conecte-se conosco


Esportes

Brasil vence China na final do vôlei feminino e conquista tri nos JMM

Publicado

País conta com jogadoras da seleção principal para derrotar anfitriãs

DA AGÊNCIA BRASIL

O Brasil faturou mais uma medalha de ouro na manhã de hoje (22) – já são ao todo sete – com a vitória da seleção feminina de vôlei sobre as donas da casa por 3 sets a 1, nos Jogos Mundiais Militares (JMM), na cidade de Wuhan, na China.

Esta é a terceira vez que o Brasil conquista o título dos JMM: a primeira foi em 2011, no Rio de Janeiro, e depois em 2015, na Coréia do Sul, nesta edição com vitória também sobre as chinesas. Derrotada hoje (22), a China ficou com a prata, e a Coreia do Norte com o bronze.

A equipe brasileira abriu o placar ao vencer o primeiro set por 25 a 23. Em quadra, destaque para quatro jogadoras com passagens pela seleção principal, como as ponteiras Amanda Juliana Francisco,  Elen Braga, Sonaly Cidrão e a líbero Sassá.

No segundo set, as chinesas reagiram e devolveram o placar de 25/23, igualando o placar. A partida seguiu acirrada, e o Brasil voltou a vencer no terceiro set, novamente por 25/23 e depois manteve do domínio do jogo no quarto set: ganhou 25/19, selando a vitória em 3 sets a 1, resultado que garantiu o tricampeonato verde e amarelo.

Veja Também:  São Paulo joga bem, vence o Inter e vai à fase de grupos da Libertadores

As maiores pontuadoras foram Elen Braga (20 pontos), Amanda Juliana Francisco (19) e Sonaly Cidão (17).Também fentraram em quadra hoje Mayahara Silva (nove pontos), Valquíria Dullius (sete), Mariana Casemiro, Priscila Heldes, Angélica Malvinegro,  e Welissa Gonzaga.

Apenas nesta terça-feira (22) o Brasil conquistou 15 medalhas (sete ouros, três pratas e cinco bronzes). Ocupa  a terceira posição no quadro geral de medalhas com um 41 (dez ouros, 13 pratas e 18 bronzes), atrás da líder China com 94 (54 ouros, 25 pratas e 15 bronzes) e da Rússia, segunda colocada, com 76 medalhas (27 ouros, 24 pratas e 25 bronzes).

Comentários Facebook
publicidade

Esportes

Cuiabá não renova com meia Alê e lista de dispensa aumenta

Publicado

Alê ainda não revelou o destino, mas acredita que pode jogar o Campeonato Paulista do ano que vem e também é sondado pelo CRB para disputar novamente a Série B do Campeonato Brasileiro, além da Copa do Brasil, Copa do Nordeste e também o Campeonato Alagoano.

Conforme Só Notícias já informou, nem tricampeonato consecutivo do Campeonato Mato-grossense, a manutenção na Série B do Campeonato Brasileiro e nem o bicampeonato da Copa Verde foram suficientes para manter o elenco do Cuiabá unido no que vem. A diretoria do Dourado já promove um desmonte pensando em reduzir a folha salarial e planeja disputar o estadual, a partir de janeiro, com um time mais modesto. A previsão se desfazer de 20 a 25 jogadores e retomar os investimentos mais robustos somente para a Série B.

Veja Também:  Recordista de ondas gigantes, Maya Gabeira vira Barbie em coleção especial

A vontade do Cuiabá, no entanto, é manter o técnico Marcelo Chamusca, para fazer todo o planejamento de elenco. O treinador também já demonstrou interesse em continuar e o contrato deve ser renovado ainda este ano.

Além e Alê, ídolos do clube, como o goleiro Victor Souza, já se despediram. Valorizado por duas ótimas temporadas debaixo da trave auriverde, o goleiro não conseguiu aumentar o salário e optou por não renovar o contrato.

Quem também já deu adeus foram o artilheiro da temporada, Júnior Todinho, Matheus Anderson, Gilmar, Jean Patrick e Felipe Marques, todos também valorizados e com salários fora do patamar planejado pela diretoria.

O time profissional do Cuiabá está de férias e só volta a campo no dia 22 de janeiro contra o Nova Mutum pela abertura do Campeonato Mato-grossense, na Arena Pantanal.

Só Notícias/Marco Stamm, de Cuiabá (foto: arquivo/assessoria)

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Flamengo atropela o Avaí na despedida do Maracanã

Publicado

O Flamengo se despediu de sua torcida em 2019 com uma sonora goleada sobre o já rebaixado Avaí. Com três gols em cada tempo, o Campeão Brasileiro e da Libertadores goleou a equipe catarinense por 6 a 1 na noite desta quinta-feira, no Maracanã.

Com gols de Arrascaeta, Diego, Gabigol, Lincoln e Reinier (2), o Flamengo conquistou sua 28ª vitória no Campeonato Brasileiro, em 37 rodadas. O Avaí descontou com Lourenço, ainda no primeiro tempo.

O Rubro-Negro alcançou 90 pontos na tabela de classificação, 19 pontos à frente do segundo colocado, o Santos. O Peixe será o adversário do Flamengo na última rodada da competição nacional, no próximo domingo, na Vila Belmiro.

O Avaí segue na lanterna com apenas 19 pontos, e se despede da série A jogando em casa, contra o Athletico Paranaense.

O Jogo – Um temporal que caiu no Rio de Janeiro no final da tarde deixou o gramado do Maracanã encharcado. Por conta da situação, o árbitro atrasou o início da partida em alguns minutos, mas quando a bola rolou, eram muitas as poças d’água em campo.

A situação, porém, não diminuiu o ímpeto ofensivo do Campeão Brasileiro. Jogando diante de sua torcida pela última vez no ano, o Rubro-Negro foi para cima do rebaixado Avaí desde o primeiro minuto, mesmo com apenas quatro titulares em campo.

Veja Também:  Jogador dá “finta” em pênalti e causa confusão na segunda divisão do Gaúcho

O gol não demorou a sair. Falta na entrada da área que Arrascaeta cobra em jogada ensaiada para Rafinha na direita. O lateral avança dentro da área e cruza para o meio. Na altura da marca do pênalti, Lincoln ajeita para Arrascaeta tocar para o fundo da rede.

O Flamengo seguia jogando fácil e quase marcou aos 14, quando Everton Ribeiro acertou o travessão cobrando falta, mas foi surpreendido aos 21. Bola cruzada na área, Renê tira de cabeça e ela fica com Lourenço, na intermediária. O lateral se aproxima da área e solta uma bomba de canhota. A bola acerta a trave e bate nas costas do goleiro César antes de entrar. 1 a 1

O gol não abalou o Rubro-Negro, que seguiu pressionando e acumulando chances de gol, até que aos 36 veio o segundo. Everton Ribeiro levantou na área pela direita, a zaga rebateu de cabeça e a sobra ficou com Diego, na linha da área. O dez viu o goleiro adiantado e bateu por cobertura no ângulo para marcar um golaço.

Dois minutos depois, Arrascaeta tocou para Gabigol na intermediária do Avaí. Livre, o artilheiro do Brasileirão ajeitou e chutou forte e cruzado. Vladimir não alcançou e a bola morreu no fundo da rede. 3 a 1.

Veja Também:  “Operação Mbappé”: Real Madrid já separa R$ 1,2 bilhão para tirar craque do PSG

As duas equipes voltaram sem alterações para o segundo tempo. O Flamengo não diminuiu o ritmo e chegou ao quarto gol aos 11. Piris da Motta tocou para Arrascaeta, que avançou para dentro da área mas perdeu o controle da bola e ela sobrou para Lincoln logo à frente. O atacante encheu o pé e deixou o seu.

Gabigol teve tudo para ampliar dois minutos depois. Arrascaeta lançou em profundidade e Gabriel entrou sozinho na área. De frente para o gol, ele chutou em cima de Vladimir e perdeu uma chance incrível de marcar.

O Flamengo só voltou a marcar aos 38. Reinier, que entrou na vaga de Lincoln, tabelou com Diego na área e recebeu na frente. Com categoria, o jovem atacante bateu cruzado, sem chance para Vladimir.

Reinier entrou com tudo na partida e fez o sexto gol do Flamengo, aos 43. Rafinha foi à linha de fundo e cruzou na medida para o atacante, no segundo pau. Reinier se jogou na bola e marcou.

Gazeta Esportiva (foto: Marcelo Cortes/assessoria)

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Esportes

Mais Lidas da Semana