conecte-se conosco


Barra do Bugres

Dr. Leonardo abre mão de aposentadoria especial e critica benefício

Publicados

em

O deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade) protocolou nesta quarta-feira (06.03) ofício na Câmara Federal informando que abriu mão do Plano de Seguridade Social dos Congressistas (PSSC), um regime especial para aposentadoria dos atuais e de ex-integrantes do Congresso Nacional. O documento reitera a decisão tácita do parlamentar que não aderiu ao plano no ato de posse, em primeiro de fevereiro, mantendo sua filiação ao Regime Geral de Previdência Social (RGPS).
Ao fazer essa opção, Dr. Leonardo continua a contribuir mensalmente sobre o limite do teto do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) e, quando tiver idade e tempo de contribuição, irá se aposentar como todo trabalhador.
“No primeiro dia do meu mandato, abri mão da aposentadoria especial dos parlamentares. Protocolei o documento para formalizar que continuarei contribuindo para o INSS como a maioria dos trabalhadores. Abri mão em caráter irrevogável. No momento em que estamos tratando da Reforma da Previdência, aceitar um privilégio de receber acima do teto, é uma ofensa à população”, afirmou o deputado de Mato Grosso.
Pelo regime especial, o parlamentar que aderir pode se aposentar com até o valor integral dos vencimentos: R$ 33 mil.
“Defendo o fim de todas as aposentadorias especiais. Em Mato Grosso isso já acabou no Poder Legislativo. Precisa acabar aqui na Câmara também. O valor de contribuição pode até ser alto, mas é por muito pouco tempo e garante uma aposentadoria acima do teto. Isso é uma obscenidade. Contribuí com o INSS na condição de Office boy, médico, deputado estadual e, agora, na Câmara Federal não será diferente”, reforçou.
 
Confira o ofício

Comentários Facebook
Veja Também:  Protocolos Sanitários de Biossegurança contra a COVID 19 para o setor Turístico: saiba mais para gerenciar seu negócio e vidas.
Propaganda

Barra do Bugres

Unemat abre vestibular com notas do Enem dos últimos cinco anos Barra do Bugres tem 6 cursos 

Publicados

em

por Nataniel Zanferrari
A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) divulgou o edital do Processo Seletivo 2021/2, para ingresso no segundo semestre deste ano. Esta edição oferta 2.570 vagas em 62 cursos, distribuídos em 12 municípios do Estado.

As inscrições são gratuitas e deverão ser feitas de 26 de julho a 8 de agosto.

O edital pode ser acessado clicando aqui.

ENEM ANTERIORES

Poderão participar deste Seletivo todos os interessados que tenham realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nas edições 2016, 2017, 2018, 2019 ou 2020, e que tenham obtido nota mínima de 200 pontos na Redação da edição apresentada pelo candidato.

No ato da inscrição, o candidato deverá marcar qual opção do curso, câmpus e categoria de cotas ao qual pretende concorrer, além de anexar fotografia e o boletim de desempenho no Enem.

O boletim poderá ser obtido clicando aqui.

Basta informar o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e a senha do candidato.

O processo seletivo terá duas fases: a primeira será o desempenho no Enem, e a segunda será a análise da documentação e o procedimento de verificação.

CURSOS E CÂMPUS

Esta edição apresenta três turmas únicas de oferta especial em Cuiabá: uma turma de bacharelado em Engenharia de Produção Agroindustrial, uma turma de Tecnologia em Gestão Pública e uma turma de Tecnologia em Gestão de Negócios e Inovação.

O curso de Engenharia terá aulas no período noturno de segunda a sexta-feira e no período diurno aos sábados. Já os cursos de Tecnologia serão no período noturno.

Também será ofertado o curso de bacharelado em Agronomia no município de Querência. O curso é em período integral.

Além dos cursos em Cuiabá e Querência, esta edição também oferta cursos em Alta Floresta, Barra do Bugres, Cáceres, Diamantino, Juara, Nova Mutum, Nova Xavantina, Pontes e Lacerda, Sinop e Tangará da Serra.

COTAS

Além das cotas para alunos oriundos de escolas públicas, dentro das quais estão inseridas cotas para indígenas e para estudantes pretos ou pardos, a Unemat também passou a incluir reserva de vagas para pessoas com deficiência (PCD) a partir do ano passado.

RESULTADO

As inscrições deferidas serão publicadas no dia 9 de agosto, com a divulgação do desempenho preliminar da primeira fase no dia 12 e a divulgação do resultado preliminar da segunda fase no dia 27.

O resultado final será publicado no dia 1º de setembro, com matrículas de 2 a 9 de setembro.

Todas as informações sobre as etapas do Vestibular e seus editais podem ser acessadas em: www.unemat.br/vestibular.

CONFIRA QUAIS SÃO OS NOSSOS CURSOS

– Administração: Diamantino, Juara, Nova Mutum, Sinop e Tangará da Serra

– Agronomia: Alta Floresta, Cáceres, Nova Mutum, Nova Xavantina, Querência e Tangará da Serra

– Arquitetura e Urbanismo: Barra do Bugres

– Ciência da Computação: Barra do Bugres e Cáceres

– Ciências Biológicas: Alta Floresta, Cáceres, Nova Xavantina e Tangará da Serra

– Ciências Contábeis: Cáceres, Nova Mutum, Sinop e Tangará da Serra

– Ciências Econômicas: Sinop

– Direito: Alta Floresta, Barra do Bugres, Cáceres, Diamantino e Pontes e Lacerda

– Educação Física: Cáceres e Diamantino

– Enfermagem: Cáceres, Diamantino e Tangará da Serra

– Engenharia Civil: Nova Xavantina, Sinop e Tangará da Serra

– Engenharia de Alimentos: Barra do Bugres

– Engenharia de Produção Agroindustrial: Barra do Bugres e Cuiabá

– Engenharia Elétrica: Sinop

– Engenharia Florestal: Alta Floresta

– Geografia: Cáceres e Sinop

– História: Cáceres

– Jornalismo: Tangará da Serra

– Letras: Cáceres, Pontes e Lacerda, Sinop e Tangará da Serra

– Matemática: Barra do Bugres, Cáceres e Sinop

– Medicina: Cáceres

– Pedagogia: Cáceres, Juara e Sinop

– Sistemas de Informação: Sinop

– Tecnologia em Gestão Pública: Cuiabá

– Tecnologia em Gestão de Negócios e Inovação: Cuiabá

– Turismo: Nova Xavantina

– Zootecnia: Pontes e Lacerda

CONFIRA ONDE ESTÃO NOSSOS CURSOS

– Alta Floresta: Agronomia, Ciências Biológicas, Direito e Engenharia Florestal

– Barra do Bugres: Arquitetura e Urbanismo, Ciência da Computação, Direito, Engenharia de Produção Agroindustrial, Engenharia de Alimentos e Matemática

– Cáceres: Agronomia, Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Direito, Enfermagem, Educação Física, Geografia, História, Letras, Matemática, Medicina e Pedagogia

– Cuiabá: Engenharia de Produção Agroindustrial, Tecnologia em Gestão Pública e Tecnologia em Gestão de Negócios e Inovação

– Diamantino: Administração, Direito, Educação Física e Enfermagem

– Juara: Administração e Pedagogia

– Nova Mutum: Administração, Agronomia e Ciências Contábeis

– Nova Xavantina: Agronomia, Ciências Biológicas, Engenharia Civil e Turismo

– Pontes e Lacerda: Direito, Letras e Zootecnia

– Querência: Agronomia

– Sinop: Administração, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Sistemas de Informação, Geografia, Letras, Matemática e Pedagogia

– Tangará da Serra: Administração, Agronomia, Ciências Contábeis, Ciências Biológicas, Enfermagem, Engenharia Civil, Jornalismo e Letras

Comentários Facebook
Veja Também:  Bandido furta caminhonete em Diamantino, abastece e não paga e é preso pela Polícia em Arenápolis
Continue lendo

Barra do Bugres

Homem é preso acusado de espancar filhos de 5 e 11 anos, menina diz que sofreu abusos em Barra do Bugres

Publicados

em

Um homem de 55 anos, nome não divulgado, foi detido e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Barra do Bugres, na noite de quarta-feira (21), sob acusação de maus-tratos contra os filhos de 11 e 5 anos.

Um homem de 55 anos foi preso pela na última quarta-feira (21) acusado de maltratar os filhos, um menino de 5  anos e uma garota de 11 anos. O caso foi registrado na cidade de Barra do Bugres. A menina chegou a sofrer abuso sexual, conforme ela própria relatou à equipe do Conselho Tutelar.

Segundo informações da Polícia militar, os vizinhos acionaram o Conselho Tutelar porque sabiam que as crianças sofriam maus-tratos praticados pelo pai. A menina contou aos conselheiros que também sofreu abusos sexuais. 

O suspeito negou as denúncias. Diante dos fatos ele foi detido encaminhado à delegacia da cidade. As crianças foram levadas para o Conselho Tutelar. A Polícia Civil irá investigar o caso. 

Fonte: Poconet 

Comentários Facebook
Veja Também:  Banhista tenta tirar foto, cai de pedra e desaparece em cachoeira em Tangará da Serra
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana