conecte-se conosco


Mato Grosso

Seis veículos são recuperados ou localizados em quatro municípios

Publicado

Três carros e três motocicletas foram recuperados de quarta a sexta-feira (20 a 22), por unidades da Policia Militar, em Cuiabá, Gloria D´Oeste, Cáceres e Rondonópolis. Uma das ocorrência envolveu dois veículos, uma motocicleta Biz e uma camionete Hillux, que foram danificados durante a fuga dos suspeitos.

A ocorrência foi em Glória D´Oeste, no km 167, com a denúncia de que homens armados haviam roubado os veículos, em São José dos Quatro Marcos. Durante a perseguição, foi dada ordem de parada, porém em vão. Em alta velocidade, os suspeitos capotaram e danificaram a camionete e a moto, mas conseguiram fugir. Dentro da camionete foram encontrados: um televisor 43 polegadas, computador, impressora e um celular, que também ficaram danificados.

Veículo ficou danificado durante perseguição da polícia.  Foto: PMMT

Em Cáceres, na localidade de Cavalhada, policiais faziam ronda quando observaram uma Biz trafegando sem placa. Foi solicitado ordem de parada, que foi desobedecida, mas depois de alguns metros o suspeito veio a parar. Em consulta, foi encontrado uma queixa de roubo no dia 1º de dezembro de 2018, no bairro Santa Laura, em Cuiabá. A moto estava com placa clonada. A identificação só foi possível com a númeração do chassi. Então, o suspeito W.S.P., (23), foi encaminhado à delegacia.

Veja Também:  Gravado, padrasto alega que criança o forçava fazer sexo em MT

Ainda em Cáceres, no bairro Marajoara, os policiais receberam a informação que uma motocicleta YBR 125K, estava abandonada. No local, a PM confirmou que o veículo possuía uma queixa de roubo. A moto foi encaminhada à delegacia.

A moto Honda Biz foi encontrada em Cáceres. Foto: PMMT

Em Cuiabá, no bairro Altos da Serra, policiais prenderam J.C.S., (36), que dirigia um Kwid, que horas antes havia sido roubado no bairro CPA IV. Antes da abordagem, houve tentativa de fuga, sendo que o carona pulou do veículo ainda em movimento. O motorista foi detido no bairro Altos da Serra II. Ele foi encaminhado à delegacia junto com o veículo recuperado.

Em Rondonópolis, no bairro Centro, um Onix estava estacionado e, quando consultado, havia registro de roubo na quarta-feira (21). O veículo foi entregue na delegacia.

Comentários Facebook
publicidade

Economia

Com preço acessível, Sesc Alimenta será inaugurado nesta terça

Publicado

Nesta terça (21) às 10h, com os sabores da comida brasileira, será inaugurado o restaurante Sesc Alimenta. Oferecendo alimentação saudável por 12 reais o quilo, o restaurante é exclusivo para os trabalhadores do comércio e seus dependentes. O Sesc Alimenta funciona de segunda a sexta-feira das 11h às 13h30, na Av. Tenente Cel. Duarte, 2140, no bairro Porto em Cuiabá.

Com atendimento médio de 400 refeições por dia, o restaurante traz opções de saladas, proteínas e pratos tradicionais da culinária brasileira. A alimentação foi pensada por nutricionistas do Sesc Mato Grosso, e tem o compromisso com a qualidade e sabores do cardápio.

Além da refeição, por quilo, o restaurante também disponibiliza água ou um refresco para os clientes e não tem custo adicional.

“A procura por alimentação fora de casa é crescente entre a população, contudo, muitas vezes a alimentação fora do domicílio pode contribuir para o consumo de alimentos pouco saudáveis, bem como encarecer o orçamento familiar.” afirma a coordenadora administrativa do Sesc, Sarah Heitz.

A coordenadora ainda diz que a proposta do Sesc é oferecer alimentação de qualidade com preço baixo para o comerciário. “Neste sentido, o Serviço Social do Comércio oferece um espaço de alimentação com a proposta de oferecer refeições saudáveis, de baixo custo, saborosas e com garantia de qualidade.”, revela Sarah Heitz.

Veja Também:  Renovação da concessão da Malha Paulista garante expansão da ferrovia em MT

Para usufruir dos serviços é preciso ser trabalhador do comércio, bens de serviço, turismo, ou ainda ser cadastrado como dependente. Dessa forma, quando for ao restaurante é só apresentar o número do CPF.

Como obter o cadastro?

Se sua empresa estiver vinculada ao Sesc Mato Grosso, basta comparecer a Central de relacionamento do Sesc Arsenal, com documentos pessoais como carteira de trabalho, CPF, comprovante de residência e foto atualizada.

Já em relação ao dependente é preciso ter algum vínculo familiar com o titular, como pai, mãe, filho ou filha, cônjuge, entre outros. Na hora do cadastro, também, é preciso apresentar documentos de identificação e foto atual.

Serviços

Central de Relacionamento em Cuiabá: (65) 3611-0550

Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Publicado

Padrão Mercosul será necessário para novos emplacamentos

Agência Brasil 

Após sucessivos adiamentos, começa a valer a partir do dia 31 de janeiro a obrigatoriedade de uso da placa do Mercosul em todos os estados do país. O prazo atende ao estipulado na Resolução nº 780/2019 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), de julho do ano passado, que determina que as unidades federativas do país devem utilizar o novo padrão de Placas de Identificação Veicular (PIV).

Desde a decisão pela adoção da placa do Mercosul, a implantação do registro foi adiada seis vezes. A adoção do sistema de placas do Mercosul foi anunciada em 2014 e, inicialmente, deveria ter entrado em vigor em janeiro de 2016. Em razão de disputas judiciais a implantação foi adiada para 2017 e depois, adiada mais uma vez para que os órgãos estaduais de trânsito pudessem se adaptar ao novo modelo e credenciar as fabricantes das placas.

As novas placas já são utilizadas na Argentina e no Uruguai. A previsão é que em breve comecem a valer também no Paraguai e na Venezuela.

Veja Também:  Polícia Militar lamenta morte de subtenente do Batalhão Especializado de Trânsito

Dos 26 Estados brasileiros, já aderiram à nova PIV Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Paraíba, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Rondônia.

Nova placa

A nova placa será obrigatória apenas nos casos de primeiro emplacamento e, para quem tiver a placa antiga, no caso de mudança de município ou unidade federativa; roubo, furto, dano ou extravio da placa, e nos casos em que haja necessidade de instalação da segunda placa traseira.

A nova placa apresenta o padrão com 4 letras e 3 números, o inverso do modelo atualmente adotado no país com 3 letras e 4 números. Também muda a cor de fundo que passará a ser totalmente branca. A mudança também vai ocorrer na cor da fonte para diferenciar o tipo de veículo: preta para veículos de passeio, vermelha para veículos comerciais, azul para carros oficiais, verde para veículos em teste, dourado para os automóveis diplomáticos e prateado para os veículos de colecionadores.

Todas as placas deverão ter ainda um código de barras dinâmico do tipo Quick Response Code (QR Code) contendo números de série e acesso às informações do banco de dados do fabricante e estampador da placa. O objetivo é controlar a produção, logística, estampagem e instalação das placas nos respectivos veículos, além da verificação de autenticidade.

Veja Também:  Sesp-MT apresenta cumprimento das metas físicas de 2018

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana