conecte-se conosco


Política Nacional

Congresso recebe iluminação amarela em apoio ao combate às hepatites

Publicados

em


A partir da noite de hoje (20), o Congresso Nacional será iluminado com a cor amarela, em apoio ao Julho Amarelo, campanha nacional de combate às hepatites virais. O engajamento do Congresso na campanha foi um pedido do Ministério da Saúde e dos deputados Alexandre Padilha (PT-SP) e Bozzella (PSL-SP). O prédio ficará iluminado até o dia 30.

O Julho Amarelo foi criado em 2019 para incentivar a população a fazer testes rápidos para diagnóstico das hepatites virais, doenças que infecciosas que atacam principalmente o fígado. Cerca de 74% dos casos confirmados de hepatites virais no Brasil são a B e a C. Sem tratamento adequado, o paciente pode evoluir para cirrose e até câncer de fígado.

O teste é rápido, basta uma picada no dedo e o resultado sai em cinco minutos. O exame pode ser feito via SUS em qualquer unidade básica de saúde, onde também é iniciado o tratamento.

Bozzella é coordenador da Frente Parlamentar Mista de Combate às Hepatites Virais. Ele foi um dos articuladores da decisão do Ministério da Saúde, em 2020, que ampliou o acesso ao tratamento da doença, ao abreviar o tempo entre a prescrição médica e o recebimento dos medicamentos pelo paciente. A demanda fazia parte das iniciativas do Movimento Brasileiro das Hepatites e do Grupo Esperança, de apoio às pessoas com hepatite viral.

Veja Também:  Deputados vão ao Plenário e às redes sociais comentar a prisão de Michel Temer

*com informações da Agência Senado

Edição: Aline Leal

Comentários Facebook
Propaganda

Política Nacional

Presidente Jair Bolsonaro abre live para cobertura da imprensa

Publicados

em


O presidente Jair Bolsonaro resolveu abrir hoje (29) a live que realiza todas as quintas-feiras para a cobertura da imprensa. Ele também convocou toda a população para assistir à transmissão.

O presidente adiantou que deve falar sobre possíveis fraudes nas eleições de 2014 e 2018. 

Assista ao vivo:

Edição: Claudia Felczak

Comentários Facebook
Veja Também:  No Chile, Bolsonaro agradece ‘venezuelanos’ e aproveita gafe para cutucar Maduro
Continue lendo

Política Nacional

Presidente prorroga suspensão de metas para prestadores de saúde

Publicados

em


O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta quarta-feira (28) o projeto de lei que prorroga a suspensão da obrigatoriedade do cumprimento das metas quantitativas e qualitativas contratualizadas pelos prestadores de serviço de saúde no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) até 31 de dezembro de 2021.

O projeto foi motivado pelas impactos da pandemia de covid-19 no sistema de saúde. As metas que os prestadores devem cumprir são usadas como parâmetro para o pagamento dos serviços, que são operados por organizações sociais (OS).

De acordo com a Subchefia para Assuntos Jurídicos da Presidência da República, a suspensão é necessária diante da anormalidade na prestação dos serviços de saúde.

“Diante do atual cenário, o direcionamento dos atendimentos das instituições de saúde passou a ser para contenção da doença [covid-19], de modo que as consultas médicas de diferentes especialidades, procedimentos eletivos, exames complementares e diversas outras ações de saúde tiveram que ser suspensas”, justificou o órgão. 

Edição: Nádia Franco

Veja Também:  Relator da PEC da Previdência pode ser anunciado hoje

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana