conecte-se conosco


Mato Grosso

Cerca de 200 lideranças comunitárias participam de reunião com comando da PM

Publicados

em

Cerca de 200 lideranças comunitárias participaram de um encontro, na noite de segunda-feira (25.03), com os comandantes geral e regional da Polícia Militar, coronéis Jonildo José de Assis e Wankley Rodrigues. Durante a reunião, foram apresentados os principais eixos de atuação da PM para prevenção e repressão à criminalidade.

Fortalecer o policiamento comunitário, discutindo e executando ações em parceria e a partir de demandas e informações recebidas dos moradores, estão entre as prioridades do Comando da Polícia Militar. “Essa interação é um dos eixos do meu comando”, destacou o coronel Assis.

Desde que assumiu o Comando Geral da PMMT, em 10 de janeiro, essa é a maior reunião de Assis com representantes de bairros. Na análise dele, a participação da comunidade é fundamental no trabalho de segurança pública.

Assis citou a redução dos índices de criminalidade nos primeiros meses de 2019, no caso de homicídios, cerca de  23% (dados ainda não consolidados pela Sesp). A operação Veranum, iniciada em janeiro e que se estenderá por 100 dias, é outro exemplo da atuação forte da Polícia Militar. Ele também falou da criação da Companhia de Força Tática, a mais nova unidade especializada de Cuiabá.

Veja Também:  Renovação da concessão da Malha Paulista garante expansão da ferrovia em MT

O coronel Wankley Rodrigues, comandante do 1º CR, divisão da PM responsável segurança de Cuiabá e outros cinco municípios, apontou o policiamento comunitário como uma ferramenta eficaz na orientação e resolução de conflitos que podem resultar em crimes graves. “Precisamos das lideranças dos bairros e dos moradores. Afinal, quem sabe dos problemas são os cidadãos que neles vivem”.

Além de valorizar a proximidade com a população, Rodrigues enfatizou que a PM planeja e executa o policiamento a partir do trabalho de inteligência e de análises criminais, que seriam a junção do conhecimento com dados sobre incidência e modalidade de crimes. Há, ainda, a integração com outras forças de segurança para enfrentar crimes como roubo e tráfico de droga.

A presidente do bairro Jardim Vitória, Maria das Graças Santos, “dona Chica”, considerou o encontro de extrema importantância. “A comunidade precisa da Polícia Militar, precisa saber que terá apoio na hora que acioná-la e abertura quando for apresentar demandas,” completou.

O presidente da Federação dos Conselhos Comunitários de Segurança (FeConsegs), Valdir Aparecido Pereira, elogiou o encontro, que considerou proveitoso, e reivindicou que essa iniciativa seja levada para todos os municípios mato-grossenses.

Veja Também:  Setasc orienta municípios quanto aos serviços socioassistenciais à idosos e crianças na pandemia

Ações definidas

Além de apresentação dos comandantes de batalhões e companhias de Cuiabá, e das coordenadorias de Polícia Comunitária na Sesp e na PM, todos os presentes receberam um cartão com informações sobre a PM em Cuiabá e região, incluindo o disk denúncia 0800 65 3939.

O comandante geral, coronel Assis, e o coronel Rodrigues também informaram que está sendo reativada a Divisão de Polícia Comunitária do 1º CR e sendo elaborado um calendário de palestras e encontros em escolas, clubes de serviços e outros espaços para falar de segurança pública voltada à prevenção e participação da comunidade.

O secretário-adjunto de Integração Peracional da Sesp, coronel Victor Paulo Fortes, e o coordenador de Polícia Comunitária na Sesp, tenente-coronel Fábio Bastos, também participaram da reunião.

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

Domingo (01): Mato Grosso registra 490.574 casos e 12.795 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste domingo (01.08), 490.574 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 12.795 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 261 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 490.574 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 10.416 estão em isolamento domiciliar e 465.859 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 406 internações em UTIs públicas e 269 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 68,12% para UTIs adulto e em 31% para enfermarias adultos.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (99.732), Rondonópolis (34.868), Várzea Grande (32.809), Sinop (23.554), Sorriso (17.156), Tangará da Serra (16.840), Lucas do Rio Verde (14.624), Primavera do Leste (13.033), Cáceres (10.685) e Barra do Garças (9.978).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Veja Também:  Setasc orienta municípios quanto aos serviços socioassistenciais à idosos e crianças na pandemia

O documento ainda aponta que um total de 376.852 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 516 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

No sábado (31.07), o Governo Federal confirmou o total de 19.917.855 casos da Covid-19 no Brasil e 556.370 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 19.880.273 casos da Covid-19 no Brasil e 555.460 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste domingo (01.08).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Veja Também:  Todos os municípios de Mato Grosso estão com risco baixo de contaminação da Covid-19

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Operação conjunta apreende aeronave que transportava 324 kg de cocaína

Publicados

em


Uma operação integrada realizada neste sábado (31.07) resultou na apreensão de uma aeronave que transportava cerca de 324 quilos de cloridrato de cocaína. Trata-se de uma ação de combate ao tráfico internacional de drogas.

A aeronave modelo CESSNA 182P foi interceptada pela Força Aérea Brasileira (FAB) e contou com o apoio da Polícia Federal e do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron).

O caso aconteceu no Distrito de Guariba, município de Colniza (1.022 km de Cuiabá). De acordo com o levantamento do Gefron, o prejuízo ao crime é de mais de R$ 8,7 milhões. 

Diante dos fatos, aeronave e entorpecentes foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal de Porto Velho (RO).

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Veja Também:  Todos os municípios de Mato Grosso estão com risco baixo de contaminação da Covid-19
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana