conecte-se conosco


Mato Grosso

Campeonato sub-23 testa pista de atletismo com padrão internacional em Mato Grosso

Publicados

em

Nos dias 02 e 03 de março será realizado o campeonato estadual sub-23 de atletismo, na pista de atletismo do Centro Oficial de Treinamento (COT) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), em Cuiabá. 

O evento será um marco em Mato Grosso para a história do esporte, que deu origem aos Jogos Olímpicos. Com a liberação da pista de corrida do COT, esta será a primeira competição realizada no Estado com estrutura de padrão internacional, confeccionada em material emborrachado. O campeonato estadual também dá início ao calendário de competições do atletismo em 2019. 

Para o presidente da Federação de Atletismo de Mato Grosso, o professor Tomires Campos Lopes, a realização da Campeonato na pista da UFMT enriquece o trabalho de treinadores e atletas. 

“O Estado possui profissionais consagrados que estão entre os melhores do Brasil e da América do Sul, que fazem o atletismo acontecer em diversas cidades mato-grossenses. A inauguração dessa pista vai potencializar ainda mais a qualidade da modalidade, pois possibilita que os atletas sejam testados nas mesmas condições de outros centros, evita investimentos em deslocamentos e aprimora os estudos acadêmicos em regime de extensão com a comunidade”, explica Tomires. “Temos também agora a capacidade para sediar eventos dessa natureza em nosso território”, conclui. 

Veja Também:  Após “furar posto”, veículo é apreendido pela fiscalização da Sefaz

No campeonato estadual sub-23 realizado neste fim de semana, os atletas competirão em provas de 200, 400, 800 e 5 mil metros, arremesso de peso, salto em distância, salto em altura, corrida com barreiras, dentre outras.

A competição tem o apoio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) que busca uma reaproximação com a Federação Mato-grossense de Atletismo para o fortalecimento do esporte no Estado. 

 “Comemoramos juntos essa importante aquisição para o atletismo estadual. O material da pista é o mesmo utilizado nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, é um sonho imensurável para quem vive e faz a gestão do esporte”, descreve o secretário adjunto de Esporte e Lazer, Jefferson Neves.

O secretário da Secel, Allan Kardec, ressalta que é importante finalizar toda a estrutura esportiva do Centro de Treinamento.  “Vamos acompanhar as etapas de conclusão do COT, que é uma obra do Governo do Estado em parceria com a UFMT. É um projeto de muita relevância para a gestão do esporte e lazer em Mato Grosso”.         

Centro Oficial de Treinamento (COT)

A obra, realizada em parceria com a UFMT, está sob a responsabilidade da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT) e se encontra em fase de finalização, com mais de 80% dos serviços executados.

Veja Também:  Parceria para uso de mão de obra de presos e investimentos são temas de reuniões

Prevista para a Copa do Mundo de 2014, a estrutura esportiva conta com área total de 5,4 mil metros quadrados e capacidade de abrigar 1,5 mil torcedores, além de possuir campo de futebol e pista de corrida ao lado do ginásio poliesportivo da instituição federal. 

Finalizada com recursos aportados pelo Ministério do Esporte à UFMT, a pista de atletismo possui revestimento de borracha, fabricado com dupla camada – natural e sintética– contém estrutura antiderrapante, altamente resistente, que promove amortecimento aos atletas. É um material que assegura mais aderência nos calçados, proporcionando aos atletas melhoria na performance e no deslocamento. 

O campeonato estadual sub-23 de atletismo servirá como evento-teste para a pista de atletismo.

Serviço:
Campeonato Estadual sub-23 de Atletismo
Realização: Federação de Atletismo de Mato Grosso (FAMT)
Dias: 02 e 03 de março
Horário: das 8h às 12h e das 14h às 18h, no sábado – e das 8h às 12h, no domingo
Local: UFMT – Cuiabá
Contato: 65 3615-8840 (FAMT)

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

Tribunal de Justiça empossa mais 10 novos juízes e juízas para Comarcas do Estado

Publicados

em

A presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargadora Maria Helena Póvoas, empossou, na tarde desta quinta-feira (18 de agosto), 10 novos juízes substitutos, quatro mulheres e seis homens, aprovados no último Concurso Público para ingresso na Carreira da Magistratura do Estado. A nomeação e posse dos magistrados é um dos compromissos firmados pela presidente no início da gestão como parte do planejamento de Priorização do Primeiro Grau e, automaticamente, fortalecimento da magistratura estadual.
 
A solenidade, no Plenário 1, na sede do Judiciário, na Capital, em formato presencial e hibrido, foi prestigiada, além de desembargadores e desembargadoras, juízes e juízas auxiliares da Presidência e da Corregedoria-Geral da Justiça, por representantes de instituições do sistema de Justiça e por familiares e amigos dos empossados.
 
O corregedor-geral, desembargador José Zuquim Nogueira, parabenizou a presidente do Tribunal pela convocação dos novos colegas que representa mais uma etapa de fortalecimento do Primeiro Grau de Jurisdição. “Vocês que tomam posse hoje, certamente, enfrentarão muitas dificuldades, mas serão de grande valia para os vossos aprendizados”, frisou o desembargador, ensinando que no exercício da magistratura o que mais se exige do magistrado é o sentimento de equilíbrio, firmeza nas decisões e no caráter, justamente porque “o melhor magistrado é aquele, aquela, que entrega ao cidadão um serviço de qualidade e celeridade”, aconselhou o corregedor-geral.
 
A presidente Maria Helena Póvoas pediu aos novos juízes e juízas que atuem nas unidades judiciais com independência e serenidade e que nunca confundam autoridade com autoritarismo. A desembargadora recomendou aos novos magistrados e magistradas que procurem sempre receber com carinho os advogados e advogadas e que em toda a carreira procurem agir com humildade.
 
Maria Helena Póvoas frisou que com esse ato de posse, pela primeira vez na Justiça estadual, todas as comarcas estão preenchidas por magistrados e magistradas. “Sinto gratidão por atingirmos essa meta”, salientou a presidente.
 
Mais nomeações – Dos 10 empossados, cinco magistrados e magistradas foram convocados para substituírem os(as) que foram nomeados(as) e posteriormente pediram exoneração do cargo. E, com isso, por decisão da desembargadora-presidente, outros cinco foram nomeados nomeadas, ampliando ainda mais o número previsto no edital do concurso, que, inicialmente, era nove, depois passou para 25 e, agora, chegou a 30 juízes e juízas substitutos(as) que passam a integrar o quadro da magistratura de Mato Grosso e que em breve estarão lotados em comarcas do interior.
 
Ao desejar boa sorte e sucesso na nova caminhada, a presidente do Tribunal de Justiça lembrou aos novos magistrados e magistradas que irão comandar eleições e orientou que atuem com altivez, autoridade e sem arrogância. “Assim, informo que o Tribunal de Justiça está à disposição dos senhores e senhoras para auxiliá-los nessa jornada”, ressaltou, acentuando que os novos togados, com toda certeza, chegam com a missão de contribuir com a constante eficiência da Justiça mato-grossense.
 
Formação – Os 10 novos magistrados e magistradas substitutas participam de 22 de agosto a 30 de setembro do Curso Oficial de Formação Inicial (Cofi) promovido pela Escola Superior da Magistratura de Mato Grosso (Esmagis-MT), no Anexo Desembargador Atahide Monteiro da Silva, na sede do Judiciário, em Cuiabá. No dia 3 de outubro serão designados(as) para as comarcas em que atuarão (ainda não definidas) e lá continuarão com a formação on-line.
 
#Paratodosverem
Esta matéria possui recursos de texto alternativo para promover a inclusão das pessoas com deficiência visual. Descrição de imagens: Foto 1 em formato horizontal colorida no Plenário 1 tendo a frente os 10 novos juízes e juízas e atrás a presidente do Tribunal de Justiça e demais magistrados e magistradas e autoridades do sistema de Justiça. Foto 2 em formato horizontal colorida tendo a frente os 10 novos magistrados e magistradas e ao fundo, também de pé, as demais autoridades ladeadas por um crucifixo, brasão do Judiciário e pelas bandeiras do Brasil e de Mato Grosso
 
Álvaro Marinho
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
 
 

Fonte: Tribunal de Justiça de MT

Veja Também:  Polícia Militar desarticula quadrilha que aplicava golpes pela internet

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Juizado Especial Criminal de Cuiabá suspende atendimento presencial por falta de energia

Publicados

em

Por conta da falta de energia elétrica o atendimento presencial está suspenso hoje (dia 18/8) no Juizado Especial Criminal de Cuiabá (Jecrim), bem como no Serviço de Atendimento Imediato (SAI).
 
Apesar da suspensão do atendimento presencial, os prazos processuais continuam a correr normalmente.
 
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
 
 

Fonte: Tribunal de Justiça de MT

Comentários Facebook
Veja Também:  Polícia Militar desarticula quadrilha que aplicava golpes pela internet
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana