conecte-se conosco


Barra do Bugres

Governo de MT assume administração da Santa Casa de Cuiabá que está fechada há quase 2 meses

Publicados

em

Santa Casa de Cuiabá — Foto: Lenine Martins/Gcom-MT

O governo de Mato Grosso assumiu a administração da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá, que está fechada há quase dois meses em função de uma crise financeira. O decreto de requisição administrativa dos bens e serviços da unidade foi publicado em uma edição extra do Diário Oficial do Estado (DOE-MT) que circula nesta quinta-feira (2).

A administração do hospital ficará sob responsabilidade da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) e funcionará, durante um período não informado, como um hospital público estadual.

Com o decreto, o estado assume o controle da Santa Casa e de todos os equipamentos da unidade de forma emergencial e temporária, “com o objetivo de assegurar o atendimento de média e alta complexidade aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS)”.

A medida, segundo o governo, foi tomada por causa do fechamento da unidade no dia 11 de março e da consequente crise ocasionada.

“Optamos por fazer uma requisição administrativa de bens e serviços da Santa Casa”, afirmou o governador Mauro Mendes.

O recurso será depositado em uma conta judicial na Justiça do Trabalho e deve ser usado para quitar as dívidas trabalhistas da entidade.

De acordo com o decreto, no prazo de dez dias um grupo de trabalho deve fazer um inventário e uma avaliação patrimonial de todos os bens imóveis e móveis da Santa Casa.

Crise financeira

A unidade de saúde fechou as portas depois de mais de 200 anos em atividade porque tem uma dívida superior a R$ 118 milhões. Os cerca de 800 funcionários do hospital estão com seis salários em atraso.

A direção da Santa Casa anunciou a suspensão de internações no dia 11 de março, alegando a falta de repasse no valor de R$ 3,6 milhões por parte da prefeitura.

Veja também

Comentários Facebook
Propaganda

Barra do Bugres

Vereadores Subtenente Marivaldo e Cleide Oliveira buscam liberação de imóvel para Casa Transitória para mulheres vítima de violência

Publicados

em

Nos últimos dias, o Brasil passou por mais um episódio lamentável de violência contra a mulher e que gerou comoção de inúmeras pessoas. Além disso, vimos o quanto é essencial a realização de políticas públicas que auxiliem as vítimas desse tipo de violência.

Ao notarmos isso, vemos um belo exemplo em nossa cidade. Durante essa semana, os vereadores Subtenente Marivaldo (MDB) e Professora Cleide (PP) não mediram esforços para viabilizar a construção da Casa Transitória para Mulheres Vítimas de Violência. Assim, realizaram uma reunião com o Superintendente do Ibama, juntamente com o Deputado Estadual Ulysses Moraes e a assessoria jurídica municipal, buscando junto ao Ibama a liberação de uso de um imóvel ocioso existente em Barra do Bugres e que, possivelmente receberá as devidas reformas para atender esse público. A ideia é organizar um espaço de acolhimento e colocar em ação o projeto pensado pela policial civil Adriana, além de buscar junto à sociedade a erradicação da violência contra a mulher. Com isso, os vereadores aguardam resposta positiva para prosseguir com o projeto.

Fonte: Assessoria

Comentários Facebook
Veja Também:  Bandidos armados roubam distribuidora de bebidas em Nortelândia
Continue lendo

Barra do Bugres

Sicredi Sudoeste MT/PA realiza entrega de alimentos arrecadados na ação Dia de Cooperar.

Publicados

em

O Sicredi Sudoeste MT/PA realizou a entrega de 100 toneladas de alimentos, sendo, 5.1 toneladas arrecadadas na cidade de Barra do Bugres – MT. A entrega aconteceu nesta quarta-feira, dia 14, às 09h na Agência Sicredi de Barra do Bugres-MT – – Praça Eliazario Arantes de Souza.

A arrecadação aconteceu entre 01 de junho a 08 de julho a cooperativa Sicredi Sudoeste MT/PA realizou a ação Dia de Cooperar com objetivo de arrecadar alimentos. Neste período, foram arrecadadas o equivalente a 90 toneladas de alimentos (entre doações e valores via PIX) nas 42 agências da Cooperativa e outras 10 toneladas foram doadas pela própria Cooperativa, totalizando as 100 toneladas arrecadadas.

As doações serão entregues à representantes de entidades do município que possuem cadastro de famílias em situação de vulnerabilidade. Em Barra do Bugres-MT, serão doadas 5.1 toneladas de alimentos à 12 entidades: APAE, Casa da Sopa (Rotary), Lar São Vicente de Paula, Projeto Ajudando o Próximo, Projeto Paraiso das Crianças, Ação Social Centro Espirita, Igreja Assembleia de Deus, Igreja Católica, Primeira Igreja Batista, Igreja Cristã do Brasil  Igreja Presbiteriana Renovada, Igreja Assembleia de Deus Assari.

A Cooperativa Sicredi Sudoeste MT/PA, em nome do Presidente do Conselho de Administração Sr Antonio Geraldo Wrobel, agradece a todos os associados, equipe e comunidade que doaram os alimentos e cooperaram para reduzir a fome de milhares de famílias.

Fonte: Assessoria/Barra News

Comentários Facebook
Veja Também:  PM prende quatro e evita ataque à agência da Caixa em Diamantino
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana