conecte-se conosco


Barra do Bugres

Evangélica é condenada à pena de reclusão por furto de dízimo em Tangará da Serra

Publicados

em

Uma evangélica foi condenada à reclusão por furto do dízimo da Igreja Pentecostal Deus é Amor, na Vila Alta em Tangará da Serra.

Bem Notícias – Larissa Ariane

A juíza Anna Paula Gomes de Freitas, da 2ª Vara Criminal de Tangará da Serra, condenou a ex-tesoureira ‘M.A.D.S.C’, a pena de 11 meses de reclusão, substituída pelo pagamento de três salários mínimos (R$3,1 mil) e a prestação de serviços comunitários por 11 meses. Mas a condenada, poderá recorrer da decisão em liberdade. A decisão foi publicada nesta quarta-feira (22). A fiel trabalhou como tesoureira voluntária do templo e conforme consta nos autos, o cofre foi saqueado no período de 25 de fevereiro de 2010 até 18 de fevereiro de 2013, na quantia aproximada de R$14mil.

Ainda segundo o processo, Maria tinha a função de recolher o dízimo dos fiéis e no ato do recebimento deveria lançar o valor no Cartão de Dízimo de cada fiel, bem como no Livro dos Dízimos pertencente a “Deus é Amor”.  O dinheiro recolhido deveria estar no cofre da igreja (também chamado de gazofilácio), mas era saqueado pela tesoureira. A desconfiança surgiu quando uma das fiéis, idosa, doou R$500,00 e o dinheiro não foi encontrado no caixa. O cofre só pode ser aberto por seis conselheiras, que sabem parte da senha e tem as chaves do local, e onde nem mesmo o pastor tinha acesso.

Veja Também:  Mulher morre em Rondonópolis (MT) com suspeita de H1N1; é o segundo caso em quatro dias

A desconfiança levou a uma auditoria, e foram apuradas inconsistências nos pagamentos dos dízimos, e também, relatos de outras doações que não entraram nos registros ou foram encontrados no cofre-forte. Segundo consta, a ex-tesoureira impedia que os fiéis depositassem o dinheiro diretamente no cofre e os mandava deixarem as ofertas na sua mesa, e quando o dinheiro estava acondicionado em envelopes ela os abria e desviava.

A Igreja Pentecostal Deus é Amor levou o caso à Justiça em agosto de 2014. O caso caminhava para absolvição por falta de provas, pedida pela defesa da ex-tesoureira, ou ainda ao arquivamento por prescrição, pedido pelo Ministério Público. Porém, a “Deus é Amor” entrou com recurso para prosseguimento da ação penal. A juíza concordou com os argumentos feitos pela “Deus é Amor”, e parcialmente com o Ministério Público para suavizar a pena.

Fonte: Muvuca Popular

Comentários Facebook
Propaganda

Barra do Bugres

Boletim informativo do Covid-19 em Barra do Bugres em 01 de março 2021

Publicados

em

A Secretaria Municipal de Saúde de Barra do Bugres MT divulgou o boletim atualizado dos casos da Covid-19 na cidade.  Ate o momento são:

3.737 – Suspeitos

1.946 – Já foram descartados

76 – Aguardando o resultado

1.715 – Foram confirmados

 

Evolução dos casos confirmados em Barra do Bugres

1.618 – Recuperados – “já foram curados”

49 – Ativos com a doença

05 – Internado em enfermarias

01 – Internado em UTI

42 – Pessoas foram já morreram por causa da doença

A conscientização da população neste momento é fundamental para que esse cenário mude, faça a sua parte, a pandemia não acabou muito pelo contrário, ela se agravou nos últimos dias.

 

Evite aglomerações, use a máscara corretamente, lave as mãos com frequência e se puder fique em casa.

 

Para denúncias ligue 190

 

Fonte: Comitê de enfrentamento ao Coronavírus

 

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT

Comentários Facebook
Veja Também:  Ladrões sequestram motorista, roubam carga de cerveja avaliada em R$ 300 mil e são presos
Continue lendo

Barra do Bugres

Vereador Júnior Chaveiro acompanha problema de moradores de o Jardim Alvorecer

Publicados

em

O vereador Júnior Chaveiro “PTB” recebeu na última sexta-feira imagens de algumas casas situadas na região da Rua dos Girassóis, Jardim Alvorecer, mostrando a dificuldades que os moradores enfrentam quando chove forte no município.

As águas das enxurradas se acumulam em determinado setor e descem pela rua causando muito transtorno para os moradores da região, as residências mais baixas que a rua e a falta de galeria de águas fluviais faz com que muitas delas ficam alagadas.

Quando chegou ao local já deparou com uma máquina da prefeitura, fazendo um paliativo para amenizar o sofrimento dos moradores.

O parlamentar conversou com vários moradores e pode sentir bem de perto as dificuldades enfrentadas por eles. “Toda vez que chove forte é esse desespero, a gente passa dia e noite cuidando para não acabar com o pouco que temos”.

Chaveiro vai solicitar ao secretário da pasta um levantamento criterioso da situação e pretende buscar junto aos deputados, uma possível solução para o problema.

Imagens recebidas dos moradores:

Imagens do local:

Fonte: Assessoria 

 

Veja Também:  Governador Distrital do Rotary Club receberá o Título de Cidadão barra-bugrense

 

Barra News – A sua fonte diária de Informação – Barra do Bugres – MT 

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana