conecte-se conosco


Policial

Diretoria da Polícia Civil apresenta avanços da instituição em reunião gerencial em Primavera do Leste

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis de todas as delegacias da Regional de Primavera do Leste participaram na tarde desta segunda-feira (04.10) de mais uma reunião gerencial realizada pela Diretoria Geral da Polícia Civil nas Regionais do estado. O evento aconteceu no auditório da Associação Comercial e Empresarial de Primavera do Leste (Aciple).

Avanços tecnológicos, melhorias de estrutura física das unidades policiais, produtos em desenvolvimento, vinda de novos delegados e outros temas ligados à modernização da Polícia Civil foram os assuntos que marcaram a reunião.

A apresentação dos trabalhos desenvolvidos nos últimos meses e a conversa mais direta com os policiais da regional foi realizada pelo delegado-geral, Mário Dermeval Aravechia de Resende, o diretor de interior, Walfrido Franklim, a delegada, Ana Paula de Faria Campos, representado a Diretoria de Execução Estratégica e coordenador de tecnologia da informação, Fábio Góes.

Na abertura do evento, o delegado da Delegacia de Primavera do Leste, Allan Vitor Sousa da Mata, e o delegado de Paranatinga, Hugo Abdon de Araujo Lima apresentaram os trabalhos desenvolvidos pelas delegacias da regional, dando destaque para a produtividade de cada unidade.

Em seguida, o delegado-geral, Mário Dermeval, iniciou a reunião gerencial enaltecendo os policiais pelo trabalho desenvolvido na região, tanto pela estrutura física das delegacias, quando pelas ações e produtividade das unidades. Durante a apresentação, ele lembrou da época que atuou como diretor de execução estratégica e das dificuldades que enfrentou para aquisição de produtos, realização de obras, e melhorias estruturais.

Veja Também:  Denúncia auxilia prisão de suspeito por tráfico de droga na Capital

“Era uma época que se dependia da secretaria para executar projetos e a Polícia Civil não tinha nada, nem mesa, nem cadeira, as unidades eram totalmente deterioradas, com diversos problemas prediais. Foi o momento que decidimos que tínhamos que amadurecer e correr atrás das melhorias para instituição. Hoje temos delegacias modernas e bem equipadas, um centro tecnológico e produtos desenvolvidos pela própria instituição que contribuem muito para o trabalho policial”, destacou.

Ao longo da reunião, o coordenador de TI, Fábio Goés, apresentou aos policiais os projetos desenvolvidos pelo Coordenadoria de Tecnologia de Informação (COTI), entre eles, os que já estão em execução e outros que ainda estão em fase de planejamento, como Sistema BI avançado, Central de Intimação, Carteira Funcional Física e Digital, TC avançado, Gravação de Oitivas e Catálogo de e objetos 3D.

Também foi falado sobre outros sistemas desenvolvidos pela Polícia Civil, como o aplicativo SOS Mulher, Medida Protetiva On-line, Reconhecimento Facial e o Geia APP.

Durante a conversa com os policiais, o diretor de interior, Walfrido Franklim do Nascimento, enalteceu os resultados das unidades e falou sobre o trabalho em equipe, e as novas ferramentas que vem contribuindo para desenvolvimento investigativo e operacional das ações da Polícia Civil.  

Veja Também:  Veículo roubado em Várzea Grande é recuperado em Tangará da Serra

“No meu ponto de vista, essa reunião gerencial acontece no momento perfeito, para mostrar tudo o que a diretoria tem realizado em prol das unidades do interior do estado, uma vez que em outras reuniões gerenciais já havíamos anunciando esses produtos, que hoje são uma realidade, demonstrando o avanço da Polícia Civil”, disse o diretor.

O delegado regional, Carlos Roberto Moreira de Oliveira, finalizou a reunião falando sobre a revitalização da Polícia Civil, com a modernização através dos avanços tecnológicos e também com a chegada de delegados novos e comprometidos com a instituição.

“Tudo que foi apresentado hoje é resultando de quem mostra que quer trabalhar. Fica clara a atuação dos servidores que se desdobram em dois, três, para contribuir com a atuação de destaque da Polícia Civil e alcançar os objetivos da instituição”, disse o regional.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

Policial

Morte de mulher em Pontes e Lacerda é esclarecida e dois suspeitos são presos por feminicídio

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil em Pontes e Lacerda (448 km a oeste) esclareceu um feminicídio ocorrido na semana passada no município e prendeu dois suspeitos pelo crime nesta segunda-feira (18.10).

Os mandados de prisão temporária foram deferidos pela Comarca local, após representação da delegada Bruna Caroline Laet, da Delegacia de Pontes e Lacerda.

Um dos investigados presos, de 34 anos, admitiu participação no crime desferindo os golpes na vítima. O outro negou envolvimento no homicídio e que apenas tentou separar a vítima durante um desentendimento.

Milene Natasha Soares de Freitas, 21 anos, foi morta com golpes de faca na madrugada do dia 14 de outubro. Ela foi encontrada caída em uma rua do bairro Vila Iguaçu, pedido por socorro. Ela apresentava perfurações no pescoço e braço, foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu a caminho do hospital.

Apuração

A partir da investigação instaurada pela Delegacia Municipal, os investigadores coletaram diversas informações que chegaram à dinâmica de como ocorreu o crime e a motivação.

Veja Também:  Polícia Civil entrega cestas básicas e kits de higiene para famílias na zona rural em Cocalinho

Os dois investigados pelo crime moram em um mesmo terreno, em casas distintas, cujos locais eram frequentados por Milene. Ela mantinha um relacionamento com um deles e participava de confraternizações e fazia uso de entorpecentes em companhia de ambos. 

Na noite anterior ao crime, ocorreu um churrasco no quintal onde os suspeitos tinham residência, que se estendeu pela madrugada, para comemorar o aniversário de uma pessoa conhecida. Por volta das 4h30 da manhã Milene foi vista correndo em direção à rua e na sequência, um dos suspeitos, com o rosto ensaguentado, entrou na casa, pegou uma faca e também saiu em direção à via pública. Em seguida, a vítima foi vista já caída na rua.

Indícios

Elementos informativos coletados durante a apuração apontam os dois investigados como as únicas pessoas vistas na cena do crime. Um deles foi visto por testemunhas correndo com uma faca, poucos minutos antes da saída da vítima da casa onde ocorria o churrasco. Já o outro foi visto ao pegar uma faca em sua casa e sair atrás de Milene.

Veja Também:  Técnica de enfermagem é sequestrada e estuprada

No trajeto entre a casa onde Milene estava até o ponto onde ela caiu foram encontrados vestígios de sangue, assim como também nas duas casas do terreno, apontando que a vítima foi atingida por golpes de faca ainda dentro do imóvel e depois na rua.

Durante oitivas realizadas, a Polícia Civil obteve informações que a vítima mantinha um relacionamento com um dos suspeitos. Contudo, foram apontados indícios de que ela também teve um caso com o outro suspeito, mas não era do conhecimento de pessoas do convívio de ambos.

Os dois responderão por homicídio doloso, com qualificadora em feminicídio.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

PM prende suspeita por roubo a residência no bairro Chapéu do Sol

Publicados

em


Nesta terça-feira (19.10), policiais militares da 4º Batalhão prenderam uma mulher de 18 anos por roubo, tráfico de drogas, sequestro e posse ilegal de arma de fogo, em Várzea Grande. A suspeita foi presa por participação à um roubo a residência.

Por volta das 06h30, policiais foram acionados, via 190, para atender uma ocorrência de roubo a residência, na Rua 10, no bairro Chapéu do Sol. No local, a equipe da Polícia Militar foi informada pelas vítimas, que as mesmas saiam do imóvel quando foram abordadas por dois homens encapuzados em uma motocicleta.  

De acordo com o boletim de ocorrência, as vítimas – um homem, uma mulher e uma criança de seis anos de idade -, foram rendidas pelos suspeitos armados, que  os mantiveram em  cárcere privado por mais uma hora dentro da residência. 

Os criminosos roubaram o carro Prisma da família, aparelhos eletrônicos, celulares, entre outros itens de valor. Os policiais rastrearam um dos celulares levado pelos suspeitos e chegaram até uma casa no bairro da Figueirinha. A mulher tentou fugir, mas foi presa no quintal do imóvel.  

Veja Também:  Ação conjunta fiscaliza academias em Cuiabá

A motocicleta utilizada no roubo foi encontrada na residência da suspeita, assim como, objetos roubados, envelopes contendo a droga Skank (Super maconha) e uma balança de precisão. A suspeita disse que o marido é o autor do roubo a residência. Por telefone, o marido da suspeita contou onde estava o carro da família e a arma de fogo.

O carro foi localizado em um matagal no bairro Jardim Petrópolis. A PM segue em diligências em busca do suspeito. A mulher, que possui antecedentes criminais, foi presa e conduzida para a Central de Flagrantes.   

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana