcante para sua revista ou distribuição on-line. Ferramentas de marketing como essas incorporam sua marca nas mentes desses adolescentes que vão falar sobre seu anúncio com seus amigos e familiares.

Eventos promocionais simples e criativos podem dar bom resultado conta Renan Batista Silva. Seus participantes podem muito bem falar sobre eles por dias e meses, especialmente se tiverem um momento memorável em um de seus eventos. Seja qual for sua marca, existem maneiras de vinculá-la a um evento relevante para seu consumidor adolescente. Orçamento é discricionário. Você pode fazer tudo uma ou duas vezes por ano. Você também pode programar eventos de orçamento pequeno durante o ano para manter o conhecimento e o interesse da marca.

Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Deputados de MT apresentam moção de repúdio e protesto contra ‘Lei Neymar da Penha’

Publicado

Por encaminhamento da Câmara Setorial Temática de Combate à Violência Contra a Mulher da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, os deputados Janaina Riva (MDB) e Wilson Santos (PSBD) apresentaram moção de repudio e protesto contra o teor do Projeto de Lei 3369/2019, proposto pelo deputado Federal Carlos Jordy (Vice-líder do Governo) batizado de “Lei Neymar da Penha”.

“É importante frisar que essa moção atinge tão somente o teor do projeto, não alcançando suas características constitucionais, uma vez que o deputado federal, que foi legitimamente eleito, possui a prerrogativa de propor ações legislativas, as quais eu a Câmara Temática defendemos. O repúdio se dá na ação midiática que, sem contextualizar e fazer o devido resgate histórico, modifica sem critérios técnicos, um dispositivo criminalizador e, no caso específico, afeta muito o tema”, explica a deputada.

Segundo Janaina, o PL ‘Neymar da Penha’ visa aumentar a penalidade para quem faz falsas acusações de crimes contra a dignidade sexual, porém, vale ressaltar que, em regra, os delitos contra a dignidade sexual e agressões não costumam possuir testemunhas já que geralmente praticados pelo agressor contra a vítima a sós. Para ela o projeto dificulta e desencoraja ainda mais as mulheres vítimas a denunciarem os agressores.

Veja Também:  Para viajar e ajudar a mãe, modelo leiloa a virgindade por quase R$ 10 milhões

“A mulher que é vítima de qualquer agressão, seja ela moral, física ou sexual geralmente tem muita dificuldade em denunciar o agressor justamente pelo julgamento e pela dificuldade de provar. E é por isso que palavra da vítima possui grande valor, quando analisada com o conjunto probatório. A mulher vítima de violência percorre um difícil caminho, até chegar à penalização do autor. Algumas acabam sendo revitimizadas, com os julgamentos sociais, com a mídia e, também, com o sistema de justiça. Não é possível permitir a inversão dos papéis, pois a legislação deve ser o principal canal a evidenciar a real vítima e o verdadeiro agressor. A cultura do estupro é percebida sempre na culpabilização e objetificação da vítima e neste sentido esse projeto de lei contraria ao que o país vive na atualidade, no que diz respeito ao enfrentamento e combate à violência contra as mulheres, máxime, a sexual”, afirma.

A deputada lembra ainda que a Lei Maria da Penha é o instrumento mais importante do País no enfrentamento à violência no âmbito doméstico e familiar, merecendo ser reconhecida nacionalmente, como é fora do Brasil. Segundo ela, a moção de repúdio e protesto se dá também ao desrespeito à Maria da Penha, mulher que dá nome à Lei e precisou recorrer às cortes internacionais para que o autor das sucessivas agressões que sofreu fosse punido, justamente por não encontrar amparo da legislação brasileira.

Veja Também:  Como Mercúrio retrógrado pode afetar a sua vida e como “sobreviver” à isso?

“É de grande preocupação da Câmara Temática de Combate à Violência Contra a Mulher a forma desrespeitosa com que Maria da Penha Fernandes, que deu nome à Lei Maria da Penha, está sendo tratada no momento, passando, também, pela revitimação. O Brasil recebeu como recomendação internacional que a Lei 11.340\2006 fosse conhecida como Lei Maria da Penha, justamente para homenagear essa mulher vítima de violência doméstica que o País não havia dado o merecido tratamento quando sofreu as agressões. Apelidar o PL 3369\2019, de “Lei Neymar da Penha” é ofender à todas as mulheres brasileiras indistintamente. Esse projeto oferece ameaça às mulheres vítimas de estupro, que por anos a fio sofreram invisibilidade e julgamento com as discriminações e preconceitos vivenciados”, finaliza.

Assessoria de Imprensa

Jornalista Laura Petraglia – Audiovisual Jardel Silva

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Convidados querem levar 8 pessoas à casamento e web reage: “Não é um churrasco”

Publicado

Imagina só você convidar um casal para seu casamento e depois eles “informarem” que vão levar mais oito pessoas com eles? Esses noivos passaram por isso, e a situação viralizou nas redes sociais.

Leia também: Noiva sugere que madrinha grávida faça aborto para não “estragar casamento”


casamento
Reprodução/The Sun

Casal convidado para um casamento decide levar mais 8 pessoas com eles e internautas reagem: “Não é um churrasco”


O caso foi compartilhado no Facebook e chamou a atenção dos internautas. “Um casal foi convidado para o casamento
e eles decidiram chamar outras 8 pessoas!”, diz a postagem.

Os noivos
entregaram o convite e pediram para o casal em questão responder “gentilmente até 15 de abril de 2019” quantas pessoas da família iriam à cerimônia, e eles apontaram que “10 pessoas vão comparecer”.

Leia também: Mulher planeja cerimônia e envia convites antes mesmo do pedido de casamento

Na parte em branco, a dupla ainda especifica: “Seis adultos, quatro crianças”. Além disso, eles levantaram a hipótese de uma 11ª pessoa também ir ao evento.

Veja Também:  Casal faz contrato e estabelece algumas regras que devem ser seguidas na relação

Na web, a publicação gerou diversos comentários. “É um casamento, não é churrasco”, escreve um internauta. “Eu ligaria para eles e diria ‘não’. Se as outras pessoas fossem convidadas, elas teriam recebido um convite
”, opina outro.

Leia também: Noiva “surfa” na multidão depois de casamento e cena viraliza nas redes sociais

Uma usuária da rede social compartilhou história semelhante que ela viveu ao ter convidados surpresas na festa de casamento
. “Tiveram a coragem de reclamar do bolo (nós tínhamos feito um muito pequeno, só para nós)”, conta.

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana