conecte-se conosco


Mato Grosso

Inclusão de atividade remunerada na CNH pode ser feita pelo MT Cidadão

Publicados

em


Os cidadãos que desejam incluir atividade remunerada em sua habilitação podem solicitar o serviço diretamente pelo aplicativo MT Cidadão. A abertura do requerimento para atividade remunerada (EAR), que antes era realizada somente presencialmente, agora pode ser iniciada de forma online, sem necessidade de deslocamento até as unidades do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT).

O serviço é o terceiro mais procurado na Diretoria de Habilitação, ficando atrás da renovação de CNH e da abertura de processo para a primeira habilitação. De janeiro a outubro deste ano, mais de 6 mil processos para inclusão de atividade remunerada foram abertos em todo o Estado. A procura maior é por motoristas das categorias C, D e E. 

Para fazer a inclusão de atividade remunerada na habilitação, basta realizar o download do aplicativo MT Cidadão no smartphone, fazer o cadastro inicial, acessar o menu “serviços”, clicar na aba “documentos”, em seguida “CNH” e por fim em “atividade remunerada”. 

Será solicitado dados como: endereço, telefone para contato e confirmação dos dados pessoais. Feito isso, basta aguardar a chegada da CNH em casa, caso tenha marcado essa opção. O prazo para a entrega dos Correios é de 10 dias para Cuiabá e 15 dias para o interior. Se optar pela retirada em alguma unidade do Detran, o prazo é de 5 dias. 

Veja Também:  Governo transfere para outubro entrega de máquinas e equipamentos

Antes, a inclusão de atividade remunerada só poderia ser requerida durante o processo para primeira habilitação ou no momento da renovação da CNH. Agora, a atividade remunerada pode ser incluída na CNH a qualquer momento, sendo necessário o condutor passar por uma avaliação psicológica em clínica psicológica credenciada pelo Detran-MT indicada no aplicativo.  

O diretor de Habilitação do Detran-MT, Alessandro de Andrade, ressalta que o órgão vem digitalizando os serviços visando a comodidade e a praticidade dos cidadãos, além de reduzir a necessidade de deslocamento das pessoas até as unidades do Detran-MT.

‘‘Tornamos o Detran mais acessível, com a possibilidade de iniciar os processos pelo celular, sem sair de casa. Diminuímos a logística da população para que não seja necessário o deslocamento até as nossas unidades em busca de serviços presencialmente’’, falou.

MT Cidadão

Além da inclusão de atividade remunerada na habilitação, também estão disponíveis no aplicativo os seguintes serviços:

– Renovação da CNH;

– Emissão do Licenciamento;

– Abertura do processo de transferência de propriedade;

Veja Também:  Tramitação Processual: Vara da Saúde registra melhor tempo médio do Estado

– Primeiro emplacamento;

– Mudança de município;

– Segunda via do CRV;

– Troca para placa Mercosul;

– Inclusão de financiamento;

– Baixa de financiamento;

– Requerimento para condutor PCD;

– Emissão de certidão do condutor;

E muitos outros.

(Com supervisão da jornalista Lidiana Cuiabano) 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

Mato Grosso

Domingo (24): Mato Grosso registra 545.098 casos e 13.910 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste domingo (24.10), 545.098 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.910 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 29 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 545.098 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 1.638 estão em isolamento domiciliar e 528.974 estão recuperados. 

Devido à manutenção na base de dados do sistema oficial do Ministério da Saúde, não foi possível publicar o Ranking da Vacinação em Mato Grosso nesta semana. A perspectiva é de que o Ranking seja atualizado até a próxima terça-feira (26.10).

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 71 internações em UTIs públicas e 37 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 25,82% para UTIs adulto e em 6% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (113.090), Várzea Grande (40.175), Rondonópolis (38.252), Sinop (26.280), Sorriso (18.392), Tangará da Serra (17.798), Lucas do Rio Verde (15.700), Primavera do Leste (14.784), Cáceres (11.932) e Alta Floresta (10.817).

Veja Também:  Quatro são flagrados com drones na PCE, trocam tiros e são presos

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 404.835 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 85 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

No sábado (23.10), o Governo Federal confirmou o total de 21.723.559 casos da Covid-19 no Brasil e 605.457 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 21.711.843 casos da Covid-19 no Brasil e 605.139 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste domingo (24.10).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

Veja Também:  Sine abre mais de 700 vagas de emprego nesta terça-feira

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Curso para uso de cães em operações Bope começa nesta segunda-feira (25)

Publicados

em


A Polícia Militar, por meio do canil do Batalhão de Operações Policiais Especiais realizará a aula inaugural do 4º Curso de Cinotecnia Policial para emprego de cães em operações policiais, na segunda-feira (25), às 9h. O evento será no auditório da Controladoria Geral do Estado (CGE), em Cuiabá.  

A aula inaugural do curso contará com a participação do especialista em cinotecnia,  major Rafael Ribeiro Marcondes, do Corpo de Bombeiro Militar, que já atuou em 88 ocorrências reais de busca de pessoas e restos mortais e também comandou a equipe de regaste com cães na Operação Brumadinho no 2019. 

A curso do Bope tem o objetivo de ampliar a operacionalidade do canil, através da preparação de policiais para a condução e adestramento de cães em ações policiais. Treze alunos participarão da instrução, dentre os participantes estão, policiais militares e civis, policiais do Sistema Prisional, do Exército Brasileiro, Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal.  

A instrução que ensina o comportamento e as técnicas de emprego de cães em operações policiais segue até o dia 03 de dezembro. Atualmente, o canil da PMMT possui sete animais e quatro operadores para atuar em todo o Estado. 

Veja Também:  Quatro são flagrados com drones na PCE, trocam tiros e são presos

Serviço 

Aula inaugural do 4º Curso de Cinotecnia Policial do Bope 

Data: Segunda-feira (25.10) 

Horário: 9h 

Local: auditório da Controladoria Geral do Estado (CGE), Centro Político Administrativo, na Capital

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana