conecte-se conosco


Carros e Motos

Harley-Davidson Iron 1200 tem o essencial

Publicados

em


Harley-Davidson Iron 1.200 tem leveza e agilidade que surpreendem no dia a dia
Guilherme Marazzi

Harley-Davidson Iron 1.200 tem leveza e agilidade que surpreendem no dia a dia

Não sou contra a evolução, mas entendo aqueles que às vezes a preferem longe de seus brinquedinhos. Sempre cito como exemplo o caso do Porsche 911, que nos anos 90 passou de refrigerado a ar para refrigerado a água, e a turma reclamou. A turma mais radical, bem entendido. E com as Harley-Davidson não é diferente.

LEIA MAIS: Harley-Davidson FXDR, a motocicleta anabolizada

 No caso das motocicletas da Harley-Davidson
, é notório o fato de que as famílias Softail e Touring vêm evoluindo a olhos vistos, em todos os campos. Nunca foi tão agradável pilotar uma H-D, graças às melhorias gerais em suspensões e ciclística, mas, principalmente, no motor Milwaukee-Eight.

Para tudo, no entanto, há remédio, como vovó já dizia. Isso significa que, para aqueles que ainda não abrem mão do sonoro “clac!” na hora de engatar uma marcha, ou então da vibração de baixa frequência que nos acompanha em todos os momentos, ou mesmo de um visual mais espartano, existe a família Sportster, que para a linha 2019 está ganhando um novo membro, a Iron 1200
.


Para os saudosistas, a pintura do tanque da Harley-Davidson Iron 1200 é uma viagem ao passado
Guilherme Marazzi

Para os saudosistas, a pintura do tanque da Harley-Davidson Iron 1200 é uma viagem ao passado

 Prefiro as Softail, mas não posso negar que é uma “viagem” rodar com a nova Iron, repleta de reminiscências das velhas Harley e com um estilo que nos leva lá para os anos 70. Não só porque as Sportster estavam em seu auge nesse período (a primeira surgiu em 1957).

Veja Também:  Como é o dia a dia com um carro elétrico? Proprietário conta detalhes

Mas também porque nós, brasileiros, tivemos uma forte experiência com a marca quando a Harley se associou à italiana Aermacchi e trouxe para nós a Motovi SS 125, montada em Manaus e vendida na rede de lojas populares Mesbla. O grafismo do tanque dessa motocicleta, que tinha um improvável motor monocilíndrico dois tempos, foi a inspiração para a pintura desta nova Iron 1200.

Mudando os conceito das Sporster da Harley-Davidson


Minimalismo na visão do piloto: basta um velocímetro de ponteiro no modelo da Harley-Davidson
Guilherme Menezes/iG

Minimalismo na visão do piloto: basta um velocímetro de ponteiro no modelo da Harley-Davidson


 Quem me conhece um pouco sabe que nunca fui grande fã das Sportster
, porém as mais recentes novidades nessa família me conquistaram um pouco. Aquelas primeiras que povoaram nossas ruas quando da reabertura das importações, nos anos 90, eram “inguiáveis”. Hoje, com grandes melhorias nas supensões, elas estão muito, mas muito melhores. Só que a nova Iron 1200 me conquistou, de maneira especial, ainda parada, justamente por causa do grafismo do tanque.

LEIA MAIS:  Harley-Davidson Sport Glide: duas em uma

Veja Também:  BMW anuncia condições especiais para as motos até o fim do mês

 Da família Sportster, a Iron 883 é a mais simplificada. Já a Forty-Eight tem a mesma concepção, só que é mais encorpada e utiliza um motor maior, o Evolution de 1.202 cm 3 de cilindrada. E agora a Harley-Davidson Iron 1200 chega para aproveitar o melhor das duas, como a agilidade da menor e o desempenho da maior. O resultado? Uma motocicleta admirável.

Minhas primeiras impressões ao guidão da H-D Iron 1200 foram surpreendentemente positivas. Leve, ágil, com uma posição de pilotagem bastante natural e relaxada, graças ao guidão alto do tipo mini-ape, em momento algum tive que praguejar por bater as canelas ou as batatas das pernas nas pedaleiras (o que acontece muito com as outras Sportster).


Essa é a Motovi SS 125 dos anos 70, que inspirou a pintura do tanque da Harley-Davidson Iron 1200
Guilherme Menezes/iG

Essa é a Motovi SS 125 dos anos 70, que inspirou a pintura do tanque da Harley-Davidson Iron 1200

Jamais devemos comparar esse motor aos novos Milwaukee-Eight, mesmo levando em conta o deslocamento dos pistões. Com bastante força, o bom e velho Evolution refrigerado a ar fornece a adrenalina básica dos harleyros, o som inconfundível (eu nunca trocaria o escapamento original) e a trepidação que nos ajuda a viajar no tempo.

Simplória, o painel de instrumentos tem apenas o necessário, um belo velocímetro de ponteiro, com um pequeno display de cristal líquido e algumas luzinhas na base. O banco é individual, só que maior e mais confortável do que o das outras Sportster. E a pequena carenagem de farol, pintada de preto, complementa o estilo.

LEIA MAIS: Harley-Davidson antecipa sua linha 2019

São três as cores disponíveis para a Harley-Davidson
Iron 1200, a preta, a branca e a cereja, todas três muito charmosas. Na cor preta, a Iron 1200 custa R$ 46.900, com um acréscimo de R$ 400 para as outras duas cores.

Comentários Facebook
Propaganda

Carros e Motos

Hyundai HB20 muda a partir do mês que vem. Veja as fotos e detalhes

Publicados

em

Por

Hyundai HB20 da linha 2023 flagrado antes do lançamento, que será no mês que vem. Repare as novas lanternas
Daniel Mota Films/Reprodução

Hyundai HB20 da linha 2023 flagrado antes do lançamento, que será no mês que vem. Repare as novas lanternas

Lançado em outubro de 2019, o Hyundai HB20 atual vai passar por mais uma reestilização, depois que o carro passou a ser alvo de críticas em relação ao desenho. De lá para cá, a marca coreana adotou alguns discretos retoques no visual, mas apenas agora, quase três anos do lançamento, é que serão adotadas mudanças mais significativas

O Hyundai HB20 da linha 2023 já chega em julho próximo às lojas com uma traseira que lembra a nova geração do SUV Tucson , que tem boas chances de chegar ao Brasil ainda mais agora que o carro acaba de ser lançado no Uruguai. Pelas images que circulam na internet, é possível ver claramente que as lanternas passarão a ser de led e integradas por uma barra luminosa que atravessa a tampa traseira.

Veja Também:  BMW anuncia condições especiais para as motos até o fim do mês

Com isso, o HB20 passará a ter aspecto mais moderno, junto com a frente, que passará a ter estilo mais discreto, mas com amplas entradas de ar no para-choque, no estilo “colmeia”, luzes diurnas nas pontas e faróis estreitos, com lentes escurecidas em algumas versões. As fotos publicadas na rede mostram a mais simples delas, com calotas plásticas com o mesmo desenho atual.

Hyundai HB20 renovado também terá nova frente mais discreta que a atual e parecida com modelos da VW
Divulgação

Hyundai HB20 renovado também terá nova frente mais discreta que a atual e parecida com modelos da VW

As alterações no desenho vão deixar o HB20 com aspecto mais largo, mas será apenas uma impressão visual, uma vez que nao houve nenhuma mudança de plataforma ou estrutural. Também é possível notar os novos vincos do capô e que o carro ficou mais parecido com os rivais da Volkswagen .

Ainda não há imagens do interior da linha 2023 do HB20 , mas sabe-se que o carro terá evoluções no sistema multimídia, seguindo recursos já disponíveis no SUV Creta . Além disso, o volante será novo, com base achatada e a padronagem de acabamento será renovada.

Veja Também:  Voltz e iFood lançam moto elétrica por R$ 10 mil com troca de baterias

Não haverá alterações no conjunto mecânico do Hyundai HB20 2023 , que continuará tendo apenas suas opções de motor 1.0, aspirada (80 cv e 10,2 kgfm de torque) e turbo (120 cv e 17,5 kgfm), que poderão funcionar com câmbio manual de cinco marchas ou automático de seis. Mais informações serão divulgadas durante o lançamento.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Ford lança edição especial de 75 anos da picape Série F nos EUA

Publicados

em

Por


Ford F-150  Heritage Edition: picapes contam com pintura de dois tons entre os itens exclusivos
Divulgação

Ford F-150 Heritage Edition: picapes contam com pintura de dois tons entre os itens exclusivos

A Ford apresenta nos Estados Unidos uma edição especial da picape F-150, a Heritage Edition – uma releitura de modelos clássicos da linha dos anos 1960, 1980 e 1990 com pintura em dois tons – em comemoração aos 75 anos de lançamento da Série F.

Lançada em 1948, a Série F em quatro décadas de existência já soma 40 milhões de unidades produzidas e para comemorar o feito, a nova F-150 Heritage Edition traz diversos elementos que remetem aos primeiros modelos como a clássica pintura de dois tons.

Nesse caso, a cor principal da carroceria combinando com teto, colunas, para-choques e área inferior das portas e dos para-lamas em tom contrastante. As opções incluem: vermelho Red e cinza, azul Atlas ou Area 51 e preto, azul Antimatter e cinza, ou cinza Avalanche e preto.

Veja Também:  BMW anuncia condições especiais para as motos até o fim do mês

Já no interior, as opções são cinza ou preta, com detalhes alusivos à edição limitada, incluindo o revestimento dos bancos , um aplique em relevo na tampa do console e um logotipo branco ’75 Years’ no alto do para-brisa, reproduzido também no console central e na animação inicial da tela multimídia.

Disponível na versão XLT da F-150 , a edição especial começará a ser vendida nos EUA a partir do mês que vem. A Ford anunciou este ano que vai lançar a F-150 no Brasil em 2023, complementando a sua linha de picapes ao lado da Ranger  e da Maverick .

No mercado norte-americano, há diversas opções de motorização como o 2.7 V6 EcoBoost, 3.5 V6 EcoBoost e 5.0 V8 4X4 de 406 cv, sempre com a transmissão automática de 10 marchas.

A Ford não informou qual versão irá vender por aqui, mas tudo leva a crer que a opção seja do pacote Lariat Luxury , que também é comercializado no mercado argentino.

No país vizinho, essa versão da Ford F-150 é oferecida tanto com o motor 5.0 V8 (Coyote), com 400 cv de potência e 56,6 kgfm de torque, quanto com o híbrido que combina propulsor elétrico com um 3.5 V6 , que rende uma potência combinada de 430 cv e um torque combinado de 78,8 kgfm .

Veja Também:  Fiat 500 terá apenas versões elétricas na próxima geração

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana