conecte-se conosco


Mato Grosso

Complexo Arena Pantanal: de parque natalino a palco dos esportes, cultura e lazer

Publicados

em

Em 2019, competições internacionais e nacionais, como a Liga das Nações e Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, propiciaram vivências com o que há de melhor no voleibol mundial. A Arena Encantada encerra com chave de ouro a programação do espaço

Cida Rodrigues | Secel-MT

Arena Encantada – Foto por: Christiano Antonucci

Arena Encantada

Palco de grandes eventos esportivos e culturais, o Complexo Arena Pantanal oportunizou experiências de muita emoção à população mato-grossense em 2019. Seja no ginásio, no estádio ou no entorno, o espaço gerido pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) garantiu desde sentimentos de envolvimento nas competições esportivas ao encantamento pela celebração natalina.

“Nós temos hoje o maior complexo esportivo, cultural e de lazer de Mato Grosso e um dos maiores do país. Além da Arena Pantanal e seu entorno, que tem recebido atividades tanto do futebol como eventos culturais, o ginásio Aecim Tocantins, a área de estacionamento, a piscina olímpica e o Palácio das Artes Marciais, formam o maior complexo imobiliário do Estado. E conseguimos aproveitar bem esses espaços, oferecendo à população diversas ações e grandes eventos ao longo do ano”, relata o titular da Secel, Allan Kardec.

Liga das Nações de Voleibol

Liga das Nações 2019
Créditos: Ahmad Jarrah | Secel

Partida da seleção brasileira na Liga das Nações – Foto por: Ahmad Jarrah

Já no primeiro semestre, o ginásio Aecim Tocantins recebeu uma competição de nível internacional. De 21 a 23 de junho, as seleções masculinas do Brasil, Bulgária, Alemanha e Rússia disputaram no ginásio uma etapa classificatória da Liga das Nações de Voleibol.

O evento mobilizou apaixonados pelo esporte de todo o Estado e de outras partes do país, movimentando setores econômicos da capital. Com celebrações e performances à parte, a torcida se envolveu e festejou cada ponto conquistado por ace, disputas simples ou mega rally. Por jogar em casa, a seleção brasileira foi a mais beneficiada e venceu a etapa, incentivada pelo tom vibrante que vinha das cadeiras e arquibancadas praticamente lotadas nos três dias de competição.

A realização da etapa brasileira da Liga das Nações na capital mato-grossense teve o apoio da Secel, com recursos oriundos do Fundo do Fundo de Desenvolvimento Desportivo do Estado, ligado à receita da loteria esportiva e com a disponibilização do Ginásio Aecim Tocantins. O equipamento esportivo passou por uma série de serviços e reparos para atender as exigências de uma competição de nível internacional, viabilizando perfeitas condições da parte funcional que ficaram como legado à sociedade.

Circuito Brasileiro Open de Vôlei de Praia

Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia em Cuiabá
Créditos: João Felipe | Secel

Disputa feminina no Circuito de Vôlei de Praia em Cuiabá – Foto por: João Felipe

Em outubro, um outro grande evento esportivo movimentou o Complexo Arena Pantanal, desta vez foi o estacionamento do Ginásio Aecim Tocantins, que recebeu o Circuito Brasileiro Open de Vôlei de Praia. Durante cinco dias, a torcida mato-grossense pode acompanhar de perto as partidas entre as melhores duplas de vôlei de praia do país, além de mostrar sua receptividade e paixão pelo esporte.

Veja Também:  PM prende quadrilha e apreende 80 barras de maconha

Com entrada franca em todos os dias, o evento aconteceu de 23 a 27 de outubro em estrutura montada no local com quatro quadras de areia, iluminação, gradis, banheiros químicos e arquibancadas para cerca de 1300 pessoas.

As duplas classificadas aos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, Alison/Álvaro Filho (ES/PB) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), foram campeãs da etapa realizada na capital mato-grossense.

Maior competição de vôlei de praia do país, o Circuito Brasileiro contou também com a participação de outros medalhistas olímpicos, como Bárbara Seixas (RJ), Juliana (CE) e Ricardo (BA), além do campeão mundial André Stein (ES) e dos medalhistas pan-americanos Ângela (DF), Carol Horta (CE) e Vitor Felipe (PB) e vários atletas revelação da nova geração.

Esporte e cultura no Ginásio Aecim Tocantins

Júnior Martins

Super Copa Brasil de Tênis de Mesa – Foto por: Júnior Martins

Durante todo o ano, o Aecim Tocantins foi palco de várias competições estaduais, nacionais e internacionais realizadas pelas federações esportivas mato-grossenses.

No primeiro semestre, os principais eventos sediados pelo ginásio foram a Copa Centro América de Futsal e a primeira etapa do Campeonato Estadual de Jiu-Jitsu Esportivo de Mato Grosso, que contou com mais de 800 atletas de 31 municípios inscritos.

Em agosto, o ginásio sediou disputas de modalidades individiduais Jogos Universitários Mato-grossenses (JUM’S 2019), competição reúne todas as instituições de ensino superior do Estado e classifica as equipes para os Jogos Universitários Brasileiros (JUB’s). No mesmo mês, equipes de todo o Estado disputaram o Torneio de Basquetebol Máster na quadra no espaço.

Só no mês de setembro, as programações no ginásio contaram com Campeonato Brasileiro de Karate-Dô Tradicional, torneio Cuiabá Open de Basquete Máster, com participação de equipes da região Norte e Centro Oeste, e ainda a quarta etapa da Super Copa Brasil de Tênis de Mesa – evento que reuniu representantes de 15 Estados brasileiros.

Ainda em setembro, Cuiabá recebeu pela primeira vez na história o Campeonato Abu Dhabi internacional Jiu-Jitsu Pro. O evento de porte mundial foi realizado no ginásio, com a participação de lutadores de Jiu Jitsu do Estado e do país em busca de pontuação para o ranking mundial da Abu Dhabi Jiu-Jitsu Pro (AJP), Federação internacional que organiza competições nos seis continentes.

Já em outubro, o destaque na agenda do ginásio foi o Campeonato de Cheerleaders e baterias universitárias de Mato Grosso. A terceira Regional Mato Grosso de Crossfit, a Copa de Handebol e o 10º Campeonato Brasileiro de Seleções Sub-15 masculino foram os destaques da programação nos últimos meses do ano.

Veja Também:  Homem é preso com 17,9 mil carteiras de cigarros em Cuiabá

Na área cultural, um importante evento marcou a programação no ginásio. O Grupo Corpo, uma das mais renomadas companhias de dança do Brasil e do mundo, fez uma apresentação única marcando o lançamento do Festival Energisa Cuiabá 300 anos.

Arena multiuso

AssCom Dourado

Primeiro jogo da final Copa Verde na Arena Pantanal – Foto por: AssCom Dourado

Na Arena Pantanal, competições locais e nacionais do futebol profissional possibilitaram momentos de vibração, nervosismo e, claro, de lazer, para a população. Disputas do campeonato mato-grossense, Copa FMF, campeonato brasileiro feminino, Copa Verde, Copa do Brasil e série B do Brasileirão movimentaram a programação do estádio ao longo do ano.

Com aproveitamentos muitas vezes simultâneos de seu entorno e dos demais espaços internos, a Arena Pantanal se consolidou como espaço multiuso. Uma variedade de atividades esportivas, culturais e de utilidade pública – de festas open bar a mutirões fiscais – efetivou formas e oportunidades para tornar o espaço mais utilizado pela sociedade.

Arena Encantada

E para coroar o ano, um espetacular parque natalino com 4 mil m² de estrutura foi montada no complexo esportivo, a Arena Encantada. Até o dia 05 de janeiro, a população poderá vivenciar o espírito natalino em um circuito com instalações interativas, cenários e ambientes que recriam a história da mais emocionante festa cristã.

Christiano Antonucci

Foto por: Christiano Antonucci

A Arena Encantada está instalada ao redor do campo, no piso sintético das laterais, atrás das traves e nos túneis de acesso aos vestiários, de maneira a preservar o gramado, que está inacessível. O circuito de atrações conta com a Casa do Papai Noel, Presépio, Floresta Encantada, Vila dos Doces e Vila das Fadas e Duendes. No entorno da Arena Pantanal, o público ainda pode desfrutar de uma infraestrutura gastronômica completa, na praça de alimentação.

A visitação é aberta de domingo a domingo, das 18h às 23h, e a entrada é um quilo de alimento não perecível por família. Os alimentos sugeridos são arroz, feijão, açúcar, café, macarrão, óleo, leite longa vida e panetone.

“Com a Arena Encantada, a ocupação multiuso do espaço fecha com chave de ouro. Para os próximos anos, vamos trazer ainda mais atrativos para todo o Complexo Arena Pantanal. Já programamos Liga das Nações de Vôlei Feminino e a ampliação do projeto Caminhos da Cultura, incluindo nele o Caminhos do Esporte, trazendo alunos para conhecer o estádio durante jogos do campeonato mato-grossense série A. E, em breve, o espaço será reestruturado, recebendo cercamento, guaritas de entrada e saída, restaurante e a vinda do décimo Batalhão da Polícia Militar. Haverá também melhorias da infraestrutura da piscina olímpica e da praça de vôlei de praia. Muitas parcerias virão e a expectativa é que espaço  atraia mais eventos se torne o maior complexo de lazer do país”, conclui com entusiasmo o secretário Allan Kardec.

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

Governo de MT anuncia novas medidas restritivas para frear Covid-19

Publicados

em

Governador Mauro Mendes assinou decreto após reunião com instituições e prefeitos

Lucas Rodrigues | Secom-MT

O decreto foi assinado pelo governador Mauro Mendes nesta segunda-feira (01.03), após reunião com os Poderes, instituições e prefeitos dos 141 municípios – Foto por: Mayke Toscano

O decreto foi assinado pelo governador Mauro Mendes nesta segunda-feira (01.03), após reunião com os Poderes, instituições e prefeitos dos 141 municípios

O Governo de Mato Grosso anunciou novas medidas restritivas que visam frear o contágio da covid-19 no estado,  a exemplo de restrição de horários para atividades econômicas e toque de recolher após às 21h (veja todas as normas ao final da matéria). 

O decreto foi assinado pelo governador Mauro Mendes nesta segunda-feira (01.03), após reunião com os Poderes, instituições e prefeitos dos 141 municípios, e passa a valer a partir de terça-feira (02.03).

As medidas são impositivas para todo o estado e valem para os próximos 15 dias. As regras podem ser prorrogadas, endurecidas ou flexibilizadas, conforme o resultado obtido. 

“Temos acompanhado o crescimento da pandemia de perto e o estrangulamento das UTIs. Por isso, somente em janeiro e fevereiro deste ano e agora no início de março, já abrimos 90 novos leitos de UTI para reforçar a nossa estrutura. Somos o estado que mais testa no Centro-Oeste por 100 mil habitantes. Distribuímos as vacinas e estamos tentando comprar de forma direta. O Governo está fazendo tudo o que pode, mas precisamos da ajuda da população para diminuir a circulação do vírus e essas internações”, afirmou o governador. 

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, Guilherme Maluf, apoiou as novas medidas e ressaltou a importância dos investimentos do Estado no atendimento precoce. 

“O atendimento do Centro de Triagem na Arena Pantanal tem ajudado muito a diagnosticar a doença e evitar o pior. E essas medidas são muito necessárias e concordo plenamente com elas. São medidas justificadas em função da realidade que temos hoje”, ressaltou. 

Neurilan Fraga, presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), também declarou apoio ao novo decreto. 

“Se não tivermos essas medidas, teremos um caos igual ocorreu no Amazonas. Precisamos muito que essas medidas sejam implementadas. Esperamos que daqui a duas semanas a situação esteja melhor”, opinou. 

Para o chefe do Ministerio Público Estadual (MPE), a aplicação de multas às empresas que desrespeitarem as normas é uma forma pedagógica de efetivar as restrições. 

“Temos acompanhado todos os dias esse casos de aglomerações. Se o estabelecimento estiver fechado no horário restrito, as pessoas não terão como aglomerar no local. Agora, se descumprirem, é importante que sejam responsabilizados”, destacou.

Confira as novas medidas: 

– De segunda à sexta, proibição de todas as atividades econômicas das 19h às 5h. Aos sábados, a proibição será após o meio-dia. Nos domingos, nenhuma atividade será permitida. A exceção fica por conta das farmácias, serviços de saúde, funerárias, postos de gasolina (exceto conveniências) e indústrias. 

– Nos horários permitidos, as atividades econômicas deverão respeitar as medidas de segurança, como o uso de máscara, distanciamento e limitação de 50% da capacidade máxima do local. 

– Os serviços de entrega por delivery seguem autorizados até às 22h. 

– O transporte coletivo e congêneres (Uber, 99, etc) podem funcionar normalmente. 

– Toque de recolher a partir das 21h até às 5h, com proibição de circulação. 

– Projeto de lei que prevê multa a pessoas físicas e às empresas que descumprirem as normas, bem como notificação à Polícia Civil e Ministério Público. 

– Nos órgãos públicos estaduais, fica suspenso o atendimento presencial em todas as secretarias e órgãos do governo, com exceção das unidades finalísticas. Quanto a jornada de trabalho, cada secretaria/autarquia vai disciplinar medidas para redução do fluxo de pessoas.

Mayke Toscano

 

Veja Também:  Homem é preso com 17,9 mil carteiras de cigarros em Cuiabá
Secretaria Adjunta de Comunicação (Secom)

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres – MT 

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Dezoito municípios estão com alto risco de contaminação pela Covid-19

Publicados

em

Outras 35 cidades de Mato Grosso registram risco moderado de contágio por coronavírus

Fernanda Nazário | SES-MT

Chapada – Foto por: Marcos Vergueiro/Secom

Chapada

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou, nesta segunda-feira (01.03), o Boletim Informativo n° 358 com o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso. 

O documento mostra, a partir da página 9, que 18 municípios registram alta classificação de risco para o coronavírus. São eles: Nova Xavantina, Carlinda, Poconé, Pontes e Lacerda, Cuiabá, Barra do Garças, Primavera do Leste, Alta Floresta, Cáceres, Várzea Grande, Sinop, Rondonópolis, Sorriso, Colíder, Campo Verde, Tangará da Serra, Lucas do Rio Verde e Cotriguaçu.

Ainda de acordo com informações do Boletim, outras 35 cidades foram classificadas na categoria de risco moderado para a Covid-19. São elas: Alto Araguaia, Alto Boa Vista, Alto Taquari, Apiacás, Araputanga, Arenápolis, Barra do Bugres, Campo Novo do Parecis, Canarana, Chapada dos Guimarães, Comodoro, Confresa, Diamantino, Guarantã do Norte, Jaciara, Juara, Juína, Juruena, Marcelândia, Matupá, Mirassol d’Oeste, Nova Monte Verde, Nova Mutum, Paranaíta, Paranatinga, Peixoto de Azevedo, Porto Alegre do Norte, São Félix do Araguaia, São José dos Quatro Marcos, Sapezal, Tabaporã, Tapurah, Vila Bela da Santíssima Trindade, Conquista D’ Oeste, Serra Dourada.

O sistema de classificação que aponta o nível de risco é definido por cores: muito alto (vermelho), alto (laranja), moderado (amarelo) e baixo (verde). De acordo com a definição dos riscos, é necessária a adoção de medidas restritivas para o controle da propagação do coronavírus nas cidades.

Os indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana, às segundas e quintas-feiras, e os resultados são divulgados nos Boletins Informativos da SES.

Recomendações aos municípios

Por meio do Decreto Estadual nº 522, de 12 de junho de 2020, o Governo de Mato Grosso faz diversas recomendações aos municípios classificados com risco baixo, moderado, alto e muito alto de contaminação pelo coronavírus.

As orientações para os municípios classificados como risco baixo são: evitar circulação de pessoas pertencentes ao grupo de risco, conforme definição do Ministério da Saúde; isolamento domiciliar de pacientes em situação confirmada de Covid-19 e quarentena domiciliar de pacientes sintomáticos em situação de caso suspeito para de Covid-19, entre outras. 

Para os municípios classificados com o risco moderado de contaminação pelo vírus, o Governo recomenda a implementação e manutenção de todas as medidas previstas para o nível de risco baixo, além de quarentena domiciliar para pessoas acima de 60 anos e grupos de risco definidos pelas autoridades sanitárias; suspensão de aulas em escolas e universidades.

Já para os municípios classificados com alto risco de contaminação pela doença, as recomendações anteriores são mantidas e acrescentadas novas orientações como: proibição de qualquer atividade de lazer ou evento que cause aglomeração; proibição de atendimento presencial em órgãos públicos e concessionárias de serviços públicos e adoção de medidas preparatórias para a quarentena obrigatória.

Secretaria Adjunta de Comunicação (Secom)

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres – MT 

Comentários Facebook
Veja Também:  Comissão aprova projeto que prevê redução da verba indenizatória de deputados de MT de R$ 65 mil para R$ 32,5 mil
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana