conecte-se conosco


Mulher

Como começar a abençoar sua vida hoje

Publicados

em


source
Como começar a abençoar sua vida hoje
Liggia Ramos

Como começar a abençoar sua vida hoje

Você é da época em que se pedia benção para os pais ou já ouviu algum familiar fazendo isso?

Eu não fazia, mas via meus tios pedindo bençãos para minha avó e achava estranho. Porém, recentemente, aprendi o real significado de abençoar alguma coisa ou alguém.

Por muito tempo, o ato de abençoar era proferido somente pelos líderes religiosos, benzedeiros e pais – pessoas com autoridade para fazer isso.

Hoje, compreendemos que somos donos das nossas vidas e se quisermos ter bençãos, por que não abençoar a nós mesmos?

Pensem comigo: se Deus deu a vida pra cada um cuidar da sua, logo, temos o poder para sermos felizes – o que inclui a gratidão e a benção. 

Se a lei do retorno diz que o que emanamos volta pra nós, imaginem como a vida se tornará se começarmos hoje mesmo a nos abençoar e a agradecer por tudo que somos e temos!

Tenho certeza que sua vida começará a fluir e será repleta de prosperidade, amor, fartura, alegria e com propósito. 

Veja Também:  Horóscopo semanal de 11 a 17 de outubro

Quando comecei a pensar nisso, criei um novo hábito de abençoar a tudo e a todos. Sei que tenho as bençãos da minha mãe, mas eu, mentalmente, comecei a abençoá-la também e o retorno é de uma profunda paz!

A partir disso, comecei a abençoar meu filho, marido, o nosso casamento, minha sogra e assim por diante. 

Quanto às coisas que tenho, comecei a agradecer por elas e abençoar minha moradia, vestimenta, livros, a internet, o alimento e tudo mais que tenho. 

Para citar um exemplo, quando comecei a agradecer e a abençoar o alimento à minha mesa, percebi que estava agradecendo à Mãe Natureza por fornecer e nos nutrir e a abençoar todas as pessoas e empresas envolvidas que fizeram com que o alimento chegasse até mim.

Você já parou pra pensar nisso? Já parou pra pensar na quantidade de pessoas que trabalham para aquele alimento chegar até você? E o pequeno empresário, o tio da quitanda ou o cara da feira que vendeu o alimento pra você? E o seu dinheiro, de onde veio? Já abençoou a si mesmo, que trabalhou para receber o salário ou o lucro que comprou aquele alimento? Abençoou ou agradeceu a empresa, o chefe e o colega de trabalho que estão ali, junto com você? 

Pois bem, caros leitores, para que tenhamos uma vida feliz e abençoada, temos que dar esse primeiro passo para transformar a nós mesmos e, consequentemente, transformar nossa vida e emanar luz para que o mundo comece a mudar.

Sabe por que o mundo está doente? Porque ele foi por muito tempo amaldiçoado – antônimo de abençoado! 

Então, você quer ser feliz hoje? Comece a se abençoar, se agradecer. Estenda esse agradecimento para as pessoas a sua volta e veja a mágica da gratidão e da benção acontecer com você.

E se alguém perguntar o que você está fazendo para estar mais feliz, mesmo com o caos no mundo, diga: “estou abençoando a minha vida, vamos abençoar juntos?”

Abençoados sejamos todos nós! 

Texto: Liggia Rãmos – Numeroterapeuta e Taróloga  

Instagram: @liggiaramos

LEIA TAMBÉM:

  • Tranquilidade no lar: dicas de como energizar os cômodos da casa
  • Mediunidade: descubra o que é e qual a relação com os signos

    Como o autoconhecimento pode te ajudar a ter uma vida plena

    Fonte: IG Mulher

    Comentários Facebook
    Propaganda

    Mulher

    “Tinha pavor de envelhecer”, diz a jornalista Leilane Neurbath

    Publicados

    em


    source
    Leilane Neurbath fala sobre novo programa, envelhecimento e relacionamento com namoadar
    Reprodução

    Leilane Neurbath fala sobre novo programa, envelhecimento e relacionamento com namoadar


    No último dia 14, foi ao ar o primeiro episódio da série “O Tempo que a Gente Tem”, apresentado por Leilane Neurbath e exibido pelo canal GNT, que fala sobre a longevidade. O tema é uma realidade em sua vida pessoal, já que ela mesma passou por um processo de aceitação da passagem do tempo.


    Em entrevista ao Uol Universa, ela conta que chegou a fazer três festas de aniversário de 39 anos porque achava que aos 40 estaria velha para comemorar. Hoje, aos 62, ela conta ao portal que isso é passado.

    “Antes eu tinha pavor de envelhecer. Hoje não estou preocupada com nada além de ser feliz. Tenho meus amigos, meus filhos, meu neto e minha namorada. Só procuro estar cercada por uma rede de afeto”, conta.

    Veja Também:  Horóscopo do dia: previsões para 17 de outubro de 2021

    A ideia de ter um programa para desmistificar a melhor idade veio depois de dar de cara com os estereótipos do que significava ser uma avó. Ela recebeu mensagens e imagens da escola do neto que afirmavam que a avó era recatada, fazia crochê e fazia bolos, por exempo.

    Leia Também

    “Não sou essa avó. Tenho uma vida, uma namorada, ando de moto, mas isso não está representado nem na TV aberta e nem na TV fechada, muito menos no streaming”, afirma.

    O público 50+, ao seu ver, é mal representado por definições que são sempre negativas. Por outro lado, ela pensa que isso preocupa pessoas mais jovens. “As pessoas de 39, 45 anos têm muito mais medo da velhice do que eu, que tenho 62”, afirma.

    “Tenho rugas sim, e daí? Quando era adolescente tinha espinhas. Não morri por conta disso. Do mesmo jeito que antigamente eu passava creme para espinha, hoje eu passo produto para cuidar da pele. Não preciso impressionar ninguém. Atualmente eu só quero que as pessoas me ouçam, quero trocar experiências”, acrescenta.

    Veja Também:  Deseja emagrecer? Saiba como os hormônios podem te ajudar!

    O sexo na terceira idade é um dos tópicos debatidos no programa, e Leilane quer mostrar pela série que o sexo pode também ser prazeroso nessa idade. Além disso, as entrevistadas apontam que não é necessário parar de se aventurar e experimentar coisas novas, como sex toys ou práticas diferentes.

    Por fim, Leilane conta sobre seu relacionamento com a namorada, a jornalista Gaia Maria. Ela foi bastante questionada se sempre foi lésbica e reprimia sua orientação sexual. A jornalista passou mais de 20 anos casada com o diretor, roteirista e redator Olivio Petit.

    “Eu era feliz pra caramba no meu casamento, mas acabou. Quando me separei, descobri que eu podia viver uma nova forma de amor, que nunca tinha passado na minha cabeça. Não enfrentei preconceito. Claro que meu ex-marido não ficou feliz, mas não foi nada demais. Se fosse para me encaixar em uma caixinha, diria que sou bissexual.”

    Fonte: IG Mulher

    Comentários Facebook
    Continue lendo

    Mulher

    Caso Gabby Petito: FBI diz que briga em restaurante é pista “muito importante”

    Publicados

    em


    source
    Influenciadora Gabby Petito
    Reprodução/Instagram

    Influenciadora Gabby Petito


    O caso da morte da influenciadora Gabby Petito, de 22 anos, segue um mistério. A polícia analisa e seguem pistas para solucionar o crime que abalou os Estados Unidos. Gabby foi morta por estrangulamento .

    Uma dessas pistas, considerada por uma especialista em comportamento do FBI como sendo das “mais importantes”, é a de uma briga que Gabby e o namorado, Brian Laundrie, de 23 anos, tiveram em um restaurante dias antes da jovem desaparecer, em 26 de agosto.

    De acordo com uma testemunha chamada Nina Celie Angelo, o casal havia discutido calorosamente no restaurante Merry Piglet em Jackson, Wyoming. Em entrevista à ABC News, Nina afirma que Laundrie foi “agressivo” com os funcionários do restaurante, enquanto Gabby pedia desculpas a eles pelo comportamento do namorado.


    Leia Também

    “Parecia que eles estavam quase sendo expulsos”, disse Angelo, que estava sentada na mesa ao lado do casal na ocasião. “Não foi necessariamente entre eles, foi mais Gabby saindo abruptamente do restaurante chorando, e Brian estava evidentemente muito chateado, puto, eu diria. Poderia dizer que Gabby estava chateada, com raiva, e ele estava apenas sendo muito temperamental com os funcionários do restaurante”.

    A Dra. Ann Wolbert Burgess, pioneira na Unidade de Ciência Comportamental do FBI, disse à Fox News que o suposto pedido de desculpas pelo comportamento do namorado no restaurante feito por Gabby pode ser um indicativo do trágico destino que a esperava.

    Relembre o caso

    Gabby Petito desapareceu enquanto fazia uma viagem com o noivo, Brian Laundrie, principal suspeito do crime. Até o momento ele está desaparecido. Acredita-se que ela foi morta entre 3 e 4 semanas antes do corpo ser encontrado.

    O médico legista responsável pelo caso, Brent Blue, não divulgou informações detalhadas sobre o caso, como se Gabby Petito foi morta no local onde o corpo foi encontrado ou se foi estrangulada manualmente ou com algum objeto. Ele disse que tratam-se de informações confidenciais.

    Veja Também:  Segunda Sem Carne: 5 receitas prontas em até 1 hora

    O corpo de Gabby Petito foi encontrado no Parque Nacional Grand Teton, Wyoming, em 19 de setembro. A blogueira deixou de fazer contato com a família desde o fim de agosto. Ela estava viajando pelos Estados Unidos de van, na companhia do noivo, Brian Laundrie, que voltou pra casa sozinho, desaparecendo em seguida. Ele é considerado foragido. 

    O funeral de Gabby ocorreu no dia 26 de setembro, mas sem os restos mortais, que ainda não foram liberados pelo FBI .

    Fonte: IG Mulher

    Comentários Facebook
    Continue lendo

    QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

    EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

    Barra do Bugres e Região

    Mato Grosso

    Agronegócio

    Mais Lidas da Semana