conecte-se conosco


Economia

Centro de apoio oferece mais de mil vagas de emprego em São Paulo

Publicados

em

O Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo (Cate), órgão ligado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da prefeitura de São Paulo, oferece mais de mil vagas para diferentes postos de trabalho nas áreas de serviços, saúde, construção civil e comércio.

Os interessados podem consultar as vagas pelo portal Cate e realizar a inscrição até quarta-feira (22), às 18h, ou comparecer em uma das 26 unidades do centro de apoio na cidade, das 8h às 17h.

“Nesta semana, o Cate oferta mais de 1.000 vagas. Este é o resultado de muito trabalho e mobilização, para que seja possível atender, principalmente, a população mais vulnerável””, disse, em nota, a secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Aline Cardoso. Ela destacou o crescimento das vagas no setor supermercadista que, segundo afirmou, foi o que mais ampliou atividades no auge da crise sanitária e que permanece aquecido.

No setor de supermercados, são oferecidas cerca de 200 vagas, com salários que chegam a R$ 1.847, nas ocupações de repositor de mercadorias, operador de caixa, ajudante de açougueiro, entre outras, com necessidade de comprovar experiência na atividade e escolaridade compatível.

Veja Também:  Confiança do comércio volta a crescer após dois meses

Há também 112 vagas para atendentes de lanchonete, sem exigência de experiência, e o salário chega a R$ 1.340, em diferentes regiões de São Paulo, em escritórios, hospitais, condomínios, entre outros. Para a função de auxiliar de limpeza, são 67 vagas, com necessidade de experiência e o nível de escolaridade varia de acordo com a vaga. O salário mensal chega a R$ 1.828.

Unidades do Cate:

• Centro/Sul

Cate Central – Av. Rio Branco, 252

Cate Interlagos – Av. Interlagos, 6122

Cate Jabaquara – Av. Eng. Armando de Arruda Pereira, 2314

Cate Cidade Ademar – Av. Yervant Kissajikian, 416

Cate Parelheiros – Estrada Ecoturística de Parelheiros, 5252

Cate Santo Amaro – Praça Floriano Peixoto, 54

Cate Campo Limpo – Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 65

Cate Vila Prudente – Av. do Oratório, 172

Cate Capela do Socorro – Rua Cassiano dos Santos, 499

• Zona Noroeste

Cate Lapa – Rua Guaicurus, 1000

Cate Butantã – Rua Doutor Ulpiano da Costa Manso, 201

Veja Também:  Abate de frangos cai e o de bovinos e suínos cresce no 1º trimestre

Cate Pirituba – Av. Dr. Felipe Pinel, 12

Cate Perus – Rua Ylídio Figueiredo, 349

Cate Jaraguá – Estrada de Taipas, 990

Cate Santana – Av. Tucuruvi, 808

Cate Brasilândia – Av. João Marcelino Branco, 95

Cate Jaçanã – Rua Luis Stamatis, 300

Cate Vila Maria/Vila Guilherme – Rua General Mendes, 111

• Zona Leste

Cate São Mateus – Av. Ragueb Chohfi, 1400

Cate Cidade Tiradentes – Rua Milagre dos Peixes, 357

Cate Itaquera – Rua Augusto Carlos Bauman, 851

Cate São Miguel Paulista – Rua Dona Ana Flora Pinheiro de Souza, 76

Cate Itaim Paulista – Av. Marechal Tito, 3012

Cate Penha – Rua Candapuí, 492

Cate Guaianases – Rua Hipólito de Camargo, 479

Cate Sapopemba – Av. Sapopemba, 9064

Edição: Maria Claudia

Comentários Facebook
Propaganda

Economia

Receita alerta para golpe do falso IOF antecipado via Pix

Publicados

em

Por

Cobrado sobre operações de crédito e de câmbio, o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) está sendo usado por criminosos para enganar tomadores de empréstimos. A Receita Federal emitiu um alerta sobre estelionatários que se passam por supostas empresas para condicionar a liberação do crédito ao pagamento antecipado de IOF via Pix.

Segundo o Fisco, os fraudadores fornecem documentos falsos de notificação e de arrecadação que induzem o cidadão a recolher taxas inexistentes para a liberação do dinheiro. A vítima repassa o suposto IOF por meio de transferências Pix para pessoas físicas.

Boleto usado no golpe condiciona transferência de empréstimo a pagamento adiantado de IOF por Pix Boleto usado no golpe condiciona transferência de empréstimo a pagamento adiantado de IOF por Pix

Boleto usado no golpe condiciona transferência de empréstimo a pagamento adiantado de IOF por Pix – Divulgação/Receita Federal

Em comunicado, a Receita Federal informa que jamais fornece dados para recolhimento de tributos ou de taxas via transferência. Segundo o órgão, os servidores do Fisco não prestam serviços de empréstimo à população nem entram em contato para cobrar pagamentos.

Embora alguns tributos possam ser pagos via Pix, a Receita esclarece que o IOF só pode ser quitado por meio de Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf), pago pela instituição que concede o empréstimo, não pelo tomador. Caso desconfie ser vítima de um golpe, a Receita Federal orienta que o cidadão procure imediatamente a polícia, munido de todas as provas possíveis, e registre um boletim de ocorrência.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Economia

Comentários Facebook
Veja Também:  Turismo brasileiro cresce 47,7% em abril, aponta FecomercioSP
Continue lendo

Economia

Citado em denúncias de assédio, vice-presidente da Caixa renuncia

Publicados

em

Por

O vice-presidente da área de Negócios no Atacado da Caixa, Celso Leonardo Derzie de Jesus Barbosa, renunciou ao cargo, informou o banco público por meio de fato relevante divulgado na noite de ontem (1º).

A renúncia ocorre na esteira das acusações de assédio sexual que levaram o economista Pedro Guimarães a pedir demissão do cargo de presidente da Caixa, na última quarta-feira (29). O caso foi revelado pelo portal Metrópoles e é investigado pelo Ministério Público Federal (MPF).

Um dos executivos mais próximos de Guimarães, Celso Leonardo Barbosa também foi citado em denúncias de funcionárias da Caixa que já prestaram depoimento aos investigadores. A renúncia dele foi aprovada pelo Conselho de Administração do banco.

Barbosa, que nega as acusações, também é alvo de denúncia por abuso sexual apresentada na ouvidoria da Caixa. O Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Tribunal de Contas da União (TCU) também se debruçam sobre o caso.

A nova presidente da Caixa, a economista Daniella Consentino, assinou ontem (1º) o termo de posse e deve assumir o cargo na próxima terça-feira (5), em cerimônia no Palácio do Planalto.

Veja Também:  Confiança do comércio volta a crescer após dois meses

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Economia

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana