conecte-se conosco


Saúde

Carreta da Mamografia realiza exames gratuitos na Grande São Paulo

Publicados

em


A Carreta da Mamografia da campanha Mulheres Amigas atende mulheres, a partir dos 40 anos de idade, em situação de vulnerabilidade social. O atendimento será feito até 7 de novembro, das 8h às 18h, em locais da Grande São Paulo.

A unidade móvel vai percorrer os municípios de Ferraz de Vasconcelos, Guarulhos, Mauá e São Paulo, incluindo as comunidades de Paraisópolis e Itaim Paulista. O objetivo é possibilitar, de forma gratuita, a realização de exames para a detecção e o diagnóstico de câncer de mama.

Os exames incluem mamografia, complementos de mamografia, ultrassom de diagnóstico, além do encaminhamento para consulta com mastologista e biópsia, caso necessário. Para participar, as mulheres devem fazer um cadastro prévio no site https://www.americasamigas.org.br/mulheres-amigas-2021.

A ação é realizada pela ONG Américas Amigas, como parte da campanha do Outubro Rosa, e busca reduzir a taxa de mortalidade decorrente do câncer de mama e alertar sobre a importância do diagnóstico precoce da doença.

Edição: Aécio Amado

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Veja Também:  Mais de 200 milhões de doses de vacinas foram distribuídas no Brasil
Propaganda

Saúde

Covid-19: Rio conclui hoje segunda dose da vacinação em massa da Maré

Publicados

em


A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a Secretaria Municipal de Saúde do Rio concluem hoje (16) o projeto de imunização de todos os adultos do Complexo da Maré, com a segunda dose da vacina contra covid-19. O conjunto de favelas fica na zona norte da cidade do Rio de Janeiro.

Na primeira fase, realizada no início de agosto, 37 mil pessoas foram vacinadas com a primeira dose, ou cerca de 96% da população com mais de 18 anos na comunidade.

O mutirão, aos moldes do que foi feito em outros locais como as ilhas Grande e de Paquetá, no Rio de Janeiro, busca estudar os efeitos da vacinação em massa na comunidade. Segundo a Fiocruz, cerca de 8 mil pessoas das 37 mil imunizadas estão sendo monitoradas para que se conheça os efeitos da vacina.

O estudo da Fiocruz na Maré medirá a efetividade da vacina AstraZeneca, monitorará a circulação de variantes da covid-19 entre os moradores, a ocorrência de casos entre pessoas vacinadas, possíveis efeitos adversos da vacina e o nível de proteção de crianças e adolescentes não vacinados.

Veja Também:  Queiroga: intervalo de aplicação da Pfizer deve se reduzir em setembro

Além de completar o ciclo de vacinação nos adultos, o mutirão, iniciado na última quinta-feira e que será concluído hoje, também prevê imunizar, com a primeira dose, os adolescentes com 12 anos ou mais que ainda não foram vacinados.

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Tratamento se mostra eficaz contra disfunção vesicointestinal infantil

Publicados

em


Um estudo brasileiro demonstrou a eficácia de um tratamento para a disfunção vesicointestinal infantil. A condição consiste em incontinência urinária associada à prisão de ventre, com quadros frequentes de infecção urinária. Estima-se que a doença atinja 7,5% das crianças entre 5 e 14 anos, segundo a Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, responsável pela pesquisa.

Os sintomas são percebidos após o desfralde e incluem urgência e aumento da frequência para urinar, além da baixa frequência de defecação (três ou menos vezes por semana).

O tratamento é feito com eletroneuroestimulação parassacral (Tens), ou seja, a aplicação de eletrodos sobre a pele, de forma não invasiva, na região inferior das costas da criança, logo acima das nádegas. É o mesmo procedimento já usado para tratar apenas a incontinência urinária, mas que se mostrou eficaz também para tratar a prisão de ventre associada a ela.

O estudo, que é fruto da tese de doutorado da coloproctologista Glícia Abreu, foi publicado recentemente no periódico norte-americano Journal of Urology. O orientador da pesquisa foi Ubirajara Barroso Jr., que vem trabalhando há 20 anos com uso e aprimoramento do Tens no tratamento da incontinência urinária em crianças.

Veja Também:  Covid-19: Espanha libera entrada de voos do Brasil

“O intestino e a bexiga nascem juntos embriologicamente. Durante a vida fetal, eles se separam mas mantêm a mesma inervação, por isso existe uma certa comunicação cruzada entre ambos. Em pessoas que têm constipação intestinal, a bexiga pode ter sua sensibilidade alterada e vice-versa”, explica Barroso Jr.

O Tens se mostrou eficaz para tratar 70% dos casos de disfunção vesicointestinal em crianças e adolescentes. “A vantagem é ser um método único para os dois [incontinência urinária e constipação], o que facilita e barateia. Além disso, o outro método para tratar a incontinência seria a medicação anticolinérgica, que piora a constipação, então não seria um método adequado para tratar a incontinência porque pioraria a outra ponta do problema [prisão de ventre]. Nosso método, é um método sem efeitos adversos significativos”.

Segundo Barroso Jr., o tratamento por Tens é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana