conecte-se conosco


Mato Grosso

Homem com várias passagens por roubo e furto é preso em Mirassol D’Oeste

Publicados

em

Cinco pessoas foram detidas por policiais militares por roubo ou furtos em Mirassol D’Oeste, Várzea Grande, Rondonópolis e Cáceres, na segunda e terça-feira (04 e 05.03). Em uma das ocorrências, o suspeito utilizava tornozeleira eletrônica e tinha extensa ficha criminal.

F.P., 27, foi detido por policiais da 1ª Companhia de Mirassol D’Oeste, por dois roubos. Ele simulava ter uma arma de fogo na cintura e anunciava o roubo, levando o dinheiro das vítimas. As ações criminosas foram realizadas em um posto de combustível e em uma agência bancária. Ele foi entregue na delegacia.

Em Várzea Grande, policiais do 4º BPM prenderam M.A.K., 21 e A.C.P.S., 32, e apreenderam um simulacro de pistola utilizado para render uma vítima que saia de uma agência bancária. Durante roda, os policiais viram uma mulher chorando na calçada da Avenida Couto Magalhães. Ela disse que foi rendida pelos suspeitos que a obrigaram entregar o carro e o dinheiro que havia acabado de sacar. Nas buscas pela região os suspeitos foram identificados e presos. Os policiais ainda recuperaram o veículo, um VW Fox, cartão de crédito e dinheiro.

Veja Também:  Débitos tributários de 2018 podem ser parcelados em até 36 vezes

Em Rondonópolis, policiais do 5º BPM atenderam uma ocorrência de tentativa de furto em um estabelecimento comercial. M.J.C.S. foi reconhecido por uma vítima, quando tentava se disfarçar em um ponto de ônibus. Ele tentou arrombar e quebrar a porta da loja.

Em Cáceres, um suspeito foi preso por roubar um comércio no bairro Cidade Alta. J.V.S.R. tentou o assalto com uma faca, mas o proprietário da loja reagiu e acabou levando uma facada na mão. J.V.S.R. foi detido logo em sequência.

Em outra ocorrência de assalto em Cáceres, as vítimas também reagiram a uma tentativa de assalto na área central, conseguindo tirar a arma do suspeito, que fugiu. A arma foi apreendida e entregue na delegacia.

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

MTI passa por desinfecção biológica nesta sexta-feira (23.07)

Publicados

em


A Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI) receberá os serviços de sanitização e desinfecção, na tarde desta sexta-feira (23.07). Por conta disso, no período vespertino a unidade não contará com atividades presenciais e o expediente será realizado por meio de teletrabalho.

A sanitização e desinfecção será realizada em todos os setores da empresa, excetuando o Data Center que conta com uma escala de serviço diferenciada. O serviço já foi realizado em outras ocasiões e faz parte de uma série de medidas preventivas em virtude da pandemia do coronavírus (Covid-19).

Os colaboradores da empresa deverão deixar a sede até as 14h para evitar qualquer tipo de risco de contaminação. As atividades do período vespertino deverão ser realizadas por meio de teletrabalho e reportadas diretamente aos gestores de cada Unidade.

A medida visa garantir a manutenção das medidas sanitárias preventivas à disseminação da Covid-19, protegendo os empregados públicos que estão atuando em escala de revezamento e, consequentemente, a população que frequenta a empresa.

O serviço tem sido realizado por meio de técnicas de nebulização, atomização ou termonebulização e inclui paredes, tetos, pisos e mobiliários, conforme orientações do Ministério da Saúde.

Veja Também:  Vacinação contra a gripe exclusiva para grupo prioritário termina nesta sexta
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

TCE-MT lança oficialmente Busca Ativa Escolar em live

Publicados

em


Combater a evasão escolar e traçar um panorama do abandono das salas de aula. Esta é a função da Busca Ativa Escolar. Por meio da plataforma, criada pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), o Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) criou uma nota técnica que norteará as estratégias de resgate e inclusão de milhares de estudantes no estado. A iniciativa será oficialmente lançada às 9h desta quarta-feira (21).

Em evento online, promovido pela Escola Superior de Contas, serão apresentadas medidas para estimular ações para melhoria dos indicadores de acesso e de permanência de crianças e adolescentes nas salas de aula. A proposta é que, até setembro, todos os municípios de Mato Grosso estejam inscritos na Busca Ativa Escolar. Hoje, a adesão não chega a 20%.

Além de representantes do TCE-MT e da Unicef, participarão da live membros do Instituto Rui Barbosa (IRB), da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), da Associação Mato-Grossense dos Municípios (AMM) e da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon). O encontro, em formato híbrido, será transmitido pelo Canal do TCE-MT no YouTube.

Veja Também:  Débitos tributários de 2018 podem ser parcelados em até 36 vezes
Divulgação TCE-MT

A ação conta com o suporte do conselheiro Antonio Joaquim, relator das contas anuais de gestão da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), e é coordenada pela Secretaria de Controle Externo (Secex) de Educação e Segurança, com apoio Secretaria de Articulação Institucional e Desenvolvimento da Cidadania (SAI) e da Escola Superior de Contas.

Vale destacar que, a informação técnica que serviu como subsídio para ação, tem como base as boas práticas adotadas no desenvolvimento da proposta no Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO) e no Ministério Público Estadual de Rondônia (MPE-RO).

Com a aprovação da nota, na última semana, iniciam-se três frentes de ação: a primeira contempla ações de mobilização inicial e de engajamento; a segunda incluiu ações de controle para monitorar as estratégias e a terceira frente diz respeito à realização contínua de capacitações, visando direcionar a administração pública à melhora de sua capacidade técnica e financeira em prol da busca ativa escolar.

Busca Ativa Escolar

A Busca Ativa Escolar disponibiliza dados sobre a exclusão e o abandono escolares no Brasil, nas cinco regiões, nos estados e nos municípios. Fornece, ainda, dados sobre situação de adesão e de implementação da estratégia em todo o país. A intenção é apoiar os governos na identificação, registro, controle e acompanhamento de crianças e adolescentes que estão fora da escola ou em risco de evasão.

Veja Também:  Gravado, padrasto alega que criança o forçava fazer sexo em MT

Nesta cadeia, cada secretaria e profissional tem um papel específico e todo o processo é acompanhado pela ferramenta tecnológica, que funciona como um grande banco de dados que facilita a comunicação entre as áreas, armazena dados importantes sobre cada caso acompanhado e apoia na gestão das informações sobre a situação da criança e do adolescente no município e/ou estado.

A ferramenta foi desenvolvida pelo Unicef, em parceria com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e com apoio do Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas) e do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems).

André Garcia Santana
Secretaria de Comunicação/TCE-MT
E-mail: [email protected]
Flickr: clique aqui

Fonte: TCE MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana