conecte-se conosco


Policial

Batalhão Rotam celebra 21 anos de fundação com entrega de medalhas e homenagens

Publicados

em

O Batalhão de Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam) da Polícia Militar de Mato Grosso realizou solenidade alusiva em comemoração aos 21 anos de fundação da unidade, na noite desta terça-feira (21.06). O evento foi celebrado na sede da unidade, no bairro Dom Aquino, e contou com a presença de diversas autoridades militares e civis.

A solenidade foi presidida pelo comandante-geral da Polícia Militar, coronel Alexandre Corrêa Mendes, que deu destaque a todos os policiais do Batalhão presentes no evento e ressaltou a sua confiança no trabalho realizado pela unidade. “Nós da sociedade mato-grossense precisamos do trabalho que os senhores desenvolvem na Capital e no interior do Estado”, afirmou.

“Quando a equipe da Polícia Militar necessita de reforço, são os guerreiros da Rotam que fornecem o apoio necessário, assim como também em ações especiais, como no Novo Cangaço no interior do Estado, são equipes da Rotam, junto com outras unidades especializadas, que fornecem toda a segurança para os cidadãos daquelas regiões”, completou o coronel Mendes.

Em sua fala, o comandante do Batalhão Rotam, tenente-coronel André Willian Dorileo, destacou que, atualmente, a unidade é referência em policiamento tático em todo o Brasil. O comandante ainda destacou que nos últimos 12 meses, entre julho de 2020 e junho de 2021, o policiamento da Rotam foi responsável por retirar quase 2 toneladas de drogas de circulação, e também na prisão em flagrante delito de 527 suspeitos, apreensão de 100 armas de fogo e recuperação de 62 veículos frutos de roubos e furtos.

Veja Também:  Suspeito de lesão corporal e furto contra mulher é preso em flagrante em Lucas do Rio Verde

“Tais ações revelam o valor do Batalhão Rotam perante a corporação, o sistema de segurança pública, e em especial, à sociedade mato-grossense”, afirmou. Ele ainda aproveitou para agradecer aos membros do batalhão, “que não mediram esforços para construir esta marcante história, consolidando o patrulhamento tático e as operações da Rotam em todo o Estado”.

A solenidade contou com a entrega da medalha Mérito Tático Policial para autoridades militares e civis, a fim de homenagear personalidades que contribuíram de forma relevante para a evolução e fortalecimento do patrulhamento tático e doutrina da Rotam, bem como de toda a segurança pública.

Ações sociais e capacitações

Além de ser referência no policiamento ostensivo e tático, em seus 21 anos a Rotam também se destacou pela atenção voltada à sociedade, por meio de seus projetos sociais. Há mais de nove anos os projetos Jiu-Jistu Rotam e Escola de Futebol Grêmio Rotam oferecem, para milhares de crianças e adolescentes, a oportunidade de se afastarem da criminalidade e ociosidade, além de conhecerem os valores e princípios defendidos pela Polícia Militar.

A Rotam também se destaca como unidade-escola dentro da PMMT, com o oferecimento de cursos de capacitação e especialização para policiais militares não somente de Mato Grosso, como também de diversos Estados em todo o país. São referências de ensino os cursos de Controle de Distúrbio Civis (Choque), Controle e Submissão, Atendimento Pré-Hospitalar em Combate, entre outras especializações.

Veja Também:  Polícia Civil prende receptador e recupera 80% de objetos roubados de empresa em Várzea Grande

Investimentos e bem-estar para policiais

A sede do Batalhão Rotam continua recebendo investimentos, com foco para o bem-estar dos policiais militares que compõem a unidade. Estão sendo entregues melhorias e revitalização de fachadas, recepção, pátio e refeitório do Batalhão.

“As melhorias visam atender e buscar o maior conforto em infraestrutura para melhor atender os nossos policiais que muitas vezes passam mais tempo dentro do Batalhão do que em suas próprias casas”, afirma o comandante da unidade, tenente-coronel Dorileo.

 
Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Propaganda

Policial

Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal apreendem caminhão com madeira irregular na fronteira

Publicados

em

Por

Um caminhão carregado de madeira irregular foi apreendido na noite de quinta-feira (30.06), no município de Comodoro, região oeste do Estado, após ação conjunta da Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal. Três pessoas foram presas em flagrante pelo crime ambiental.
 
Os policiais civis de Comodoro e os agentes da PRF realizavam barreiras na região de fronteira, visando o combate a extração ilegal de madeira em terras Indígenas, quando na noite de quinta-feira (30), avistaram um caminhão transportando a matéria prima. 
 
A fiscalização policial foi montada na Rodovia BR 174, próximo ao KM 555, entre os municípios de Comodoro e Vilhena, no Estado de Rondônia.  Durante a abordagem foi verificado que o veículo era ocupado pelo motorista e mais dois indivíduos.
 
Na ocasião não foram apresentados os documentos obrigatórios, além da documentação exigida para o transporte de madeiras, como o Documento de Origem Florestal e a Guia Florestal, além disso, o caso do transporte da madeira feito no período noturno, constitui uma agravante ao crime ambiental previsto na Lei Federal  9.695/98.
 
Diante dos fatos, o caminhão com a carga de madeira foi apreendido, e os três suspeitos conduzidos para Delegacia de Comodoro, onde foram interrogados e autuados em flagrante delito.

Fonte: PJC MT

Veja Também:  Polícia Civil conclui inquérito com indiciamento de cinco envolvidos em homicídio de jovem em Tangará da Serra

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Tio de 62 anos é preso pela Polícia Civil por estupro de vulnerável contra sobrinha

Publicados

em

Por

Um homem investigado pela Polícia Civil pelo estupro de vulnerável contra a própria sobrinha foi preso nesta sexta-feira (01.07). O crime ocorreu na cidade de Denise e é investigado pela Delegacia de Barra do Bugres.

A Polícia Civil apurou que o investigado de 62 anos cometeu os abusos sexuais contra a vítima que atualmente está com 13 anos. Os abusos teriam iniciado quando ela tinha 10 anos.

A vítima procurou ajuda do Conselho Tutelar após assistir a uma palestra na escola sobre violência sexual, na cidade de Denise.

O fato foi registrado na Polícia Civil que deu início à investigação e apurou que, além do suspeito de 62 anos, outro tio da vítima também é investigado por cometer abusos contra a adolescente.

A partir das informações coletadas na investigação, a delegada Renata Evangelista representou pela prisão dos dois envolvidos. As buscas seguem para localizar o segundo envolvido.

O homem preso nesta sexta-feira respondeu anteriormente por outro crime de estupro.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Veja Também:  Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra homem por descumprimento de medidas protetivas
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana