conecte-se conosco


Tecnologia

Falha em sistema dos Correios expõe dados pessoais em importações

Publicados

em


source
Agência dos Correios
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

Agência dos Correios

O sistema Meu Correios dá acesso indevido a informações pessoais de outros usuários. O Tecnoblog testou o processo e confirmou: é possível fazer o download do recibo do pagamento das taxas de importação de encomendas, documento que tem dados como endereço, nome e CPF. A falta de verificação na hora de baixar o arquivo pode ferir a LGPD.

Correios deixam recibos à mostra

A falha se dá no ambiente Minhas Importações do sistema Meu Correios, que é usado para identificar encomendas e pagar os impostos devidos. No sistema, o cliente deve colocar o código de rastreio, cadastrar o seu CPF e fazer o pagamento, em caso de taxação.

No entanto, após todo esse processo ter sido feito, outro cliente pode acessar de forma indevida o Demonstrativo de Impostos e Serviços. Neste documento, há o endereço de entrega, o nome completo do destinatário e seu CPF, bem como os produtos da nota fiscal e seus valores.

A vulnerabilidade foi descoberta pelos leitores Hugo e Roberto. O Tecnoblog verificou e confirmou a existência da brecha.

A brecha é mais grave no caso de encomendas internacionais taxadas. Mas, mesmo em testes realizados com entregas não taxadas, o sistema retorna o CPF vinculado e um recibo em branco.

Você viu?

Os leitores perceberam a falha em um grupo de importações no Facebook. Por lá, outros consumidores costumam comentar quando suas encomendas são taxadas, mas nem sempre se lembram de ocultar todos os dados.

Veja Também:  Mercado Livre dá descontos de 60% em bebidas e itens de supermercado; confira

Hugo alertou os membros do grupo. Em conversa com o Tecnoblog, ele comenta que uma simples verificação do CPF ou CNPJ deveria existir no sistema. Assim, se o documento de quem acessou o Meu Correios é diferente daquele que está vinculado à encomenda, o recibo não deveria ser exibido.

Correios não se pronunciam e falha continua ativa

O Tecnoblog procurou os Correios na noite de 2 de setembro. Até a publicação dessa reportagem, não houve uma resposta da empresa. Questionada, a assessoria disse estar confirmando algumas informações.

Até o momento, ainda é possível acessar informações sobre importações de outros clientes.

O que diz a LGPD

Em conversa com o Tecnoblog , o advogado Adriano Mendes, especialista em direito digital, explica que a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) determina que os produtos e sistemas sejam concebidos levando em consideração os princípios da privacidade.

Os Correios podem ter infringido a lei ao não impedir que dados pessoais fossem acessados sem que houvesse uma verificação de quem era o usuário por trás dessa requisição. Por outro lado, Mendes diz que parece ser também uma falha dos consumidores que deixaram informações expostas, já que elas são necessárias para conseguir o tal recibo. Por isso, o advogado aconselha que as pessoas tenham cuidado com seus dados e não os compartilhem sem necessidade.

Veja Também:  Alexa estraga festa de aniversário surpresa; veja o que ela disse

De qualquer forma, o assunto pode vir a ser investigado pela Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD). Neste caso, se a empresa for considerada culpada, pode sofrer penalidades como advertência, suspensão das atividades e até bloqueio do sistema. Mendes considera praticamente impossível que essas duas últimas sejam postas em prática, já que o dano da paralisação de um sistema dos Correios é muito maior que o prejuízo de um vazamento de dados. Por se tratar de uma companhia pública, não há multas.

Como é preciso estar logado no sistema para fazer o download do recibo, pode ser que a empresa tenha um registro de quem faz essas requisições. Caso esse log realmente exista, os Correios deveriam comunicar quem teve seus dados expostos indevidamente.

E essas pessoas poderiam processar a empresa? Sim, mas Mendes considera improvável conseguir uma indenização por causa disso porque é necessário provar o dano causado pelo acesso não-autorizado. “Você precisaria provar que aqueles dados foram usados para abrir uma conta bancária, fazer um cartão de crédito, pegar um empréstimo, coisas desse tipo”.

Comentários Facebook
Propaganda

Tecnologia

WhatsApp testa opção para converter imagem em sticker

Publicados

em


source
WhatsApp vai facilitar a criação de figurinhas
Unsplash/AARN GIRI

WhatsApp vai facilitar a criação de figurinhas

O WhatsApp pretende facilitar o processo para criar novas figurinhas pelo computador. A versão de testes do aplicativo de mensagens para desktop recebeu um novo botão que permite enviar imagens como stickers em conversas. As informações sobre a nova função do mensageiro foram reveladas pelo WABetaInfo nesta quinta-feira (16).

Leia Também

O recurso deu as caras na versão 2.2137.3 do WhatsApp Beta para PC, mas ainda não está disponível aos usuários. O site especializado explica que, ao escolher uma imagem para ser enviada pela plataforma, o mensageiro mostra um botão para convertê-la em um adesivo. Após a confirmação, a mídia é submetida ao chat como um sticker.

A ferramenta tende a facilitar a criação de novas figurinhas sem precisar recorrer a apps de terceiros. Mas o site não informou se o adesivo é armazenado automaticamente na galeria após a conversão ou se é preciso salvá-lo manualmente. Além disso, a ferramenta ainda não está disponível nos apps para Android e iPhone (iOS). Não há previsão de lançamento do recurso a todos os usuários.

Veja Também:  "Dose 1 OK": usuários do Tinder podem usar stickers para avisar que se vacinaram

WhatsApp prepara outras novidades

O WhatsApp também está trabalhando em um novo recurso para facilitar o acesso aos telefones de estabelecimentos comerciais. Anunciada nesta quarta-feira (15), a função lembra as famosas “Páginas Amarelas” ao apresentar as lojas, restaurantes e afins próximos ao usuário. O recurso, por ora, está disponível somente em São Paulo.

A ferramenta busca facilitar o contato entre os consumidores e negócios. A função do app de mensagens mostra o perfil dos estabelecimentos comerciais da região separados em categorias como comida, serviços automotivos e mais. Segundo o chefe do mensageiro, Will Cathcart, o WhatsApp não vai registrar a localização dos usuários.

A plataforma ainda deve ganhar uma  função para transformar mensagens de voz em texto no futuro. O recurso, que ainda está em desenvolvimento, é capaz de transcrever os áudios com auxílio da ferramenta de reconhecimento de fala do iPhone (iOS). Mas, até o momento, o recurso segue indisponível aos usuários.

Veja Também:  Mercado Livre dá descontos de 60% em bebidas e itens de supermercado; confira

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Nave da SpaceX tem vista privilegiada da Terra; veja as fotos da super janela

Publicados

em


source
Tripulação da Inspiration4 tem vista privilegiada
Divulgação/SpaceX

Tripulação da Inspiration4 tem vista privilegiada

Na quarta-feira (15), a SpaceX, empresa do bilionário Elon Musk,  enviou quatro tripulantes para o espaço em uma missão que deve durar três dias, chamada de Inspiration4. Neste momento, a cápsula espacial Crew Dragon está em órbita, dando uma volta na Terra a cada 90 minutos.

A Crew Dragon possui uma janela em 360º que permite que os astronautas vejam a Terra de forma privilegiada.

Cúpula de vidro garante visão 360º da Terra
Divulgação/SpaceX

Cúpula de vidro garante visão 360º da Terra

“A nova cúpula de observação da Crew Dragon é a maior janela espacial já construída. A cúpula de observação de três camadas foi submetida a um extenso processo de qualificação, incluindo temperatura, vibração, ambientes estruturais e ciclo de vida para verificar a capacidade”, diz uma texto publicado no site da SpaceX.

Nesta sexta-feira (17), a SpaceX divulgou nas redes sociais imagens da tripulação no espaço e da vista privilegiada que os astronautas têm da Terra. “A tripulação da Inspiration4 teve um primeiro dia incrível no espaço! Eles completaram mais de 15 órbitas ao redor do planeta Terra desde a decolagem e fizeram uso total da cúpula da Crew Dragon”, escreveu a empresa. Confira a seguir:


Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana