conecte-se conosco


Política MT

Claudinei questiona a falta de convocação de aprovados do concurso da Seduc

Publicados

em


Deputado com representantes dos aprovados do concurso da Seduc

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

Delegado Claudinei apresenta requerimento ao governo de Mato Grosso

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS / Assessoria de Gabinete

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) apresentou Requerimento (n° 552/2021)  à Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso (Seduc), durante sessão plenária na Assembleia Legislativa, na quarta-feira (13), para que a Seduc esclareça o motivo de não realizar a convocação dos aprovados no último concurso público realizado pela pasta, em 2017, sendo que há aproximadamente 12 mil cargos ocupados por profissionais com contratos temporários. 

Uma das indagações feitas pelo parlamentar à gestão estadual quanto ao concurso que foi homologado por mais dois anos, com validade até fevereiro de 2022, é saber quantas vagas foram oferecidas no edital do concurso e se foram efetivamente preenchidas. Ele também requereu informações sobre quantos candidatos aprovados foram convocados e não tomaram posse até a presente data e se procede informação de que há inúmeros cargos preenchidos por meio de contratações temporárias.

Veja Também:  Deputado Claudinei apresenta Moção de Pesar para escrivão da PJC-MT

“Essa proposição tem por fundamento indagar à gestão estadual sobre a não convocação dos aprovados no último concurso para preencher os cargos vagos que, atualmente, são preenchidos por contratos temporários. Segundo informações que chegaram ao meu gabinete, há inúmeros casos de pessoas aprovadas no concurso e, portanto, aguardam as nomeações, que exercem o mesmo cargo, porém, a título temporário”, esclarece Claudinei.

Lotacionograma – Ele também questiona à Seduc a não convocação de aprovados ao cargo de apoio administrativo educacional profissionalizado, já que a Secretaria informa no lotacionograma que há 1.723 pessoas que exercem essa função por meio de contratação temporária. 

Rozangela Arcioli, que espera ser nomeada ao cargo de pedagoga, conta que se reuniu com o deputado na última terça-feira (5), para expor as angústias e aflições que os aprovados no concurso público enfrentam nesse período. “A avaliação de todos nós, é positiva. Nós estamos felizes de ele ter escutado os nossos anseios e tudo o que estamos passando e por estar fazendo essa articulação e intervenção. O deputado vem abraçando a causa dos concursados que aguardam as nomeações”, disse.

Veja Também:  Paulo Araújo apresenta indicações para Poconé

“Ele conhece de perto a nossa realidade, sentiu na pele, pois aguardou dois anos para ser nomeado e sabe o que estamos sentindo com a falta da convocação. No nosso caso, estão ocorrendo contratações temporárias nas nossas vagas. Isso é a prova que as vagas existem e queremos saber o motivo da não nomeação”, completa Arcioli.

O deputado também solicitou no Requerimento, explicações sobre a convocação recente de somente 174 professores, quando o próprio lotacionograma elenca a um total de 7.142 cargos vagos. 

(65) 99639 9715

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Propaganda

Política MT

Lúdio Cabral faz representação a PGJ e Defensoria para reativar leitos de UTI do Hospital São Benedito

Publicados

em


Foto: Marcos Lopes

O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) fez uma representação ao procurador-geral de Justiça, José Antonio Borges, e ao defensor público-geral, Clodoaldo Gonçalves, na manhã desta sexta-feira (15), para que o Ministério Público Estadual e a Defensoria Pública Estadual acionem a Prefeitura de Cuiabá para reabrir os leitos desativados no Hospital São Benedito e assegurar o pleno funcionamento das Unidades de Terapia Intensiva (UTI), além da oferta de atendimento em neurocirurgia, traumato-ortopedia, e outras demandas do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Enquanto há leitos desativados no Hospital São Benedito, milhares de pessoas estão na fila em todo o estado de Mato Grosso aguardando vaga em UTI, esperando cirurgia ortopédica e neurocirurgia, eletivas e de urgência. Atualmente, o hospital tem 30 leitos de UTI desocupados, 80 leitos de enfermaria desocupados, quatro salas de cirurgia desativadas, além de serviços de alta complexidade em ortopedia e neurocirurgia desativados. Tem sentido toda essa estrutura parada sem utilização, com gente precisando?”, questionou Lúdio, que é médico sanitarista.

Veja Também:  Janaina quer que agressores paguem tratamento de animais vítimas de maus tratos

Com a pandemia, o Hospital São Benedito deixou de atender outras especialidades e passou a ser referência para tratamento de covid-19, em junho de 2020. Porém, com o avanço da vacinação, os casos da doença estão diminuindo em Mato Grosso e não há mais nenhum paciente internado com covid no Hospital São Benedito, conforme demonstra o painel epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES) do dia 11 de outubro de 2021. Lúdio Cabral anexou à representação fotos e vídeos que mostram a total desocupação dos leitos do Hospital São Benedito. Apesar disso, o recebimento de recursos federais e estaduais foram mantidos para custeio de média e alta complexidade hospitalar e UTI.

“Não faz sentido um hospital desse porte, com tantos leitos de UTI e enfermarias vazios, comprometendo vidas da população que sofre na longa fila da Central de Regulação, aguardando por cirurgias ortopédicas, neurológicas e cardiovasculares que foram represadas ao longo de toda a pandemia”, disse Lúdio. Na representação, Lúdio requereu ainda a otimização do espaço físico da unidade hospitalar para ampliar a oferta de leitos e de cirurgias.

Veja Também:  PEC quer destinar 10% de emendas impositivas à segurança pública
Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Autoridades realizam “mini-estradeiro” neste sábado (16)

Publicados

em


Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

A pedido do deputado estadual Paulo Araújo (Progressistas) e do senador Carlos Fávaro (PSD), o governador Mauro Mendes (DEM) irá realizar um “mini-estradeiro” na MT-400, popularmente conhecida como estrada velha da Guia. O evento será neste sábado (16) a partir das 10h, onde o governador e demais autoridades vão anunciar o cronograma das obras de pavimentação de 20 quilômetros na região que liga os distritos de Nossa Senhora da Guia  a Sucuri.
“Durante esses quase três anos de mandato como deputado estadual, visitei as comunidades da Guia e Sucuri e me reuni com centenas de representantes dessas regiões, que me pediram apoio para a pavimentação asfáltica no local. E em uma articulação minha juntamente com o senador Carlos Fávaro destinamos emendas parlamentares que agora vai contribuir para a realização dessa obra, tão sonhada pelos moradores da região”, declarou Paulo Araújo.

O senador Carlos Fávaro (PSD) destacou a importância e relevância da obra de asfaltamento para os distritos do Sucuri e Guia. “A MT-400 é uma importante rodovia que vai trazer um retorno significativo a todos os cuiabanos. Estamos falando de um possível novo distrito industrial, de mais empresas chegando e gerando empregos, de termos mais condições de explorarmos o turismo, enfim, de darmos resultado à população. Por isso, destinei uma emenda parlamentar para dar minha contribuição para esta obra que vai, com certeza, melhorar a vida dos cuiabanos e dos mato-grossenses”, finalizou Fávaro.

Veja Também:  Janaina quer que agressores paguem tratamento de animais vítimas de maus tratos

SERVIÇO
O quê: mini-estradeiro no trecho que será asfaltado entre Guia e Sucuri
Data: 16/10 (sábado)
Horário: 10h
Onde: saída do Restaurante e Pamonharia O Milhão, percorrendo a estrada velha da Guia e finalizando com uma reunião com os moradores da região no Rancho Andorinha.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana