conecte-se conosco


Policial

Acadepol realiza Curso de Aplicação da Lei Maria da Penha no dia 08/03

Publicados

em

Assessoria | PJC-MT

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, 08 de março, a Academia da Polícia Judiciária Civil (Acadepol) promove uma capacitação com objetivo de aprimorar o trabalho de atendimento de vítimas de violência doméstica. O evento é realizado em parceria com o Setor Psicossocial da Coordenadoria de Gestão de Pessoas e Delegacias Regionais de Cuiabá e Várzea Grande.

O Curso de Aperfeiçoamento na Aplicação da Lei Maria da Penha, voltado para policiais civis e membros da Segurança Pública, tem carga horária de 07 horas/aula, com certificação ao final. As inscrições serão realizadas a partir das 08 horas, do dia 08 de março, na Acadepol onde acontece o evento. Confira aqui a ficha de Pré-inscrição.

Na capacitação serão abordados as disciplinas: Tutela de Direitos Fundamentais no Estado de Direito; Violência de Gênero: Casos de Feminicídio; Políticas Públicas; Qualidade de Vida; Legislação e Jurisprudência e Práticas Exitosas na Defesa dos Diretos Humanos da Mulher.

Na ocasião, será servido almoço e aos participantes devidamente inscritos, além exposição de produtos voltados para mulheres, e sessões de maquiagem e estética, proporcionando momento de maior aproximação e de interação entre os servidores, além do sorteio de brindes e outras surpresas. No final da tarde, também será disponibilizado um coffe break aos participantes.

Veja Também:  Autores de roubo praticado em restaurante de açaí são presos pela Polícia Civil

Colaboradores:

Sinpol, Sindepojuc, Sindepo, Sala da Mulher da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Mary Kay, Empório Óptico, Uma Nos Livraria, Instituto Brasileiro de Plenitude Humana, América Floricultura, Salão de Beleza Dita Bonita, Polishop e Caiman Turismo.

Programação:

 

Comentários Facebook
Propaganda

Policial

Polícia Civil prende em flagrante homem por tentativa de feminicídio em Mirassol D’Oeste

Publicados

em

Por

Um homem que desferiu pauladas na mulher, no município de Mirassol D’Oeste, região Oste do Estado, foi preso pela Polícia Civil, nesta terça-feira (05.07), logo após a vítima dar entrada na unidade hospitalar da cidade.

O suspeito de 34 anos e com várias passagens por violência doméstica, foi autuado em flagrante pelo crime de homicídio qualificado (feminicídio). Ele é acusado de atingir e lesionar a região da cabeça da vítima.

As diligências iniciaram assim que a Delegacia de Polícia tomou conhecimento sobre uma mulher, levada para o hospital com ferimento na cabeça e lesão no crânio, causados por arma contundente

A vítima de 45 anos relatou que estava com o suspeito e alguns amigos na praça central, bebendo, quando o namorado a agrediu usando um pedaço de pau. Segundo apurado, o casal possui histórico de violência doméstica.

Diante dos fatos os policiais civis realizaram diligências e localizaram o agressor. Na abordagem, o mesmo negou as agressões, bem como apresentava visível estado de embriaguez.

O suspeito foi conduzido até a Delegacia de Polícia, interrogado e autuado em flagrante por tentativa de feminicídio. O delegado Matheus Prates, representou pela conversão do flagrante em prisão preventiva, ficando o preso à disposição da Justiça.

Veja Também:  Ações integradas prendem dupla com 8 tabletes de maconha e recuperam veículo furtado na fronteira

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Homem é preso pela Polícia Civil após tentativa de homicídio em Juruena

Publicados

em

Por

O autor de uma tentativa de homicídio ocorrida na segunda-feira, em Juruena, na região noroeste de Mato Grosso, foi preso em flagrante pela equipe da Polícia Civil do município, horas após cometer o crime. Ele estava escondido na residência de um familiar, onde foi localizado pela equipe de investigação.

O crime ocorreu na tarde do dia 04 de julho. A Delegacia de Juruena foi comunicada na terça-feira pelo hospital da cidade sobre um homem que deu entrada na unidade com uma lesão grave na cabeça. A equipe policial foi até o hospital, mas não conseguiu falar com a vítima, de 36 anos, que está intubada.

Em diligências para identificar o autor do crime, os investigadores receberam a informação do local onde ocorreu o crime e apuraram que no dia anterior, a vítima e o suspeito chegaram à residência de um conhecido e estavam bebendo. Logo depois, o suspeito começou uma discussão com a vítima por causa de um canivete, que alegava ser dele.

O dono da residência entrou na casa e em seguida ouviu um barulho. Ao sair, se deparou com a vítima caída após receber golpes na cabeça com um pedaço de madeira. O suspeito também pegou uma enxada e bateu duas vezes na cabeça da vítima. O dono da casa tentou cessar as agressões, mas o suspeito não o atendeu.

Veja Também:  Ações integradas prendem dupla com 8 tabletes de maconha e recuperam veículo furtado na fronteira

Após acionar o socorro, a vítima foi encaminhada para o hospital da cidade.

Em buscas pelo suspeito, os investigadores o localizaram na casa de um familiar e o conduziram à delegacia, onde foi autuado em flagrante pelo delegado Mateus Reiners pelo crime de homicídio doloso tentado.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana