conecte-se conosco


Entretenimento

DJ Ivis fica calado durante interrogatório sobre agressões

Publicados

em


source
DJ Ivis é preso
Reprodução/Instagram

DJ Ivis é preso

Iverson de Souza Araújo, conhecido como DJ Ivis, está preso acusado de agredir a esposa, Pamella Holanda . O músico foi preso na última quarta-feira (14) e, segundo o jornal Extra, se manteve em silêncio durante o interrogatório sobre as agressões.

“Ele foi preso ontem. No interrogatório não quis falar. É um direito constitucional concedido que lhe assiste. Nós expedimos a guia de corpo delito e ele foi encaminhado para Delegacia de Capturas”, diz o delegado Tharsio Facó, titular da Delegacia Metropolitana do Eusébio, na região metropolitana de Fortaleza.

Ivis estava no condomínio de luxo onde mora antes da prisão preventiva. Facó explicou que o DJ está sendo monitorado desde o dia 2 de julho, quando Pamella Holanda denunciou o marido. O delegado fala que essa medida, assim como a prisão, foram necessárias pelo fato de o músico ter condições de fugir.

Veja Também:  Atleta alemã rejeita posto de mais sexy do mundo para ser a mais veloz em Tóquio

“Estávamos fazendo acompanhamento dele e de pessoas ligadas a ele, assim que o mandato foi expedido, demos cumprimento a ele da melhor forma, com o menor risco possível para ele próprio e pessoas que poderiam estar no lugar. Graças a Deus, tivemos êxito”, diz.

O caso está sendo tratado como lesão corporal no âmbito da violência doméstica. O secretário de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, Sandro Caron, explica que há dois inquéritos abertos. Isso se dá pelo fato de Pamella ter feito uma denúncia em julho, mas ter divulgado vídeos nas redes sociais de dezembro, portanto são dois casos diferentes de agressão.

“É muito importante julgar os vídeos, poque a hipótese das agressões do dia 1, de que seria algo esporádica, caiu por terra. As agressões já tinham registros em dezembro. E Pamella diz que as agressões começaram muito antes do vídeo, ou seja, mostra que ele poderia reiterar”, explica o delegado.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Propaganda

Entretenimento

Juliette é vacinada contra Covid-19: “Viver é um ato político”

Publicados

em


source
Juliette é vacinada contra Covid-19
Reprodução/Instagram

Juliette é vacinada contra Covid-19

A ex-BBB Juliette Freire recebeu a primeira dose da vacina contra a covid-19 nesta terça-feira e comemorou nas redes sociais. “Apesar de você, amanhã há de ser outro dia… Viver é um ato político. Viver no Brasil é resistir ao negacionismo que mata. Gratidão e respeito aos que lutam pelo futuro e respeitam a ciência”, inciou a campeã do reality show.

“Obrigada, meu Deus! De tudo que vivi no BBB, ler o anúncio da chegada da vacina foi um dos sentidos mais fortes. No dia que saí, soube que mainha estava vacinada e meu coração aliviou. Hoje chegou o meu momento e eu só consigo agradecer pela vida dos meus e lembrar de todos que não conseguiram sobreviver. Eu vim da escola pública, da Universidade Pública, e honro a saúde pública e o SUS. Obrigadaaa aos profissionais da linha de frente que, nesse momento, vejo em Jaqueline, profissional de saúde que aplicou a vacina em mim. Vacinem-se e continuem se cuidando”.


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Veja Também:  Filha de Gugu aparece trabalhando como garçonete nos Estados Unidos
Continue lendo

Entretenimento

Dinei perde processo contra editora de livros

Publicados

em


source
Dinei perde perde processo para editora
Reprodução/Instagram

Dinei perde perde processo para editora

Em ação contra uma empresa que teria publicado um livro de figurinhas com sua imagem, o ex-jogador Dinei pediu uma indenização de R$ 25 mil, mas teve sua solicitação julgada como improcedente em duas instâncias. O atual participante do ‘Ilha Record’ alega ter constatado, em meados de 2019, que sua imagem havia sido utilizada sem autorização no ‘Livro Ilustrado Oficial – O Campeão Dos Campeões’.

O ex-atleta afirma ainda que jamais concedeu qualquer autorização à Panini, empresa responsável pela publicação, para utilizar suas características pessoais em imagens de figurinhas, nem mesmo autorizou por intermédio dos clubes em que atuou ao longo de sua carreira. Para Dinei, sua imagem teria sido usada no livro ilustrado da edição comemorativa de 100 anos da fundação do Corinthians, time do qual se tornou ídolo. Mas para os desembargadores, Dinei “não demonstrou minimamente que ocorreram publicações realizadas pela ré em período posterior ao estabelecido no contrato”.

Segundo o relator Luís Mário Galbetti, da 7ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo, “A demonstração de produção de novos produtos e/ou a comercialização pela ré seria de fácil comprovação e trata-se de ônus que caberia ao autor. Inexistindo, assim, demonstração pelo autor de que o réu utilizou a sua imagem por período superior ao autorizado, não há como acolher a sua pretensão indenizatória. Impõe-se, portanto, a manutenção da sentença”, concluiu o magistrado.

Emsua defesa, a empresa Panini Brasil sustentou que tinha um contrato de 2016 com expressa autorização outorgada para a utilização da imagem de Dinei para a coleção de figurinhas auto-adesivas do álbum ‘Corinthians o Campeão dos Campeões’ pelo período de um ano, a contar de 07 de outubro de 2016. O ex-atleta ainda terá que pagar 10% de honorários advocatícios aos advogados da outra parte. As informações são do site ‘Hora Top TV’.

Veja Também:  Bianca Andrade e Fred curtem primeira noite a sós após nascimento do filho
Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana