conecte-se conosco


Política MT

Deputado Thiago Silva e Rede de Apoio promovem live sobre saúde mental

Publicados

em


Live será realizada com apoio de profissionais e voluntários+

Foto: HENRIQUE COSTA PIMENTA BRAGA

O deputado estadual Thiago Silva e a Rede de Apoio aos amigos, familiares e pessoas com esquizofrenia e demais doenças mentais realizam nesta quarta-feira (4),às 19h, uma live no Facebook com o tema “Saúde Mental para Todos”, para debater políticas públicas de amparo referente ao tema da saúde mental.

A live irá ocorrer nas páginas do Facebook do deputado Thiago Silva e da Rede, sendo possível o compartilhamento com objetivo de orientar o máximo de famílias sobre este tema que cada vez mais tem ganhado os noticiários.

Irão participar da live o deputado Thiago, o coordenador da Rede, professor Everton Neves, a enfermeira Aline Aiko, advogada Solange Pissolato e as psicólogas Daiene Dias e Rosana Laranjeira.

“A saúde mental é fundamental para o cidadão conseguir performar em sua vida social, financeira e também profissional, então acredito que o debate será rico e de grande valia para ajudar famílias que precisam de apoio e muitas vezes estão silenciadas”, disse o parlamentar.

Veja Também:  Secretário de Fazenda é chamado à ALMT para explicar empréstimo de 250 milhões de dólares

De acordo com o coordenador da Rede, professor Everton Neves, a live será interativa e todos irão contribuir com informações que serão importantes para pessoas que possuem problemas de saúde mental, algo tão comum diante da pandemia de covid-19.

A live conta com a parceria da Uniasselvi/ROO e UNIC/ROO. As inscrições estão abertas ao público pelo link: www.even3.com.br/lsmpt2021/.

Para acessar a live: https://www.facebook.com/rafapemt/posts/123294670020257

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Propaganda

Política MT

Dal Molin indica aquisição de carreta tanque para combate a incêndios florestais

Publicados

em


Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

Vegetação abundante, longo período de estiagem e altas temperaturas. Esses fatores associados à ação humana são responsáveis pela devastação anual de milhares de hectares de florestas, além da morte de um número imensurável de animais. 

Os danos ambientais só não são maiores graças à intervenção do Corpo de Bombeiros e de brigadistas, esses últimos contratados de forma emergencial para atuar nos municípios de maior incidência de queimadas.

Para fortalecer o trabalho desses profissionais, o deputado Estadual Xuxu Dal Molin (PSC) oficializou, por meio da Indicação 6582/2021, a necessidade da aquisição de uma carreta tanque com capacidade de 30 mil litros de água.

 Protocolado no dia  22, o documento foi encaminhado ao governo do estado, com cópia ao comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso, Alessandro Borges Ferreira.

Na indicação constam, ainda, a necessidade da aquisição de bombas modernas, Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), entre outros, equipamentos utilizados por equipes terrestres e também do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA).

Veja Também:  Paulo Araújo apresentou indicações em prol do bairro Ilza Terezinha em Cuiabá

“Graças ao esforço conjunto do poder público, entidades do setor produtivo e a sociedade como num todo, conseguimos reduzir o número de focos de queimadas em Mato Grosso. No entanto, isso não significa que podemos descansar. O trabalho preventivo precisa ser feito de forma contínua, assim como os investimentos em modernização”, avalia Xuxu Dal Molin.

Redução – Entre o período que compreende 1º de janeiro a 23 de agosto de 2021, Mato Grosso havia registrado 344 focos de calor. O número representa uma redução de 92,63% se comparado com igual período do ano anterior, quando foram identificados 3.773 focos.

Os dados são referentes a um levantamento feito pela plataforma BDQueimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e imagens do satélite Sentinel-2.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Projeto obriga hospitais a comunicar ocorrências ligadas ao uso de álcool e/ou drogas por menores de idade

Publicados

em


Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

Tramita na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) desde a última quarta-feira (22), o Projeto de Lei n° 832/21, de autoria do deputado estadual Paulo Araújo (Progressistas), que obriga a comunicação, por parte dos hospitais públicos e privados, das ocorrências envolvendo embriaguez e/ou consumo de drogas por criança ou adolescente.

A notificação deverá ser feita ao Conselho Tutelar Municipal e o Ministério Público do Estadual, a comunicação deverá ser encaminhada em até cinco dias uteis contados do atendimento, em que se constate a utilização de bebidas alcoólicas e/ou entorpecentes por menores de idade.

Para efeitos desta propositura, a informação deverá ser encaminhada com o intuito de se promover os cuidados socioeducacionais voltados para a proteção da criança e do adolescente. Já de acordo com o artigo 3° do projeto afirma que o processo de elaboração e remessa da notificação será restrito ao pessoal medico, técnico e administrativo diretamente envolvido no atendimento, sendo responsabilidade dos hospitais públicos e privado, zelar pela inviolabilidade das informações, preservação da identidade, imagem e dados pessoais, com o fim de proteger a privacidade da criança ou do adolescente e de sua família.

Veja Também:  Assembleia Legislativa regulamenta entrega de honrarias

Para elaborar o projeto, Paulo Araújo, fundamentou-se em um estudo do Centro de Informação sobre Saúde e Álcool (CISA), que apontou que no Brasil, a média de idade para o primeiro uso, de álcool é 12,5 anos. Por sua vez, quanto mais cedo à experimentação, piores são as consequências e maior risco de desenvolvimento do vicio e da dependência do álcool na fase adulta.

“Sob essa perspectiva é que apresentamos este projeto de lei, esta medida visa única e exclusiva contribuir para a preservação da integridade física e mental das nossas crianças e adolescentes, pois somente dessa forma será possível o Estado identificar as possibilidades da ação, estratégias, intervenção e elaboração de politicas publicas com vistas e prevenção e ao combate ao uso destas substancias nocivas à saúde e a toda sociedade”, defendeu Araújo.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana