conecte-se conosco


Entretenimento

Hoje é dia: Ney Matogrosso faz 80 anos; assista e ouça mais do cantor

Publicados

em


source
Ney Matogrosso
undefined

Ney Matogrosso


“E o que me importa é não estar vencido! Minha vida, meus mortos, meus caminhos tortos. Meu sangue latino, minha alma cativa”. Era o ano de 1973 quando os versos de Sangue Latino (de João Ricardo e Paulinho Mendonça) saíam de uma forma especial da voz de um jovem cantor, de aparência andrógina, vindo de Bela Vista (MS) e que faria história a partir daquele primeiro disco do grupo Secos e Molhados (que incluiu, entre as músicas, Rosa de Hiroshima, e vendeu mais de um milhão de cópias).

No ano seguinte, Ney de Souza Pereira, que adotou o apelido Ney Matogrosso, faria mais um LP com a banda, e depois partiria para a carreira solo. Mais 33 discos e uma das histórias mais marcantes da música brasileira.

Neste domingo (1º), Ney completa 80 anos. O aniversário do artista é uma das datas a serem celebradas nesta primeira semana de agosto. A coluna Hoje é Dia mostra que o acervo de veículos da EBC é vasto dessa trajetória de cinco décadas de carreira, reinventada em talento e visibilizada pelas impactantes transformações no palco.


No ano de 2014, no programa Sem Censura, Ney Matogrosso ratificou que o seu trabalho de palco mistura o cantor e o ator em toda a carreira para sempre contar uma história. “Eu nunca subi no palco como uma pessoa, mas como uma personagem”, disse.



Você viu?

O artista voltou a tratar sobre esse assunto no programa Estação Plural, também da TV Brasil. Para ele, essa personagem é um híbrido masculino, feminino, inseto, ave, felino… “Eu gostaria de ser uma águia, um tigre. No palco eu realizo tudo isso”. O artista lembrou-se, na ocasião, que saiu de casa com 17 anos de idade e foi ser militar da Aeronáutica. Chegou também a ser enfermeiro. Mas o destino dele seria a música.



No programa, o crítico Jotabê Medeiros explicou que uma revolução realizada pelo Ney Matogrosso foi comportamental. “Ele demonstrou talento extraordinário com uma trajetória particular. Ele é um cara de cena. Um talento cênico excepcional. Ele seria excepcional em qualquer cultura. Trata-se de um interprete de leque inacreditável”.

Veja Também:  Advogados de Nego do Borel desmentem Duda Reis

O crítico contextualiza que a obra do artista se renova sempre, tanto que mantém um diálogo muito rico com novas gerações. Ainda no Estação Plural, o diretor de arte Marcus Preto acrescenta que Ney foi sempre capaz de transitar por vários gêneros. “Com uma capacidade cênica que o transformou em um dos “maiores artistas do mundo”.

Ney Matogrosso explicou que seu estilo marcante desde os tempos do Secos e Molhados surgiu a partir de reflexões sobre o espaço de representações. “Por que um bailarino pode ter um gesto mais poético e um cantor não pode? Aí quando eu via que as pessoas ficavam perturbadas, descobri que era o caminho. Não podemos ficar parados em trilhos. Sem questionar nada (…) Não tem lado ruim em ser transgressor”, afirmou.

Nas entrevistas, Ney Matogrosso explica que o ser “híbrido” dos palcos desaparece ao final das performances, e dá lugar a uma pessoa mais tranquila. Para ouvir mais de Ney, em um estilo diferente, ouça interpretação dele em especial para homenagear o cantor Lupicínio Rodrigues.


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Propaganda

Entretenimento

A Fazenda 13: Record mostra saída de Nego do Borel e depoimento de Dayane

Publicados

em


source
Dayane Mello dizendo que não pode para Nego do Borel
Reprodução/Record TV

Dayane Mello dizendo que não pode para Nego do Borel

Depois de uma madrugada e dia (25) tenso em “A Fazenda 13”Adriane Galisteu conta ao público e aos participantes do reality os motivos da saída de Nego do Borel do programa . O funkeiro quebrou o regulamento do programa ao assediar sexualmente a peoa Dayane Mello . A apresentadora falou que entrar ao vivo não é o normal e que foi feita uma a nálise jurídica criteriosa pelo jurídico e equipe do programa para tomar a decisão, além de falar sobre o depoimento da modelo.

O começo do programa mostra a segunda festa do programa, com o DJ Bruno Martini. Depois de mostrar a interação entre diversos participantes, ao final da apresentação do DJ, a emissora traz uma cena de Dayane conversando com Nego do Borel, onde ela já aparece visivelmente alterada. No bate-papo, Dayane está abrindo o coração para o funkeiro, lembrando a primeira vez que o viu e o que sentiu. “Amor à primeira vista”, brinca Nego do Borel, e a modelo fala que não é isso.

Mais adiante na festa, Dayane Mello e Nego do Borel flertam e são incentivados pelos outros peões. A modelo fala: “eu quero te beijar, você quer me beijar”. O funkeiro até fala em estar com ciúme por ver a peoa dançando com os outros participantes. Depois, os dois são mostrados dançando na pista, Dayane abraçada em Nego do Borel, ele com os braços abertos e ela beijando ele.

Veja Também:  Pega Pega: Sandra Helena, ladra, entra na mira de polícia por motivo besta

Madrugada pós-festa

Dayane Mello deita na cama com o Nego do Borel, visivelmente alterada e os peões resolvem interferir. MC Gui e Bil Araújo são os primeiros a interferir, inclusive tirando a roupa de cama deles, deixando-os expostos. Dayane insiste em ficar e pede mais um beijo de Nego do Borel, então os dois se escondem embaixo do edredom.

Todos os participantes estão preocupados com o estado alcóolico da participante que não parece em condições de decidir. Após a insistência dos peões, Nego do Borel pergunta: “Day, quer dormir comigo?”, e ela resmunga que sim. O funkeiro pergunta se MC Gui assinou o contrato. 

Pouco antes das luzes serem apagadas, Nego do Borel levanta para ir até o closet. Questionado por Tati Quebra Barraco, o funkeiro diz que foi pegar repelente e ela diz que no tempo dela era outro nome. 

Em seguida, as luzes são apagadas e Dayane Mello e Nego do Borel são os únicos acordados. Eles estão se beijando e o edredom se movimenta. Um tempo depois, Dayane diz que não não pode porque tem uma filha. O corte na cena deixa a entender que ambos acompanharam os demais participantes e foram dormir.

Dia seguinte

Os participantes levam punição por necessidade fisiológica feita fora do lugar, penalizando os participantes com 12 horas sem gás – obrigando os peões a usar o fogão à lenha. Em conversa com outras participantes, Dayane fala que não lembra de muita coisa desde que entrou na casa depois da festa.

Veja Também:  Humorista Whindersson Nunes nega encontra com Luísa Sonza

Depoimento Dayane Mello

Dayane é questionada se lembra de tudo o que aconteceu na noite e ela responde que sim. Quando a produção pergunta se ela lembra dos peões pedindo para ela sair da cama de Nego do Bores, Dayane fala que não deu atenção para isso e, portanto, não lembra.

“Nós dormimos abraçados”

“Não. A gente não transou. A gente não fez nada.”

Qual a sua leitura dessa relação?

“Que duas pessoas estão de conhecendo. Não mais que isso. Uma coisa natural. Eu falo do fundo do meu coração.”

Análise das cenas com o depoimento

Adriane Galisteu fala que os motivos que levaram à expulsão do Nego do Borel foram a análise entre o depoimento de Dayane Mello e os acontecimentos da noite. “Existe uma regra do jogo que diz que qualquer atitude que possa colocar em risco algum participante, essa pessoa está fora”, explica Adriane. Por entender que em todos os momentos cruciais, ela respondia que não lembrava, a equipe decidiu pela saída do funkeiro Nego do Borel.

Recado final

Adriane Galisteu: “Quando uma mulher diz não é não. Quando uma mulher alcoolizada diz sim, também é não.”

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

A Fazenda 13: equipe de Dayane Mello se manifesta sobre saída de Nego do Boral

Publicados

em


source
A Fazenda 13: equipe de Dayane Mello se manifesta sobre saída de Nego do Borel
Reprodução/Twitter @daymelloreal

A Fazenda 13: equipe de Dayane Mello se manifesta sobre saída de Nego do Borel

Depois da  saída de Nego do Borel em  “A Fazenda 13” ser confirmada pela apresentadora do programa, Adriane Galisteu , a  equipe da peoa Dayane Mello usa as redes sociais para se manifestar. O texto começa falando sobre a tristeza da integridade física da modelo ter sido colocada em risco, e sobre o alívio em saber que isso não vai mais acontecer dentro do programa.

A equipe de Dayane Mello reforça que agora a justiça vai ser cobrada aqui fora, não só por ela, mas por todas as outras mulheres que já passaram algum tipo de abuso – lembrando que  Duda ReisSwellen Sauer . Eles aproveitam para lembrar que a cada oito minutos, uma mulher é abusada no Brasil e indicam a central de denúncias pelo número 180.

Veja Também:  Pega Pega: Sandra Helena, ladra, entra na mira de polícia por motivo besta



Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana