conecte-se conosco


Mulher

Cigarro ainda é a principal causa do câncer de pulmão

Publicados

em


source
Cigarro ainda é a principal causa do câncer de pulmão
Reprodução: Alto Astral

Cigarro ainda é a principal causa do câncer de pulmão

Neste domingo (29) é comemorado o Dia Nacional de Combate ao Fumo, data que visa conscientizar a população sobre os danos do tabaco e a importância de largar o vício pelo cigarro. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o fumo gera consequências irreversíveis na população, sendo cerca de um a cada dez óbitos por conta do hábito de fumar – ou seja, aproximadamente, 8 milhões de pessoas morrem por ano.

Assim, vale lembrar que dentre as muitas complicações causadas pelo tabagismo estão os problemas no aparelho respiratório, como asma, bronquite, enfisema pulmonar e câncer.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), o hábito de fumar é uma das principais causas do câncer de pulmão, uma vez que fumantes possuem 20 vezes mais chances de desenvolverem tumores pulmonares. O Instituto também aponta que mais de 30 mil pessoas receberão o diagnóstico da doença ainda em 2021.

Sintomas e diagnóstico

Mariana Laloni, médica oncologista, explica que os sintomas do câncer de pulmão costumam aparecer no aparelho respiratório, e podem envolver tosse, falta de ar e dor no peito. Além disso, outros sintomas não específicos também podem surgir, entre eles perda de peso e fraqueza. Contudo, a médica ressalta que nem sempre o diagnóstico vem acompanhado de sintomas. “Em poucos casos, cerca de 15%, o tumor é diagnosticado por acaso, quando o paciente realiza exames por outros motivos. Por isso, a atenção aos primeiros sintomas é essencial para que seja realizado o diagnóstico precoce da doença, o que contribui amplamente para o sucesso do tratamento”, diz.

Veja Também:  Giovana Cordeiro inspira com cacheado; saiba como passar pela transição capilar

Desse modo, é de fundamental importância estar sempre atento à saúde e realizar vistitas médicas periodicamente.

Laloni comenta ainda que existem dois tipos de câncer de pulmão: o carcinoma de pequenas células e o de não pequenas células. “O carcinoma de não pequenas células corresponde a 80 a 85% dos casos e se subdivide em carcinoma epidermóide, adenocarcinoma e carcinoma de grandes células. O tipo mais comum no Brasil e no mundo é o adenocarcinoma e atinge 40% dos afetados”, destaca a oncologista.

Mas como evitar o câncer de pulmão?

Apesar o Brasil ter um dos menores índices de fumantes do mundo, cerca de 10% da população acima de 18 anos, segundo o INCA, fumar ainda é a principal causa de câncer de pulmão.

Você viu?

Inclusive, atualmente, Laloni alerta que há um desafio a ser enfrentado: os cigarros eletrônicos e outros dispositivos de vape. “Nós vemos novas formas de tabagismo chegando, como o cigarro eletrônico, por exemplo, que tem atraído principalmente os adolescentes, pelo formato, pela novidade e pela falta de informação também sobre o impacto nocivo deles. Então, estamos vendo uma geração que tinha largado o cigarro, voltar para versões digamos, mais modernas, do mesmo mal”, observa.

Assim, a especialista enfatiza que parar de fumar é a forma mais segura de prevenir o câncer de pulmão – além de outros tumores, doenças cardíacas e pulmonares, como a pneumonia e o AVC (acidente vascular cerebral).

Veja Também:  Horóscopo do dia: previsões para 10 de setembro de 2021

Parar de fumar X saúde mental

A abstinência do cigarro é vista como um desafio, uma vez que a falta do tabaco pode causar ansiedade e irritabilidade. Segundo Renata Figueiredo, médica psiquiatra, a maioria dos indivíduos que decidem parar de fumar sentem alteração de humor e isso acontece porque o cigarro reduz esses sintomas de estresse.

“Se a pessoa nunca tivesse fumado, provavelmente não sentiria esses efeitos. Na verdade, a falta do cigarro no organismo do dependente faz com que eles apareçam. Ou seja, o cigarro é o grande causador das alterações de humor e da piora da saúde mental, pois além dos malefícios já conhecidos, também prejudica a autoestima, com alterações na pele, no cabelo e nos dentes”, ela explica.

Foto: Shutterstock

Por fim, a psiquiatra afirma que embora o começo seja difícil, largar o cigarro não é impossível. “Apesar de ser um período difícil, com o tempo os sintomas da abstinência somem, o cérebro se adapta a essa nova realidade e o paciente se sente bem por ter conseguido passar por ele”, finaliza.

Fontes: Mariana Laloni, médica oncologista formada pela Faculdade de Medicina da PUC-Campinas com especialização em Oncologia Clínica pelo Instituto Brasileiro de Controle do Câncer IBCC e doutorado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP; Renata Figueiredo, médica psiquiatra e presidente da Associação Psiquiátrica de Brasília (APBr).

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Propaganda

Mulher

Sol em Libra: como isso afeta você?

Publicados

em


source
Sol em Libra: como isso afeta você?
Redação João Bidu

Sol em Libra: como isso afeta você?

Hoje, o Sol estrou em Libra e permanecerá nesse signo até 22 de outubro. A tendência geral é que, nesse período, as pessoas fiquem mais conciliadoras e compreensivas, investindo na cooperação e no perdão. É um ótimo momento para trabalhar em equipe, firmar parcerias e apostar em iniciativas que beneficiem a coletividade. Por outro lado, é possível que a indecisão aumente, assim como a dificuldade de dizer “não”.

JÁ CONFERIU O HORÓSCOPO DE HOJE NO SITE DO JOÃO BIDU? VEJA AS TENDÊNCIAS ASTRAIS PARA O SEU SIGNO!

primavera

Vem saber como o Sol em Libra mexe com o seu signo! 

Áries 

No trabalho, é um bom momento para apresentar ideias e vender sua imagem. Como sua capacidade de se relacionar triplica, tire vantagem disso para cavar seu espaço profissional. No amor, há sinal de tensão, porque a pessoa amada vai desejar se impor e até mesmo comandar o romance, o que para você é sempre complicado. Que tal tentar ser mais diplomática(o)?

Touro

O Sol em Libra afeta sua vida profissional. Você vai revelar empenho e foco, podendo, até mesmo, assumir novas responsabilidades. Fase especialmente próspera para quem lida com saúde, nutrição, segurança, administração e prestação de serviços em geral. Se passou por demissão recente, corra atrás dos seus direitos: a chance de se dar bem cresce agora! 

Gêmeos

Ao dar um rolê no seu paraíso astral, o Sol expande sua criatividade no amor. Ao lado do seu love, você vai se mostrar mais espontânea(o) e cheia(o) de charme. Se estiver só, poderá balançar corações por aí… A força do Sol ainda realça sua sexualidade, que estará bem mais envolvente. Mas há um risco de se comportar de modo autoritário, então, controle-se!

Veja Também:  Mulher dá à luz sêxtuplos em parto de menos de dez minutos

Câncer

Poderá demonstrar uma preocupação maior com a família, sobretudo as figuras masculinas: pai, avô, tio… Procure não levar assuntos pessoais para o trabalho, ou poderá manchar sua imagem. É na sua casa que vai encontrar refúgio e recarregar as baterias para encarar a rotina. Para garantir o conforto do seu pessoal, trabalhe duro e escancare seus talentos!

Leão

O Sol em Libra representa uma ótima oportunidade para fortalecer contatos com irmãos e demais parentes da sua geração. Você vai se mostrar mais ligada(o) no momento presente e saberá se comunicar bem, inclusive no seu serviço. Boa fase também para ampliar interesses, estudar coisas diferentes e buscar novos conhecimentos na sua área.

Virgem 

A presença de Sol na sua Casa das Posses vai inspirar você a cuidar dos seus recursos com pulso firme! Se trabalha em atividade autônoma, será um período positivo para lucrar. Por conta dessa influência, poderá julgar as pessoas por aquilo que elas acumulam na conta bancária. Fuja dessa tendência: o valor de cada um vai muito além do sucesso financeiro, viu? 

Libra 

O Sol em Libra evidencia suas melhores qualidades, como a simpatia, a gentileza e a vontade de harmonizar tudo e todos! Embora acentue seu poder de iniciativa, também pode aumentar sua dificuldade de fazer escolhas. A solução? Concentre-se nos seus desejos, aposte na sua enorme força interior, e celebre a vida, o amor e suas principais conquistas!

Escorpião

Ao passar pelo seu inferno astral, o Sol poderá intensificar sua vontade de se isolar. Portanto, procure acalmar suas emoções para não se iludir nem se aproximar de pessoas erradas: ainda que seu signo seja bem intuitivo, existe esse risco! Busque a companhia de quem gosta de você, fortaleça sua espiritualidade, firme o pensamento positivo e bola pra frente!

Veja Também:  Mulher de quase 60 anos diz que namorar homens mais novos a faz sentir com 30

Sagitário

A partir de agora, você vai começar a focar 2022. É provável que um dos seus planos em relação à carreira envolva pessoa amiga e possível sociedade. Eleições e projetos para o seu bairro ou comunidade também estarão entre seus interesses, assim como a atuação de um(a) amigo(a) influente. No dia a dia, tenha cuidado para não prometer demais e não conseguir cumprir. 

Capricórnio

O Sol em Libra mexe bastante com a sua ambição! E como o seu signo atribui muito valor ao sucesso material, será uma fase perfeita para buscar o reconhecimento que você deseja e merece no trabalho. É possível que receba ajuda profissional de uma pessoa bem-sucedida. Batalhe com garra, mas não deixe de escanteio os relacionamentos familiares, ok? 

Aquário

Por conta da pandemia, talvez os próximos 30 dias sejam desafiadores… O motivo: você vai sentir muito mais vontade de circular e se conectar com as pessoas do que o normal! Então, aproveite as vantagens da internet para consolidar suas amizades, conhecer gente nova, se informar e aprender. Ou seja, abra a sua mente sem comprometer sua saúde!

Peixes 

As próximas semanas vão exigir atenção da sua parte em relação às suas contas e às finanças de terceiros. Se você lida com dinheiro de pai, mãe ou do seu amor, não deixe passar nenhum detalhe para não sair no prejuízo. Na intimidade conjugal, sua intuição vai dar as cartas: será mais fácil adivinhar os desejos do seu bem. Mas tome cuidado com chantagem emocional!

Quer saber mais sobre a sua personalidade? Na Loja do João Bidu você faz o seu Mapa Astral 100% online e personalizado. 

LEIA TAMBÉM: 

  • Simpatias especiais para aproveitar as energias da primavera
  • Conheça o Mito de Deméter e a Primavera
  • Saiba como ter prosperidade em 7 dias
  • Fonte: IG Mulher

    Comentários Facebook
    Continue lendo

    Mulher

    Conheça as mulheres por trás dos clássicos da Disney

    Publicados

    em


    source
    Retta Scott, Reeta Davidson e Mary Blair
    Reprodução

    Retta Scott, Reeta Davidson e Mary Blair

    Por trás das histórias encantadas da Disney como Bambi (1942), Branca de Neve e os 7 Anões (1937), Cinderela (1950) e Dumbo (1941), mulheres ajudaram a criar os filmes que marcaram as trajetórias de crianças e adultos. Conheça a seguir algumas das mulheres que participaram de alguns dos maiores clássicos da Disney. As informações são do site Domestika.

    Retta Scott

    Reeta Scott
    Walt Disney Museum

    Reeta Scott

    A animadora começou a trabalhar na companhia em 1938, no departamento de História e Documentação. Ela é a primeira mulher a aparecer como animadora nos créditos de um filme da Disney e contribuiu para o filme Bambi (1942). Nesta época, os esboços e storyboards de Scott serviam de inspiração para os animadores. 

    A qualidade do desenho e talento da animadora chamaram a atenção de Fran Thomas e Ollie Johnston. Os artistas elogiaram o desenho da luta de cães selvagens e Bambi, e ficaram surpreendidos com “os incríveis esboços de Reeta Scott”. Com isso, os dois animadores sentiram a necessidade de colocar a própria artista para ilustrar as cenas. 

    Veja Também:  Mitos e verdades sobre o signo de Leão

    Scott foi promovida ao departamento de animação da Disney e a animadora participou de Fantasia (1940), Dumbo (1941) e do longa-metragem Wind in the Will. 

    Hazel Sewell

    Hazel Sewell
    Walt Disney Museum

    Hazel Sewell

    Além de animadora, Hazel Sewell também foi a primeira diretora do departamento de pintura e cores da Disney. A artista era cunhada de Walt Disney e o ajudou a colorir o curta Mickey Mouse Plane Crazy (1928).

    Sewell teve um papel importante no filme da primeira princesa da Disney: ela foi diretora de arte em Branca de Neve e os 7 Anões (1937), além de também ter participado da animação de Bambi e várias outras produções. Saiu dos estúdios de seu cunhado em 1938, após 11 anos de trabalho.

    Retta Davidson 

    Reeta Davidson
    Walt Disney Museum

    Reeta Davidson

    A animadora começou sua jornada na Disney em 1939, após se formar no ensino médio dos Estados Unidos. Seu primeiro cargo foi no departamento de pintura e cores, onde ela trabalhou com desenhos como Pinóquio (1940), Bambi (1942), Fantasia (1940) e A Bela Adormecida (1959). 

    Veja Também:  Marta e Pia Sundhage tocam samba: "O Brasil chegou, avisa lá que vai ter gol!"

    A animadora deixou os estúdios Disney por duas vezes: em 1942 para se alistar a marinha e em 1966. Nas duas vezes, ela retornou e concluiu diversos trabalhos, como O Caldeirão Mágico (1985) e As Peripécias de um Ratinho Detetive (1986).

    Mary Blair 

    Mary Blair
    Walt Disney Museum

    Mary Blair

    Mary Blair se destacou produzindo a arte conceitual de Alice no País das Maravilhas (1951), Peter Pan (1953), Cinderela (1950), ilustrando Dumbo (1941) e outros clássicos. A artista visitou vários países da América Latina e refletiu as cores e estéticas que viu nos desenhos que participava. 

    Ela também ajudou a criar projetos de marcas da Disneylândia, como o famoso “It’s a small World”, atração dos parques. 

    Ruthie Tompson 

    Ruthie Tompson
    D23

    Ruthie Tompson

    A animadora revisou células de animação e planejava cenas dos clássicos Fantasia (1940), Dumbo (1941), Bela Adormecida (1950) e Mary Poppins (1964). No departamento de pintura, Tompson colaborou com A Branca de Neve e os 7 Anões (1937). Se aposentou da companhia após quase 40 anos de serviços prestados. 

    Sylvia Holland 

    Sylvia Holland
    Pinterest

    Sylvia Holland

    Sylvia Holland se apaixonou pela Disney depois de assistir A Branca de Neve e os Sete Anões (1937). Em 1938, ela foi a segunda mulher com função artística de storyboard no departamento de roteiro. Trabalhou no conceito, design e plano de fundo e cores do Fantasia (1940).

    Fonte: IG Mulher

    Comentários Facebook
    Continue lendo

    QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

    EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

    Barra do Bugres e Região

    Mato Grosso

    Agronegócio

    Mais Lidas da Semana