conecte-se conosco


Saúde

Festa clandestina com 1.500 pessoas é encerrada na capital paulista

Publicados

em


O Comitê de Blitze do governo do estado e da prefeitura de São Paulo encerrou, na madrugada de hoje (18), o evento clandestino Festa do Bryan, em Santo Amaro, na zona sul da cidade. No local, 1.500 pessoas estavam aglomeradas e a maioria estava sem máscaras, conforme informou o comitê.

Mais uma festa foi interditada na madrugada no bairro da Vila Olímpia, na zona oeste, onde mais de 350 pessoas descumpriam as medidas sanitárias – que foram implementadas no estado para evitar a disseminação de covid-19 – na balada Toca do Tatu.

Ao todo, a Vigilância Sanitária inspecionou 24 estabelecimentos entre o sábado e a madrugada de domingo, sendo que nove locais foram autuados.

Para denunciar festas clandestinas e funcionamento irregular de serviços não essenciais pelo telefone, o público pode ligar para 0800-771-3541, acessar site www.procon.sp.gov.br ou enviar e-mail para [email protected]

Comitê de Blitze

Criado no dia 12 de março, o Comitê de Blitze tem como objetivo reforçar as fiscalizações e o cumprimento das medidas restritivas da fase emergencial e evitar a propagação do novo coronavírus.

Veja Também:  Primeira dose da vacina contra covid-19 permanece suspensa no Rio

O comitê é formado pela Vigilância Sanitária do Estado, Procon-SP e as polícias Civil e Militar, além da Guarda Civil Metropolitana e da Coordenadoria da Vigilância Sanitária (Covisa) da prefeitura de São Paulo.

Edição: Fábio Massalli

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Propaganda

Saúde

Mais 2,1 milhões de doses da vacina da Pfizer chegam em Viracopos

Publicados

em


Pousou na manhã de hoje (1º) no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), um dos aviões que trazem a carga de 2,1 milhões de doses da vacina da Pfizer de combate ao coronavírus.

Segundo o Ministério da Saúde, foram desembarcadas, esta manhã, 1,053 milhão de doses. Ainda esta tarde, está prevista achegada de outra aeronave com o restante da carga de imunizantes.

De  acordo com o balanço divulgado nesse sábado (31) pelo ministério, o Programa Nacional de Imunizações já distribuiu 23,6 milhões de doses do imunizante da Pfizer a todo o país. O contrato com o Ministério da Saúde prevê a entrega de 100 milhões de doses até setembro e outras 100 milhões de doses entre outubro e dezembro deste ano.

Ontem, o Brasil atingiu a marca de 100 milhões de pessoas com ao menos a primeira dose da vacina contra o coronavírus, o que representa 62,5% do público-alvo, de pessoas com 18 anos ou mais. Já foram completamente imunizados, com as duas doses ou vacinas de dose única, 40 milhões de pessoas, 25% dos 160 milhões de brasileiros com idade a partir de 18 anos.

Veja Também:  Quarta-feira (10): Mato Grosso registra 229.312 casos e 5.382 óbitos

Além das doses da Pfizer, o PNI já distribuiu para todo o país 86,5 milhões de doses da vacina da AstraZEneca contra a convid-19; 69,5 milhões da Coronavac e 4,7 milhões da Janssen, totalizando 184 milhões de doses.

Edição: Aécio Amado

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Covid-19: Em 24 horas, Brasil registra 910 mortes

Publicados

em


O total de vidas perdidas para a covid-19 subiu para 556.370. Em 24 horas, foram confirmadas 910 mortes em decorrência da doença. 

Já a soma de pessoas que pegaram covid-19 desde o início da pandemia foi para 19.917855. Entre ontem e hoje, as autoridades de saúde registraram 37.582 novos casos da doença. 

Ainda há 741.943 casos em acompanhamento. O nome é dado para pessoas cuja condição de saúde é observada por equipes de saúde e que ainda podem evoluir para diferentes quadros, inclusive graves.

O número de pessoas que se recuperaram da covid-19 chegou a 18.619.542

Os dados estão na atualização diária sobre a pandemia do Ministério da Saúde, divulgada pela pasta neste sábado (30). O balanço reúne os registros levantados pelas secretarias estaduais de saúde sobre casos e mortes relacionados à covid-19.

Estados

No topo do ranking de mortes por estado estão São Paulo (138.996), Rio de Janeiro (59.269), Minas Gerais (50.461), Paraná (35.233) e Rio Grande do Sul (33.334). Os estados com menos mortes são Acre (1.799), Roraima (1.855), Amapá (1.907), Tocantins (3.512) e Alagoas (5.809).

Boletim Epidemiológico 31/07/21 Boletim Epidemiológico 31/07/21

Boletim Epidemiológico 31/07/21 – 31/07/2021/Divulgação/Ministério da Saúde
Veja Também:  Primeira dose da vacina contra covid-19 permanece suspensa no Rio

Vacinação

O Ministério da Saúde distribuiu 184,350 milhões de doses de vacina contra a covid-19, das quais 100,5 milhões foram aplicadas como primeira dose e 41,2 milhões como segunda dose ou dose única.

Edição: Claudia Felczak

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana