conecte-se conosco


Tecnologia

Anatel: SP, Rio, Curitiba, Salvador e Goiânia serão as próximas com 5G

Publicados

em

São Paulo, Rio, Curitiba, Salvador e Goiânia são as próximas a receber o 5G
Lucas Braga

São Paulo, Rio, Curitiba, Salvador e Goiânia são as próximas a receber o 5G

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) informou nesta quarta-feira (27) que São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Salvador e Goiânia serão as próximas capitais a receberem o sinal de 5G puro (standalone) . A Anatel, no entanto, não definiu a data para a implementação. 

A informação é do conselheiro da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) Moisés Queiroz, que também é presidente do Gaispi, grupo responsável por acompanhar a instalação da nova rede 5G. 

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o perfil geral do Portal iG

“Foi deliberada e aprovada a liberação para ligar a faixa de 3,5 GHz em três capitais: Belo Horizonte, João Pessoa e Porto Alegre. A partir de amanhã, serão emitidos os sinais, e a partir de sexta-feira poderão ligar os sinais”, disse o conselheiro.

Brasília foi a primeira capital a oferecer a faixa de 3,5 gigahertz (GHz), que oferece a maior velocidade e menor latência (tempo de resposta).

Veja Também:  Governo Bolsonaro está usando LGPD como pretexto para esconder dados

Nesta sexta-feira (29), Belo Horizonte, João Pessoa e Porto Alegre  recebem a tecnologia . Com a liberação, as teles devem iniciar as vendas já no mesmo dia, assim como ocorreu em Brasília.

“Belo Horizonte tem mais habitantes, então tem mais estações. Já Porto alegre e João pessoa possuem menos, mas o que determinou foi a entrega de equipamentos”, afirmou Moreira, ao responder sobre a escolha das próximas capitais a receberem a tecnologia.

Anteriormente, Moreira havia dito que São Paulo não tinha cumprido ainda as condições necessárias que consistem no início das atividades, e, por isso, não poderia ter concedida a deliberação.

“As exigências estão associadas à migração das parabólicas para a banda Ku (campanha de comunicação e distribuição de kits); na conclusão das atividades relacionadas à desocupação da faixa de 3.625 MHz a 3.700 MHz; e à mitigação de interferência na faixa de 3.700 MHZ a 4.200 MHz”, disse o conselheiro, há algumas semanas.

Veja Também:  Xiaomi Smart Band 7 chega ao Brasil com 120 modos esportivos

Fonte: IG TECNOLOGIA

Comentários Facebook
Propaganda

Tecnologia

Como transferir suas playlists do Spotify para o Amazon Music

Publicados

em

Veja como transferir as playlists
Tecnoblog

Veja como transferir as playlists

Migrar para outro serviço de streaming não precisa ser tão trabalhoso quanto se pensa. Com ajuda de alguns sites e aplicativos, você pode fazer isso sem ter que criar todas as suas listas de novo. Veja a seguir como transferir suas playlists do Spotify para o Amazon Music sem muito esforço.

Antes de começar, é válido destacar que em qualquer um dos serviços usados para a migração, as músicas de uma plataforma podem não fazer parte do catálogo da outra. Neste caso, estas faixas serão ignoradas e não serão listadas no novo streaming.

Não é possível realizar a migração de playlists entre serviços de streaming de forma nativa, mas com a ajuda de alguns sites, como o TuneMyMusic, você conseguirá fazer de maneira fácil a mudança de plataforma, sem a necessidade de criar manualmente todas as suas listas de novo. Veja como usar:

  1. Acesse o site TuneMyMusic e crie uma conta: Faça seu registro ao clicar no botão de login, no canto superior direito;

  2. Na tela inicial, clique em “vamos começar”;

  3. Selecione a plataforma de origem de suas listas: Aqui, você escolhe a plataforma que usa atualmente, no nosso caso, o Spotify;

  4. Será necessário fazer o login;

  5. Selecione a forma de escolher a playlist: É possível abrir e selecionar diretamente ou copiar a URL da playlist;

  6. Escolha quais músicas serão migradas: Você pode escolher a playlist inteira ou apenas algumas faixas;

  7. Selecione a plataforma de destino: Escolha o serviço para o qual você irá migrar, neste caso, o Amazon Music;

  8. Também será necessário confirmar o login na nova plataforma;

  9. Clique em começar: As músicas serão transferidas e o tempo do processo depende da quantidade de músicas selecionadas.

Veja Também:  Galaxy Z Flip 4 é homologado pela Anatel e já pode ser vendido no país

O plano gratuito permite que você transfira 500 músicas por vez. No plano Premium, que custa US$ 2 por mês no pagamento anual, é possível fazer toda a transferência de uma vez. De qualquer forma, é uma bela ajuda não precisar criar e configurar todas as listas manualmente.

Soundiiz

O Soundiiz é um site com plano gratuito para transferir suas playlists do Spotify para o Amazon Music, assim como no Tune My Music. Neste caso, a modalidade free permite que seja migrada uma lista por vez. Após fazer o login no Spotify através do site, basta selecionar uma para começar e escolher a plataforma de destino. Repita o processo para todas as suas playlists. Este serviço ainda conta com aplicativo para Android.

SongShift

O SongShift é um aplicativo para iOS que permite a migração de playlists do Spotify para o Amazon Music entre outros serviços de streaming. Para usar, basta fazer o login no serviço de origem, escolher aquela que deseja converter (assim como nos casos anteriores, o plano gratuito permite uma lista por vez), fazer o login na plataforma de destino e iniciar a transferência.

Veja Também:  PicPay e Mercado Pago deixam roubar dinheiro usando Gmail no celular

Como revogar as permissões de acesso na sua conta

Se você desistiu da ideia de transferir playlists do Spotify para o Amazon Music ou simplesmente não quer mais manter os serviços conectados, há como revogar o acesso.

Para o Tune My Music, ao entrar na sua conta, clique no canto superior direito, e então selecione “Configurações de conta”. Basta escolher os serviços conectados e clicar em “Desconectar”. Para os aplicativos, é necessário cancelar as permissões na área de permissão do aplicativo dentro do sistema operacional.

Fonte: IG TECNOLOGIA

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Como transferir suas playlists do Spotify para o YouTube Music

Publicados

em

Veja como transferir suas músicas
Tecnoblog

Veja como transferir suas músicas

Se você está migrando para outro serviço de streaming e não quer ter todo aquele trabalho de criar ou configurar suas músicas preferidas novamente, não se preocupe! É possível transferir suas playlists do Spotify para o Youtube Music com a ajuda de alguns sites e apps.

Infelizmente, não há um processo nativo que permita a migração de playlists entre serviços de streaming, mas com a ajuda de alguns sites, como o TuneMyMusic, você conseguirá fazer de maneira fácil a mudança de plataforma, pois não será preciso realizar toda a configuração e montagem das listas novamente. Veja como usar:

  1. Acesse o site TuneMyMusic e crie uma conta: Faça seu registro ao clicar no botão de login, no canto superior direito;

  2. Na tela inicial, clique em “vamos começar”;

  3. Selecione a plataforma de origem de suas listas: Aqui, você escolhe a plataforma que usa atualmente, no nosso caso, o Spotify;

  4. Será necessário fazer o login;

  5. Selecione a forma de escolher a playlist: É possível abrir e selecionar diretamente ou copiar a URL da playlist;

  6. Escolha quais músicas serão migradas: Você pode escolher a playlist inteira ou apenas algumas faixas;

  7. Selecione a plataforma de destino: Escolha o serviço para o qual você irá migrar, neste caso, o YouTube Music;

  8. Também será necessário confirmar o login na nova plataforma;

  9. Clique em começar: As músicas serão transferidas e o tempo do processo depende da quantidade de músicas selecionadas.

Importante ressaltar que no plano gratuito há o limite de 500 músicas por sincronização. No plano Premium, que custa US$ 2 por mês no pagamento anual, é possível fazer toda a transferência de uma vez. De qualquer forma, é mais fácil migrar algumas playlists de cada vez ao invés de precisar configurar manualmente cada lista sua, não é mesmo?

Veja Também:  Xiaomi Smart Band 7 chega ao Brasil com 120 modos esportivos

Soundiiz

O Soundiiz é um site com plano gratuito para transferir suas playlists do Spotify para o YouTube, assim como no Tune My Music. Neste caso, a modalidade free permite que seja migrada uma lista por vez. Após fazer o login no Spotify através do site, basta selecionar uma para começar e escolher a plataforma de destino. Repita o processo para todas as suas playlists. Este serviço ainda conta com aplicativo para Android.

SongShift

O SongShift é um aplicativo para iOS que permite a migração de playlists do Spotify para YouTube entre outros serviços de streaming. Para usar, basta fazer o login no serviço de origem, escolher a playlist (assim como nos casos anteriores, o plano gratuito permite uma lista por vez), fazer o login na plataforma de destino e iniciar a transferência.

É válido destacar que em qualquer um dos serviços usados para a migração, as músicas de uma plataforma podem não fazer parte do catálogo da outra. Neste caso, estas faixas serão ignoradas e não serão listadas no novo streaming.

Veja Também:  Galaxy Z Flip 4 é homologado pela Anatel e já pode ser vendido no país

Como revogar as permissões de acesso na sua conta

Se você desistiu da ideia de transferir playlists do Spotify para o Youtube Music ou simplesmente não quer mais manter os serviços conectados, há como revogar o acesso.

Para o Tune My Music, ao entrar na sua conta, clique no canto superior direito, e então selecione “Configurações de conta”. Basta escolher os serviços conectados e clicar em “Desconectar”. Para os aplicativos, é necessário cancelar as permissões na área de permissão do aplicativo dentro do sistema operacional.

Fonte: IG TECNOLOGIA

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana