conecte-se conosco


Mato Grosso

26 toneladas de alimentos arrecadados pela LBV beneficiam milhares de famílias carentes em MT

Publicados

em

Ao todo, a campanha beneficiou em Mato Grosso, mais de 1200 famílias em situação de vulnerabilidade social com cesta de alimentos contendo os seguintes itens: arroz, feijão, óleo, açúcar, café, leite em pó, macarrão, farinha de mandioca, massa para bolo, goiabada, gelatina, fubá, farinha de trigo, extrato de tomate e sal. Além dos alimentos, as famílias também receberam a doação de suco e um chester.

A campanha Natal Permanente da LBV — Jesus, o Pão Nosso de cada dia!,

contou com o gesto de solidariedade de voluntários, colaboradores e parceiros como o Mesa Brasil Sesc, Supermercados Comper, Big Master, Tropical e foi fortalecida pela mão amiga do Exército Brasileiro.

No estado de Mato Grasso, a campanha da LBV arrecadou mais de 26 toneladas de alimentos nos meses de outubro a dezembro deste ano e beneficiou famílias carentes de Cuiabá, Nossa Senhora do Livramento e Rondonópolis/MT.

No município de Nossa Senhora do Livramento a entrega das cestas de alimentos aconteceu no Centro de Eventos Municipal Antônia de Campos Maciel, no dia 11 de dezembro, e beneficiou centenas de famílias de várias comunidades quilombolas. Atendida pela LBV, a senhora Maria Luiza Guimarães de 65 anos, destacou a importância do apoio neste momento. “Só tenho a agradecer muito, pela ajuda, porque eu necessito, eu tenho problema de câncer e não consigo trabalhar, é um momento bem difícil e esta cesta de alimentos, meu Deus do céu, agora eu vou comer bem, só Deus pra retribuir! Que Ele dê em dobro pra todos que ajudaram”, destacou agradecida ao receber a cesta de alimentos.

Veja Também:  Dados do Ministério da Saúde apontam que quase 46 mil pessoas foram vacinadas contra Covid-19 em MT

Em Cuiabá, a emoção e o agradecimento marcaram a cerimônia de entrega das doações que aconteceu na quinta-feira, 12, no Centro Comunitário de Assistência social da LBV, na ocasião parceiros, voluntários, amigos, colaboradores e autoridades estiveram presentes. Entre eles, representantes dos Conselhos Municipais, Aprosoja, Energisa, Supermercados Comper e da mídia em geral. A programação foi abrilhantada com atrações musicais e culturais com as crianças atendidas, o quarteto de saxofone da Policia Militar e a Dupla Luciano & Lucimar que cantaram e tocaram para o público presente.

A Caravana da Boa Vontade levando as doações, chegou na cidade de Rondonópolis no dia 13, e foi recebida com bastante alegria pela comunidade do bairro Grande Conquista. No local, mais de 200 famílias aguardavam com ansiedade as cestas de alimentos que, para a maioria, é a certeza de um natal mais digno, feliz e sem fome.

A entrega aconteceu na Igreja São Miguel Arcanjo, ás 10h, e reuniu parceiros, voluntários, amigos, colaboradores e autoridades locais. Entre eles, representantes da Secretaria Municipal de Assistência Social, Aprosoja, Supermercado Tropical e da mídia em Geral.

Vale ressaltar o apoio da equipe do Mesa Brasil Sesc, voluntários da LBV e soldados do Exército Brasileiro que cooperam na logística e no apoio da entrega das cestas às famílias.

Veja Também:  Dois são presos em ‘boca de fumo’ com drogas, rádios comunicadores e bicicleta de luxo

Emocionado o sr. José Ferreira de Souza, de 60 anos, colaborador e voluntário da LBV, falou da alegria em participar do resultado da mobilização. “Para mim é uma grande felicidade estar aqui mais uma vez, eu conheço a instituição há mais de 41 anos e acompanho seu trabalho desde o estado do Amazonas, onde morei por 30 anos, e aqui em Rondonópolis, estou a 11 anos e não conheço nenhuma instituição que faz o que a LBV  faz pelas pessoas carentes, então pra mim é uma grande satisfação estar aqui hoje participando da entrega das cestas de alimentos por que são muitas pessoas precisando e isso nos deixa muito feliz”, frisou.

No mesmo dia, a equipe da LBV esteve na comunidade indígena da Aldeia Tadarimana que também foi beneficiada com a ação.

A entrega das cestas de alimentos é o coroamento de todas as atividades desenvolvidas pela Legião da Boa Vontade durante o ano. Além do apoio diário oferecido nos projetos e programas socioeducacionais desenvolvidos pela Instituição, as famílias são contempladas pela Campanha Natal Permanente da LBV — Jesus, o Pão Nosso de cada dia!

Ainda dá tempo de ajudar! Entre no site www.lbv.org ou ligue para o telefone 0800 055 50 99 e participe dessa iniciativa. Para saber como está ocorrendo a entrega das cestas de alimentos em todo o Brasil, acesse LBVBrasil no Facebook e no Instagram.

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

Mato Grosso apresenta reduções de homicídios dolosos, feminicídios, roubos e furtos

Publicados

em

Apesar do aumento de ocorrências envolvendo drogas, o Estado aumentou a apreensão em 63%, somando mais de 8 toneladas até o momento

Julia Oviedo | Sesp-MT

Na avaliação do secretário Alexandre Bustamente, isso se deve principalmente à integração entre forças de segurança estaduais e federais, além dos investimentos – Foto por: PMMT,

O estado de Mato Grosso apresentou redução nos principais índices de criminalidade nos primeiros cinco meses do ano, em comparação com o mesmo período de 2020. Os casos de homicídios dolosos reduziram 7%, com 316 ocorrências, perante 339 no ano passado. Já o número de feminicídios reduziu 30%, passando de 27 casos no anterior para 19 neste ano.

Os dados são da Superintendência do Observatório de Segurança Pública, vinculada à Adjunta de Inteligência da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT). Ainda em relação a crimes contra a vida, o roubo seguido de morte teve aumento de 14%, com 14 casos no ano passado e 16 neste ano.

Outros índices que também reduziram foram: roubos (-28%), furtos (-10%), roubo de veículos (-41%) e furto de veículos (-26%). Para o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, a redução dos principais índices acaba refletindo em uma maior sensação de segurança.

“São números que quando apresentam redução, você consegue perceber um grande aumento da sensação de segurança por parte da população, principalmente relacionado a roubos e furtos, que causam um incômodo muito grande para o cidadão”, disse Bustamante.

Tráfico de drogas

As ocorrências de tráfico e uso de drogas tiveram um aumento de 38% em relação a 2020. Em contrapartida, o número de apreensões de drogas em todo o estado aumentou 63%, passando de 5 toneladas em 2020 para mais de 8 toneladas de entorpecentes apreendidos este ano.

Na avaliação do secretário, isso se deve principalmente à integração entre forças de segurança estaduais e federais, além dos grandes investimentos, que chegaram a mais de R$ 200 milhões.

“Nós temos a integração e o uso da inteligência como fator forte no estado. E os investimentos que o governo tem feito, com por exemplo um maior número de viaturas, investimentos em radiocomunicação digital, policiais em mais cantos do estado em circulação, possibilitando uma diminuição dos índices criminais”, finalizou Bustamante.

Veja Também:  Campus da Unemat Barra do Bugres é parceiro na III Jornada de Inovação Pedagógica de Lucas do Rio Verde

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Quarta-feira (16): Mato Grosso registra 434.016 casos e 11.549 óbitos por Covid-19

Publicados

em

Há 445 internações em UTIs públicas e 367 em enfermarias públicas; taxa de ocupação está em 83% para UTIs e 42% em enfermaria

Rose Velasco | SES-MT

Um total de 350.769 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) – Foto por: Tchélo Figueiredo

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quarta-feira (16.06), 434.016 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 11.549 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 2.096 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 434.016 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 12.863 estão em isolamento domiciliar e 407.880 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 445 internações em UTIs públicas e 367 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 83,65% para UTIs adulto e em 42% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (90.308), Rondonópolis (31.549), Várzea Grande (29.427), Sinop (21.092), Sorriso (15.018), Tangará da Serra (14.872), Lucas do Rio Verde (13.308), Primavera do Leste (11.054), Cáceres (9.359) e Alta Floresta (8.279).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 350.769 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 682 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na terça-feira (15.06), o Governo Federal confirmou o total de 17.533.221 casos da Covid-19 no Brasil e 490.696 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 17.452.612 casos da Covid-19 no Brasil e 488.228 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta quarta-feira (16.06).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Comentários Facebook
Veja Também:  Índios de MT com sintomas da covid-19 são monitorados
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana