conecte-se conosco


Tecnologia

Apps infectados foram baixados da Play Store por 3 milhões de usuários

Publicados

em

Veja a lista de aplicativos infectados
Unsplash/Jenny Ueberberg

Veja a lista de aplicativos infectados

Todo cuidado é pouco na hora de baixar um aplicativo em seu smartphone. Nem mesmo lojas oficiais estão a salvo. Um especialista em cibersegurança descobriu que oito apps disponibilizados na Play Store contêm um malware chamado Autolycos. Mais de 3 milhões de usuários instalaram os programas.

Estes são os oito aplicativos. Se algum deles está instalado no seu Android, delete o mais rápido possível:

  • Vlog Star Video Editor
  • Creative 3D Launcher
  • Funny Camera
  • Wow Beauty Camera
  • Gif Emoji Keyboard
  • Razer Keyboard & Theme
  • Freeglow Camera 1.0.0
  • Coco Camera v1.1

O Vlog Star Video Editor e o Creative 3D Launcher têm 1 milhão de downloads cada. Juntos, os oito aplicativos foram baixados mais de 3 milhões de vezes.

Apps assinavam serviços sem autorização

A descoberta foi feita pelo pesquisador Maxine Ingrao, da empresa Evina. Ele diz ter comunicado a situação ao Google em junho de 2021, mas seis apps da lista só foram removidos depois de seis meses; os outros dois ficaram no ar até esta quarta-feira (13).

Veja Também:  Apple deve lançar novos MacBook e iPad Pro com telas maiores

O Autolycos executa URLs em um navegador remoto e inclui os resultados em requisições HTTP, sem usar o Webview do Android. Com este comportamento, fica difícil notar que seu dispositivo está comprometido.

Na prática, o que ele fazia era assinar serviços “premium” falsos na Play Store sem conhecimento ou autorização do usuário. As vítimas pagavam sem querer os supostos produtos ou até mesmo sem perceber o que estava acontecendo.

A campanha dos agentes por trás do Autolycos envolveu também a compra de propagandas no Facebook, para levar mais pessoas a baixar os apps infectados, e o uso de bots para dar cinco estrelas nas avaliações e manter as notas altas na Play Store.

Como se proteger de apps infectados

Detectar ataques desse tipo não é fácil, mas algumas dicas podem ajudar a evitar problemas:

  • Não baixe apps de fontes desconhecidas;
  • Não confie em um app apenas por ele estar em uma loja oficial como a Play Store;
  • Fique atento às avaliações de outros usuários e procure saber mais sobre o desenvolvedor;
  • Mantenha o mínimo de aplicativos instalados em seu aparelho;
  • Monitore o uso de internet em segundo plano e o consumo de bateria dos apps instalados: atividades suspeitas podem aparecer aí;
  • Mantenha o Play Protect ativado: ele pode ajudar a detectar ameaças desse tipo.
Veja Também:  Redes sociais e eleições: o que falta para combater a desinformação?

Fonte: IG TECNOLOGIA

Comentários Facebook
Propaganda

Tecnologia

Como transferir suas playlists do Spotify para o Amazon Music

Publicados

em

Veja como transferir as playlists
Tecnoblog

Veja como transferir as playlists

Migrar para outro serviço de streaming não precisa ser tão trabalhoso quanto se pensa. Com ajuda de alguns sites e aplicativos, você pode fazer isso sem ter que criar todas as suas listas de novo. Veja a seguir como transferir suas playlists do Spotify para o Amazon Music sem muito esforço.

Antes de começar, é válido destacar que em qualquer um dos serviços usados para a migração, as músicas de uma plataforma podem não fazer parte do catálogo da outra. Neste caso, estas faixas serão ignoradas e não serão listadas no novo streaming.

Não é possível realizar a migração de playlists entre serviços de streaming de forma nativa, mas com a ajuda de alguns sites, como o TuneMyMusic, você conseguirá fazer de maneira fácil a mudança de plataforma, sem a necessidade de criar manualmente todas as suas listas de novo. Veja como usar:

  1. Acesse o site TuneMyMusic e crie uma conta: Faça seu registro ao clicar no botão de login, no canto superior direito;

  2. Na tela inicial, clique em “vamos começar”;

  3. Selecione a plataforma de origem de suas listas: Aqui, você escolhe a plataforma que usa atualmente, no nosso caso, o Spotify;

  4. Será necessário fazer o login;

  5. Selecione a forma de escolher a playlist: É possível abrir e selecionar diretamente ou copiar a URL da playlist;

  6. Escolha quais músicas serão migradas: Você pode escolher a playlist inteira ou apenas algumas faixas;

  7. Selecione a plataforma de destino: Escolha o serviço para o qual você irá migrar, neste caso, o Amazon Music;

  8. Também será necessário confirmar o login na nova plataforma;

  9. Clique em começar: As músicas serão transferidas e o tempo do processo depende da quantidade de músicas selecionadas.

Veja Também:  Apple deve lançar novos MacBook e iPad Pro com telas maiores

O plano gratuito permite que você transfira 500 músicas por vez. No plano Premium, que custa US$ 2 por mês no pagamento anual, é possível fazer toda a transferência de uma vez. De qualquer forma, é uma bela ajuda não precisar criar e configurar todas as listas manualmente.

Soundiiz

O Soundiiz é um site com plano gratuito para transferir suas playlists do Spotify para o Amazon Music, assim como no Tune My Music. Neste caso, a modalidade free permite que seja migrada uma lista por vez. Após fazer o login no Spotify através do site, basta selecionar uma para começar e escolher a plataforma de destino. Repita o processo para todas as suas playlists. Este serviço ainda conta com aplicativo para Android.

SongShift

O SongShift é um aplicativo para iOS que permite a migração de playlists do Spotify para o Amazon Music entre outros serviços de streaming. Para usar, basta fazer o login no serviço de origem, escolher aquela que deseja converter (assim como nos casos anteriores, o plano gratuito permite uma lista por vez), fazer o login na plataforma de destino e iniciar a transferência.

Veja Também:  Redmi Note 11S com câmera de 108 MP e MIUI 13 é homologado pela Anatel

Como revogar as permissões de acesso na sua conta

Se você desistiu da ideia de transferir playlists do Spotify para o Amazon Music ou simplesmente não quer mais manter os serviços conectados, há como revogar o acesso.

Para o Tune My Music, ao entrar na sua conta, clique no canto superior direito, e então selecione “Configurações de conta”. Basta escolher os serviços conectados e clicar em “Desconectar”. Para os aplicativos, é necessário cancelar as permissões na área de permissão do aplicativo dentro do sistema operacional.

Fonte: IG TECNOLOGIA

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Como transferir suas playlists do Spotify para o YouTube Music

Publicados

em

Veja como transferir suas músicas
Tecnoblog

Veja como transferir suas músicas

Se você está migrando para outro serviço de streaming e não quer ter todo aquele trabalho de criar ou configurar suas músicas preferidas novamente, não se preocupe! É possível transferir suas playlists do Spotify para o Youtube Music com a ajuda de alguns sites e apps.

Infelizmente, não há um processo nativo que permita a migração de playlists entre serviços de streaming, mas com a ajuda de alguns sites, como o TuneMyMusic, você conseguirá fazer de maneira fácil a mudança de plataforma, pois não será preciso realizar toda a configuração e montagem das listas novamente. Veja como usar:

  1. Acesse o site TuneMyMusic e crie uma conta: Faça seu registro ao clicar no botão de login, no canto superior direito;

  2. Na tela inicial, clique em “vamos começar”;

  3. Selecione a plataforma de origem de suas listas: Aqui, você escolhe a plataforma que usa atualmente, no nosso caso, o Spotify;

  4. Será necessário fazer o login;

  5. Selecione a forma de escolher a playlist: É possível abrir e selecionar diretamente ou copiar a URL da playlist;

  6. Escolha quais músicas serão migradas: Você pode escolher a playlist inteira ou apenas algumas faixas;

  7. Selecione a plataforma de destino: Escolha o serviço para o qual você irá migrar, neste caso, o YouTube Music;

  8. Também será necessário confirmar o login na nova plataforma;

  9. Clique em começar: As músicas serão transferidas e o tempo do processo depende da quantidade de músicas selecionadas.

Importante ressaltar que no plano gratuito há o limite de 500 músicas por sincronização. No plano Premium, que custa US$ 2 por mês no pagamento anual, é possível fazer toda a transferência de uma vez. De qualquer forma, é mais fácil migrar algumas playlists de cada vez ao invés de precisar configurar manualmente cada lista sua, não é mesmo?

Veja Também:  Gmail ganha bloqueio de notificações fora do horário de trabalho

Soundiiz

O Soundiiz é um site com plano gratuito para transferir suas playlists do Spotify para o YouTube, assim como no Tune My Music. Neste caso, a modalidade free permite que seja migrada uma lista por vez. Após fazer o login no Spotify através do site, basta selecionar uma para começar e escolher a plataforma de destino. Repita o processo para todas as suas playlists. Este serviço ainda conta com aplicativo para Android.

SongShift

O SongShift é um aplicativo para iOS que permite a migração de playlists do Spotify para YouTube entre outros serviços de streaming. Para usar, basta fazer o login no serviço de origem, escolher a playlist (assim como nos casos anteriores, o plano gratuito permite uma lista por vez), fazer o login na plataforma de destino e iniciar a transferência.

É válido destacar que em qualquer um dos serviços usados para a migração, as músicas de uma plataforma podem não fazer parte do catálogo da outra. Neste caso, estas faixas serão ignoradas e não serão listadas no novo streaming.

Veja Também:  Meta desativa grupo hacker que mirava Ucrânia

Como revogar as permissões de acesso na sua conta

Se você desistiu da ideia de transferir playlists do Spotify para o Youtube Music ou simplesmente não quer mais manter os serviços conectados, há como revogar o acesso.

Para o Tune My Music, ao entrar na sua conta, clique no canto superior direito, e então selecione “Configurações de conta”. Basta escolher os serviços conectados e clicar em “Desconectar”. Para os aplicativos, é necessário cancelar as permissões na área de permissão do aplicativo dentro do sistema operacional.

Fonte: IG TECNOLOGIA

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana