conecte-se conosco


Tecnologia

“Camisinha” inteligente manda dados do seu desempenho sexual para o celular

Publicados

em


i.Con é um preservativo inteligente que promete analisar desempenho masculino durante a relação sexual
Divulgação/British Condoms

i.Con é um preservativo inteligente que promete analisar desempenho masculino durante a relação sexual


Um novo aplicativo para ajudar na vida sexual está prestes a ser lançado. O i.Con, nome que vem de condom
 (camisinha, em inglês) é um preservativo inteligente, que promete analisar a performance de seus usuários durante a relação sexual.

Leia também: Novos emojis são anunciados para 2019 e um vira piada na internet; entenda

Com formato de preservativo
, a novidade parece um anel, feito de borracha, que deve ser colocado na base do órgão sexual masculino antes da relação. Dessa forma, o i.Con consegue medir características do homem que o está usando durante o sexo. 

Assim que a relação sexual 
tem início, a camisinha inteligente
começa a coletar dados como quantidade de calorias queimadas, velocidade média, duração e temperatura do corpo do homem. 

Todas essas informações são passadas do i.Con
para o celular por meio de conexão Bluetooth, e são armazenadas por um aplicativo no qual os usuários poderão consultar e analisar seus desempenhos e características. 

Veja Também:  Google e Think Olga se unem para facilitar denúncias de assédio no carnaval

De acordo com a fabricante do produto, British Condoms, o preservativo inteligente tem bateria que dura até oito horas e pode ser carregada por cabo microUSB. Além disso, o i.Con também é a  prova d’água e pode ser reutilizado diversas vezes, além de contar com um ano de garantia.

Leia também: Jovem pesa PlayStation como se fosse fruta e é preso após pagar R$ 37 no console

Chamado pela empresa de “primeira camisinha smart do mundo”, a data de lançamento na Grã-Bretanha está prevista para o terceiro trimestre deste ano e deve custar 60 libras (cerca de R$ 287).

A British Condoms informou, ainda, que já está estudando atualizações no aplicativo, como o registro de diferentes posições sexuais. 

Apesar do nome, preservativo não pode substituir camisinha verdadeira


Preservativo inteligente tem bateria que dura até oito horas e pode ser reutilizado, mas não previne doenças e gravidez
Divulgação/British Condoms

Preservativo inteligente tem bateria que dura até oito horas e pode ser reutilizado, mas não previne doenças e gravidez



Leia também: Yellow e Grin anunciam fusão; Grow compartilhará patinetes e bicicletas

Apesar de ser colocado na base do membro sexual masculino, poder ser reutilizado várias vezes e ser chamado de preservativo
, o i.Con não substitui o uso de camisinha, uma vez que não evita doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) e nem gravidez. Segundo a empresa responsável pelo produto, o intuito da camisinha é apenas analisar a própria performance e comparar o desempenho sexual com o de amigos e outras pessoas no mundo.

Veja Também:  “Bolsokid”: quarto filho de Bolsonaro tem canal no Youtube e transmite jogos

Comentários Facebook
Propaganda

Geral

Diário Oficial pelo WhatsApp

Publicados

em

A novidade veio para completar o pacote de modernização da Iomat

A partir de agora, a população poderá ter acesso ao Diário Oficial Eletrônico do Estado de Mato Grosso também pelo WhatsApp. As pessoas interessadas em receber o DOE pelo aplicativo de mensagens poderão entrar no site www.iomat.mt.gov.br a partir do dia 12 de fevereiro e realizar um cadastro, com nome completo, e-mail e celular.
Fonte: Gabriele Schimanoski 

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT.

Comentários Facebook
Veja Também:  Clientes do Banco do Brasil podem pagar o IPVA por WhatsApp
Continue lendo

Tecnologia

Tecnologia de Tangará da Serra, hidroreader obtém 1º lugar em evento nacional

Publicados

em

Hidrômetro inteligente é próprio para ambientes ‘smart cities’

O ‘HidroReader’, hidrômetro inteligente produzido pela startup homônima, de Tangará da Serra, foi o grande vencedor do 3º Prêmio Startup Assemae, em feira tecnológica promovida durante o 49º Congresso Nacional de Saneamento, semana passada (de 06 a 10), no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá. O evento contou com cerca de 1.800 inscritos, vindos de todas as regiões do Brasil.

É a segunda vez, em menos de um ano, que o HidroReader conquista o prêmio de tecnologia ‘smart cities’. Em setembro de 2018, a tecnologia tangaraense foi vencedora do 4º Prêmio Connected Smart Cities, no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo.

O HidroReader competiu com outras sete startups de todo o Brasil, sendo, ao final, apontado pelos jurados como vencedor do prêmio. A entrega da premiação ocorreu à noite, em evento festivo no Buffet Leila Malouf. “Mais um êxito alcançado. Viemos a Cuiabá numa feira disputada, com inúmeras tecnologias de ponta”, disse Thiago Zago, CEO da HidroReader, ao lado dos diretores Bruno Zago e Leandro Corniani, e do CTO André Heringer.

Veja Também:  Google e Think Olga se unem para facilitar denúncias de assédio no carnaval

Tecnologia
O HidroReader é um hidrômetro inteligente de baixo custo próprio para ambientes smart cities. Através de software embarcado (firmware), o dispositivo mede o consumo de água, evitando a leitura incorreta dos hidrômetros, e também detecta possíveis vazamentos e fraudes, conectando uma cidade inteira e diminuindo o índice de perda de água tratada.

Ideal para concessionárias de água, empresas individualizadoras e condomínios, o hidrômetro inteligente da HidroReader remete a leitura do consumo através da transmissão de dados para smartphones ou tablets via anúncios (broadcast) ou, ainda, criando uma grande rede urbana que também pode ser utilizada para sensores de estacionamentos, rastreamento do transporte público, sensores de iluminação e outras aplicações.

Durante a Feira de Saneamento, o estande HidroReader foi um dos mais concorridos, com visitas de mais de uma centena de representantes de companhias de saneamento de vários estados, empresários, pesquisadores, estudantes e profissionais ligados à área de saneamento.

Por diariodaserra

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana