conecte-se conosco


Saúde

Covid-19: Brasil recebe 1º lote de vacinas do 2º contrato com a Pfizer

Publicados

em


A farmacêutica Pfizer entregou hoje (9) o primeiro lote da vacina contra a covid-19 do segundo contrato entre governo federal e o laboratório, com 1,989 milhão de doses. No total, o acordo assinado em maio prevê o fornecimento de mais 100 milhões de doses até o mês de dezembro. 

Os imunizantes chegaram no aeroporto internacional de Viracopos, em Campinas (SP), e foram logo em seguida transportados ao centro de distribuição do Ministério da Saúde, em Guarulhos (SP), de onde serão encaminhados aos mais de 38 mil postos de vacinação espalhados pelo país.

No total, até o final de 2021, segundo farmacêutica, o Brasil terá recebido 200 milhões de doses do imunizante contra a covid-19, por meio de dois contratos de fornecimento da vacina. O primeiro, fechado em com o Ministério da Saúde em março, resultou na entrega de 100 milhões até o último mês de setembro. Já o segundo, assinado em 14 de maio, prevê mais 100 milhões de doses de  outubro a dezembro.

Edição: Aline Leal

Veja Também:  Terça-feira (03): Mato Grosso registra 144.397 casos e 3.874 óbitos por Covid-19
Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Propaganda

Saúde

Covid-19: Rio conclui hoje segunda dose da vacinação em massa da Maré

Publicados

em


A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a Secretaria Municipal de Saúde do Rio concluem hoje (16) o projeto de imunização de todos os adultos do Complexo da Maré, com a segunda dose da vacina contra covid-19. O conjunto de favelas fica na zona norte da cidade do Rio de Janeiro.

Na primeira fase, realizada no início de agosto, 37 mil pessoas foram vacinadas com a primeira dose, ou cerca de 96% da população com mais de 18 anos na comunidade.

O mutirão, aos moldes do que foi feito em outros locais como as ilhas Grande e de Paquetá, no Rio de Janeiro, busca estudar os efeitos da vacinação em massa na comunidade. Segundo a Fiocruz, cerca de 8 mil pessoas das 37 mil imunizadas estão sendo monitoradas para que se conheça os efeitos da vacina.

O estudo da Fiocruz na Maré medirá a efetividade da vacina AstraZeneca, monitorará a circulação de variantes da covid-19 entre os moradores, a ocorrência de casos entre pessoas vacinadas, possíveis efeitos adversos da vacina e o nível de proteção de crianças e adolescentes não vacinados.

Veja Também:  InfoGripe vê estabilidade de casos no mais baixo patamar da pandemia

Além de completar o ciclo de vacinação nos adultos, o mutirão, iniciado na última quinta-feira e que será concluído hoje, também prevê imunizar, com a primeira dose, os adolescentes com 12 anos ou mais que ainda não foram vacinados.

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Tratamento se mostra eficaz contra disfunção vesicointestinal infantil

Publicados

em


Um estudo brasileiro demonstrou a eficácia de um tratamento para a disfunção vesicointestinal infantil. A condição consiste em incontinência urinária associada à prisão de ventre, com quadros frequentes de infecção urinária. Estima-se que a doença atinja 7,5% das crianças entre 5 e 14 anos, segundo a Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, responsável pela pesquisa.

Os sintomas são percebidos após o desfralde e incluem urgência e aumento da frequência para urinar, além da baixa frequência de defecação (três ou menos vezes por semana).

O tratamento é feito com eletroneuroestimulação parassacral (Tens), ou seja, a aplicação de eletrodos sobre a pele, de forma não invasiva, na região inferior das costas da criança, logo acima das nádegas. É o mesmo procedimento já usado para tratar apenas a incontinência urinária, mas que se mostrou eficaz também para tratar a prisão de ventre associada a ela.

O estudo, que é fruto da tese de doutorado da coloproctologista Glícia Abreu, foi publicado recentemente no periódico norte-americano Journal of Urology. O orientador da pesquisa foi Ubirajara Barroso Jr., que vem trabalhando há 20 anos com uso e aprimoramento do Tens no tratamento da incontinência urinária em crianças.

Veja Também:  Estado do Rio distribui doses e capital vai retomar vacinação

“O intestino e a bexiga nascem juntos embriologicamente. Durante a vida fetal, eles se separam mas mantêm a mesma inervação, por isso existe uma certa comunicação cruzada entre ambos. Em pessoas que têm constipação intestinal, a bexiga pode ter sua sensibilidade alterada e vice-versa”, explica Barroso Jr.

O Tens se mostrou eficaz para tratar 70% dos casos de disfunção vesicointestinal em crianças e adolescentes. “A vantagem é ser um método único para os dois [incontinência urinária e constipação], o que facilita e barateia. Além disso, o outro método para tratar a incontinência seria a medicação anticolinérgica, que piora a constipação, então não seria um método adequado para tratar a incontinência porque pioraria a outra ponta do problema [prisão de ventre]. Nosso método, é um método sem efeitos adversos significativos”.

Segundo Barroso Jr., o tratamento por Tens é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana