conecte-se conosco


Policial

Duas mulheres são presas temporariamente em investigação que apura homicídio de militar aposentado

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) cumpriu nesta quarta-feira (14) a prisão temporária de duas mulheres investigadas no inquérito que apura o homicídio do militar aposentado, Noel Marques da Silva, 52 anos, ocorrido em agosto do ano passado, na Capital.

Uma das prisões cumpridas foi da ex-esposa do PM, de 33 anos, em uma unidade pública de saúde de Cuiabá, onde ela trabalha como técnica em enfermagem. O outro mandado foi cumprido contra a ex-sogra da vítima, de 51 anos. Também foram realizadas buscas e apreensões nas residências das duas investigadas.

Após o cumprimento dos mandados, as duas mulheres foram encaminhadas à DHPP, onde foram ouvidas em depoimento pelos delegados Fausto Freitas e Olímpio da Cunha Fernandes Junior. 

O inquérito que investiga o homicídio de Noel Marques, presidido pelo delegado Caio Fernando Albuquerque, reuniu indícios sobre a participação das duas mulheres na morte do militar. Com base nas informações coletadas, ele representou ao juízo da 12a Vara Criminal de Cuiabá pelas prisões e buscas. 

Veja Também:  Suspeito envolvido em roubo de veículo tem mandado de prisão cumprido na Capital

Com as prisões temporárias, a Polícia Civil espera reunir mais elementos informativos a fim de esclarecer a motivação do homicídio de Noel Marques e a individualização das condutas dos envolvidos.

No dia 22 de junho, a DHPP prendeu um homem 36 anos, que é investigado como autor da morte do policial militar da reserva e também do filho dele, Noel Júnior, ocorrida em março deste ano.

Crimes  

O homicídio do policial militar ocorreu na noite de 22 de agosto, quando ele chegava em sua casa, no Jardim Colorado, na Capital. Noel Marques da Silva, 52 anos, foi abordado por dois homens que dispararam contra a vítima e depois fugiram do local.

Em março deste ano, o filho do policial, Noel Marques da Silva Júnior, de 33 anos, também foi morto, no bairro Novo Tempo, em Cuiabá. A vítima foi atingida por tiros quando estava na varada de casa. Segundo relato de uma testemunha, dois criminosos invadiram a casa, quando a vítima reagiu e entrou em luta corporal com os suspeitos, mas foi atingida pelos disparos da arma de fogo, vindo a óbito em seguida.

Veja Também:  PM localiza pé de maconha e drogas na casa de jovem foragido da Justiça em Nova Olímpia

No primeiro inquérito, presidido pelo delegado Caio Fernando Albuquerque, foram apuradas informações que apontam para o homem preso em junho como um dos responsáveis pela morte do policial da reserva.

O segundo inquérito, instaurado em março deste ano pelo delegado Anderson Veiga investigou o homicídio de Noel Junior e apurou que o mesmo executor estava ligado às duas mortes.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

Policial

Polícia Civil deflagra operação para prender líderes de associação criminosa atuante em Ribeirão Cascalheira

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, através da Delegacia de Ribeirão Cascalheira, deflagrou na sexta-feira (30.07) operação para cumprimento de quatro  mandados de prisão contra líderes de associação criminosa atuantes no município.

A Operação Êxodo tinha o objetivo de desarticular o grupo criminoso que atua em Ribeirão Cascalheira e em outros municípios do médio Araguaia, na prática de diversos crimes, dentre eles tráfico de drogas, furtos  e entre outras ações violentas.

Os mandados tinham como alvo líderes da associação criminosa. Até o momento, três dos suspeitos foram presos e o quarto continua foragido.

Durante os cumprimentos foram localizados e recuperados parte de objetos e valores em espécie,  frutos de um furto ocorrido no município, além de armas, munições, drogas, materiais e apetrechos utilizados para o tráfico de entorpecentes.

Após localização da arma uma das suspeitas informou acerca da existência de munições, então a equipe se deslocou até a residência onde constatou a existência de outras munições, apetrechos utilizados para tráfico de drogas, porção de drogas , anotações dentre outros.

Veja Também:  Cinco pessoas são presas por embriaguez e 8 são flagrados dirigindo sob efeito de álcool

Os presos durante a operação foram conduzidos ao presídio Major Zuzi e à cadeia pública feminina em Nova Xavantina.

Participaram da operação a equipe da Delegacia de Ribeirão Cascalheira com apoio dos policiais civis de Água Boa, coordenados pelo delegado Sergio Luís Henrique de Almeida.

A operação foi coordenada pelo delegado de Ribeirão Cascalheira,  Sergio Luís Henrique de Almeida, com apoio de policiais civis de Água Boa.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Força Tática e GAP prendem entregador de entorpecentes no interior

Publicados

em


Policiais da Força Tática e do GAP (Grupo de Apoio) prenderam um homem por crime de tráfico de entorpecentes, na noite de sábado (31.07), em Jaciara. O suspeito foi pego fazendo entregas de drogas, na modalidade ‘delivery’. 

Por volta das 19 horas, os policiais foram acionados via 190 para verificar uma denúncia de que havia um morador entregando drogas por meio de serviço delivery, na Rua Aroeira, no bairro Florais do Planalto.  A Polícia Militar foi até o endereço apontado e avistou o suspeito saindo de casa em uma motocicleta. O homem ao perceber a presença da PM, tentou entrar de volta para dentro do imóvel, mas em ato contínuo, os policiais o abordaram. 

Os policiais encontraram quatro porções de maconha, máquina de cartão e uma munição calibre 32 na mochila do suspeito. Durante checagem na residência, a polícia apreendeu mais nove munições e inúmeras embalagens para comercializar drogas.  

Em depoimento, o homem disse que não tinha arma de fogo. A PM apreendeu na ação uma espécie de cardápio para os clientes usuários de entorpecentes do suspeito. O homem foi preso e conduzido à Delegacia.  

Veja Também:  Caminhonete passa sobre a cabeça de homem em acidente em Tangará da Serra

 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana