conecte-se conosco


Mato Grosso

Casal planta abacateiros no Parque da Família durante ação do Verde Novo

Publicados

em


O casal Dilma e Benedito Carvalho, moradores do Bosque da Saúde, costuma fazer caminhada no Parque da Família, próximo ao Shopping Pantanal, em Cuiabá, sabendo da ação de plantio no local no sábado (17), os dois levaram duas mudas de abacateiro. Orgulhosos apresentaram “seus filhotes”.
 
“Durante a pandemia aprendi que podíamos aproveitar os caroços dos abacates que consumíamos para termos novas árvores. Dei de presente para várias pessoas. Agora posso cultivá-los bem perto de casa”, informa a servidora pública Dilma Carvalho. “O Parque é bem aproveitado pelos moradores da região, com mais sombra ficará mais bonito e com o clima mais ameno”, completa o marido.
 
Eles aprovaram a ação de plantio de 50 novas mudas de árvores nativas e frutíferas no local, realizada pelo Projeto Verde Novo. A  iniciativa é do Poder Judiciário de Mato Grosso, por meio do Juizado Volante Ambiental de Cuiabá (Juvam) e parceiros.
 
Esta é a segunda ação do Verde Novo no local. “Quando o Parque foi inaugurado fizemos o plantio dos ipês que estão no entorno. Hoje é um motivo de orgulho passar por aqui e ver que eles já estão maiores do que eu, ou seja o trabalho lá atrás rendeu frutos e vai perdurar por muito tempo”, avaliou o assessor do Juvam, Sérgio Savioli Resende.
 
“Recebemos novo convite para contribuir com a reposição de árvores dentro do parque. Fizemos nosso papel, mas agora é importante que as pessoas se enxerguem como responsáveis pela degradação do meio ambiente ao produzir lixo no seu dia a dia e aproveitem espaços públicos para cuidar do meio ambiente, como o casal Dilma e Benedito. Esse parque não é do Poder Público e de todos nós”, aconselhou.
 
O coordenador do projeto Disque Cidade Verde, da prefeitura de Cuiabá, Abel Nascimento, lembrou da importância do parque para a melhoria do clima na Capital. “Aqui temos um espaço que além de servir para a prática de atividades física, beneficia para minimizar as ilhas de calor de Cuiabá”, explica. “Temos um lago que está sendo emoldurado com árvores nativas, se tornando um redutor de temperatura e agente de sequestro de carbono”, completa.
 
Ele também elogiou a atitude do casal Dilma e Benedito “Esse é o verdadeiro significado do nome Parque da Família, o congraçamento do Poder Público e da comunidade. Todos juntos na construçõa e manutenção de um bem. Só com a participação efetiva da comunidade, cuidando, zelando desse espaço que o parque será valorizado e apropriado por todos”.
 
Distribuição de Mudas – Além do plantio de mudas, o projeto promoveu a distribuição de 500 mudas de árvores no espaço sustentável do Shopping Pantanal, na tarde de sábado (17), celebrando o Dia de Proteção às Florestas. Os visitantes do shopping passaram pelo local e eram surpreendidos com mudas de árvores frutíferas e kit de hortaliças, fruto do projeto realizado pelo empreendimento comercial desde 2014.
 
“Vimos um sinergia entre os projetos do Poder Judiciário com o do Shopping, então buscamos unir forças para marcar este dia tão importante para nós”, explica o gerente de Operações do Shopping Pantanal, Marcelo Carvalho. “O espaço sustentabilidade produz cerca de 2 mil mudas de hortaliças por mês, que são doadas aos lojistas e projetos sociais e neste dia presenteamos nossos visitantes”.
 
A enfermeira Hadid Rodrigues foi uma das presenteadas. “Fui surpreendida positivamente, vim almoçar no shopping, passei e vi a ação, entre e ganhe uma muda de goiabeiras e um kit de hortaliça”, conta. “Gostei muito da iniciativa”, elogia.
 
Outra que foi surpreendida foi a estudante Leide Daiani Nantes, que ao passear pelos corredores do empreendimento teve a curiosidade atiçada pela movimentação no espaço sustentabilidade. “Ninguém esperar sair para passear e ganhar uma plantinha. A iniciativa é lida”, enaltece. “Ganhei uma muda de ipê vou plantar na chácara junto com minha filha para dar exemplo de cuidar do meio ambiente”, planeja
 
O projeto Verde Novo é desenvolvido em cooperação técnica com o Município de Cuiabá e o Instituto Ação Verde e patrocinado pelo Grupo Petrópolis, responsável pela doação das mudas de árvores nativas e frutíferas.
 
Dicas de plantio e cuidados com as mudas podem ser obtidos no hotsite do projeto. Acesse AQUI
 
 
Alcione dos Anjos/ Fotos: Alair Ribeiro
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
 

Veja Também:  Sábado (24): Mato Grosso registra 481.986 casos e 12.617 óbitos por Covid-19

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

Operação conjunta apreende aeronave que transportava 324 kg de cocaína

Publicados

em


Uma operação integrada realizada neste sábado (31.07) resultou na apreensão de uma aeronave que transportava cerca de 324 quilos de cloridrato de cocaína. Trata-se de uma ação de combate ao tráfico internacional de drogas.

A aeronave modelo CESSNA 182P foi interceptada pela Força Aérea Brasileira (FAB) e contou com o apoio da Polícia Federal e do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron).

O caso aconteceu no Distrito de Guariba, município de Colniza (1.022 km de Cuiabá). De acordo com o levantamento do Gefron, o prejuízo ao crime é de mais de R$ 8,7 milhões. 

Diante dos fatos, aeronave e entorpecentes foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal de Porto Velho (RO).

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Veja Também:  Colegiado define distribuição de 177.250 doses de vacinas contra a Covid-19
Continue lendo

Mato Grosso

Cuiabá registra redução de 63% nos focos de calor em vegetação no primeiro semestre 2021

Publicados

em


Os focos de calor em vegetação apresentaram redução de 63% em Cuiabá no primeiro semestre de 2021, conforme mostra o relatório do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso (CBMMT), que realizou um comparativo dos dados registrados no mesmo período do ano passado. 

De acordo com o documento elaborado pelo Comando Regional I, de 01 de janeiro até 29 de julho de 2020, Cuiabá registrou um total de 63 focos de calor. Em 2021, o total registrado foi de 23 focos, o que representa uma queda de 63%.

Outra cidade que obteve bom resultado foi o município de Poconé, a 104 km de Cuiabá, que registrou uma queda de 96% nos focos de calor. De 01 de janeiro até 29 de julho, foram 782 focos. Em 2021, foram constabilizados apenas 34 focos de calor.

Os números positivos são reflexo da rápida atuação das equipes que têm conseguido combater as chamas, antes que se transformem em incêndios de grandes proporções. Para conseguir essa resposta imediata de combate, os militares têm realizado o monitoramento de todas as regiões do Estados, através das imagens via satélite.

“É importante entender que um foco de calor é registrado através do nosso sistema de monitoramento quando as chamas tenham atingido, aproximadamente mil metros, deste modo é plotado como foco. Nossas equipes têm atuado e conseguido conter esses incêndios, antes que tenha alcançado essa metragem, por isso tivemos essa redução nos focos de calor neste primeiro semestre do ano”, explicou o comandante do CRBM-I, João Paulo Nunes de Queiroz.  
 
Os municípios de Barão de Melgaço, com 86%, Nossa Senhora do Livramento 85%, Jangada 82%, Nobres com 72%, Santo Antônio de Leverger 67%, Rosário Oeste 60%, Várzea Grande 43% e Planalto da Serra 33% também tiveram redução nos focos de calor.
 
 
No primeiro semestre de 2020, Mato Grosso registrou 8.550 focos de calor. Em 2021, mesmo período do ano passado, o total ficou em apenas 6.822, o que representa uma redução de 20,2%. 
 
A comandante (BEA) Jusciery Rodrigues Marques destacou que o CBM conta apoio de pessoas qualificadas, pois durante o período de preparação ao combate dos incêndios, “nós capacitamos mais de 3 mil pessoas em todo Estado” para atuar na primeira resposta e evitar que as chamas se alastrem.
 
O período proibitivo de incêndios florestais em Mato Grosso vai de 1° de julho até 30 de outubro. Neste período, fica proibido o uso do fogo do fogo para manejo e limpeza de áreas. Dependendo das condições climáticas, a proibição do uso de fogo pode ser prorrogado.
 
Ação Estratégica
Para fase resposta à Temporada de Incêndios Florestais e desmatamento ilegal o Governo de Mato Grosso disponibilizou R$ 73 milhões com investimentos em equipamentos, viaturas helicóptero para diversas ações de combate e proteção dos biomas mato-grossense.    
Com este investimento, o CBMMT e demais forças que exercem as ações de combate e controle ao e incêndios florestais no Estado estão atentos com realização de ações de combate e seguem monitoramento constantemente para identificar áreas que estão sendo destruídas de forma irregular com uso do fogo em Mato Grosso.
 
Denúncias e atendimentos
Para atendimento das ocorrências de incêndios florestais, deve ser acionado o número 193 do Corpo de Bombeiros. Já em caso de denúncias de queimadas nas áreas rurais o cidadão deve entrar em contato pelo 0800 647 7363.
 
 
 
Outros sete municípios: Barão de Melgaço com 86%, Nossa Senhora do Livramento 85%, Jangada 82%, Nobres com 72% Santo Antônio de Leverger 67%, Rosário Oeste 60%, Várzea Grande 43% e Planalto da Serra 33% tiveram redução nos focos de calor foram.
A nível estadual, os dados de redução dos focos de calor foram de -88,42%, conforme detalhado no Informativo (13), período de 01 de janeiro a 25 de julho de 2021, compilado pelo Batalhão de Emergências Ambientais (BEA).
Fonte: GOV MT

Veja Também:  Sema aplica multa de R$ 1 milhão em empresa de Sorriso por poluir Rio Celeste

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana