conecte-se conosco


Barra do Bugres

Escola Estadual Julieta Xavier Borges aposta no esporte como prática pedagógica e já coleciona as primeiras vitórias.

Publicados

em

O projeto “Handebol Na Escola” foi iniciado este ano na Escola Estadual Julieta Xavier Borges, em Barra do Bugres com alunos de 10 a 12 anos. Atualmente, cerca de 30 estudantes, entre meninas e meninos, estão participando, mas a expectativa do professor Thiago Silva Peres é de que este número chegue a 50 atletas, assim que começarem os campeonatos em outras cidades.

“Por enquanto, competimos somente no município, em partidas amistosas, mas eles perguntam o tempo todo sobre quando será a próxima? Principalmente, quando se fala em competições fora de Barra do Bugres, que é o nosso foco”, celebra o professor.

Os treinos acontecem na quadra da escola. Para as meninas, às segundas e quartas-feiras, de 17 às 18h e aos sábados, entre 7h30 e 9h30. Já os meninos treinam às terças e quintas-feiras, de 17 às 18 e, aos sábados, entre 9h30 e 11h. São quatro horas semanais de treino, que estão fazendo muita diferença na vida destas crianças.

Segundo o professor, o projeto está em fase avançada e já é perceptível uma melhora significativa dos alunos na parte técnica esportiva, como também, no aspecto comportamental e educacional.

Veja Também:  Prazo para sacar o Abono Salarial termina nessa sexta-feira (28)

Andreia Geres, diretora da escola, conta que todos os professores percebem a diferença em sala. “Agora, eles estão mais motivados, interessados nas aulas. Além disso, o treinador sempre conversa sobre a importância de irem bem nas outras disciplinas”, frisou a diretora.

O professor explica que, conforme os estudantes que participam do handebol vão evoluindo na parte sensório-motora, também evoluem no aprendizado, na concentração e até nas notas. “O maior resultado é no comportamental”, avalia.

Assim, o esporte atua na formação do indivíduo como um todo, tratando aspectos físicos, cognitivos, psicológicos, afetivos, sociais e críticos, formando um cidadão pensante e atuante na sociedade e na cultura.

“Alguns deles nem falavam uns com os outros, principalmente as meninas. Elas tinham mais dificuldade em socializar, eram mais sensíveis. Tudo isso foi diminuindo à medida em que foram mantendo contato com o handebol, um esporte de contato. Assim, elas aprenderam a ser mais objetivas, concentradas e a perceber que o outro também tem limitações. O esporte coletivo ensina que você depende do outro. Mesmo com as limitações, é preciso estar perto para fazer com que o outro consiga jogar e chegar ao objetivo comum, que é participar e vencer”, concluiu Thiago.

Veja Também:  Secretário de Agricultura visita comunidade Água Doce

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

Barra do Bugres

Produtores da comunidade Campo Verde têm reunião com equipe do Gabinete Eduardo Botelho

Publicados

em

No último sábado, 02/07, o vereador Nei da Saúde e o secretário de agricultura, José Carlos Sales, estiveram na comunidade Campo Verde, juntamente com assessoria do deputado estadual Botelho, Lindemberg Gomes de Lima, coordenador da agricultura familiar e o advogado Dr. Carlos Roberto dos Santos, assessor jurídico do gabinete do deputado Eduardo Botelho.

 

Os produtores e a diretoria da associação da comunidade Campo Verde, orientados pela assessoria do deputado, se posicionaram sobre a organização de documentação e definição dos proprietários, para negociação da dívida dessa associação, junto ao Banco da Terra (Crédito Fundiário), através do REFIS, do Governo Federal.

 

Ficou definido que, conforme o coordenador Lindemberg, será agendado uma reunião na PGE e Receita Federal, data a ser definida, com a presença da diretoria da associação, para verificar o percentual do benefício.

 

O vereador Ney da Saúde, representante do deputado Botelho naquela comunidade, ressaltou o empenho da assessoria do parlamentar em resolver uma questão que se arrasta há mais de 14 anos. “Todos es esforços estão sendo feitos para resolver essa questão com o Banco da Terra”, afirmou.

Veja Também:  Feminicídio foi causa de quase 50% dos assassinatos de mulheres em MT em 2018

Fonte: Secretaria de Agricultura/ Assessoria.

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Bugres

Crianças atendidas pelo CRAS Maracanã vistam Câmara Municipal

Publicados

em

Vinte e três crianças atendidas pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Veiculo do CRAS Maracanã estiveram a Câmara Municipal nesta terça-feira (05).

Segundo os orientadores, o objetivo da visita é criar nas crianças um conhecimento maior sobre o funcionamento dos poderes e locais públicos do município.

Acompanhados pela vereadora Cleide Oliveira, as crianças conheceram a sala do presidente Euripio Arantes, gabinete do primeiro Secretário Júnior Chaveiro, dependências gerais e o Plenário, Clemente Gomes Cardoso.

O grupo já esteve na Prefeitura, agora Câmara e vão seguir para outros locais, um deles o Museu Casa Borges, que sempre apresenta exposições importantes para o conhecimento geral da nossa cultura.

O CRAS Maracanã atende diversas crianças e adultos e tem como principal objetivo levar serviço de proteção e atendimento Integral à Família, serviço de convivência e fortalecimento de vínculos, serviço de proteção social básica no domicílio para pessoas com deficiência e idosos. No CRAS, os cidadãos também são orientados sobre os benefícios assistenciais e podem ser inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal entre outros.

Veja Também:  Prefeito Raimundo Nonato apresenta relatório de ações executadas para conter o COVID-19 em Barra do Bugres

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana