conecte-se conosco


Mulher

Não quero ter filhos: o que está por trás dessa decisão?

Publicados

em

Publicado pela Editora Nacional, obra de Bruna Maia esmiúça os aspectos sócio-patriarcais que envolvem o não desejo de ser mãe
FreePik

Publicado pela Editora Nacional, obra de Bruna Maia esmiúça os aspectos sócio-patriarcais que envolvem o não desejo de ser mãe

“Minha decisão de não ter filhos se mantém firme desde os 8 anos de idade”, relata Bruna Maia em seu livro Não quero ter filhos: e ninguém tem nada com isso, que será lançado pela Editora Nacional no próximo dia 23. A jornalista, escritora e cartunista busca, a partir de relatos de 19 mulheres e um homem trans, questionar aspectos religiosos, sociais, biológicos e culturais da história ocidental, mirando na universalização dos direitos reprodutivos para que mulheres possam escolher não ser mães (ou ser mães) de forma autônoma.

Em quase 300 páginas, Bruna Maia conecta diversos pensadores e pensadoras para explicar a construção da maternidade contemporânea. O desejo de ter filhos é inato? Ou apenas uma imposição social? Buscando fazer refletir sobre os motivos das mulheres quererem ser mães ou não, a autora mescla sua experiência com a de outras vinte pessoas, compondo um mosaico de razões individuais e coletivas.

Veja Também:  Horóscopo semanal: previsão dos signos de 16 a 22 de outubro de 2023

“Meu principal objetivo com esse livro é fazer com que mulheres que não querem ter filhos se sintam acolhidas, tenham um material com o qual elas possam se identificar, entender melhor a decisão delas, mostrando que elas não estão sozinhas. O livro também tem um propósito político importante de falar sobre justiça reprodutiva e da importância dos direitos reprodutivos para a sociedade, para as mulheres, para o feminismo”, diz Bruna Maia.

Não quero ter filhos: e ninguém tem nada com isso
Divulgação

Não quero ter filhos: e ninguém tem nada com isso

Sucesso na Internet, Bruna Maia possui mais de 80 mil seguidores e ganhou notoriedade ao compartilhar tuítes e quadrinhos de humor ácido (feitos por ela mesma), por meio dos quais fala de feminismo, liberdade sexual, relacionamentos, dramas geracionais, política e mais. No lançamento da Editora Nacional, a cartunista é responsável também pelas mais de 90 ilustrações presentes na obra.

“A justiça reprodutiva é um instrumento importante para a existência das mulheres e de todas as pessoas que podem gestar porque ela diz respeito a ter acesso às ferramentas que podem fazer com que elas sejam ou não mães, de forma livre de coerção, em condições dignas para isso”, explica Bruna sobre o livro.

Veja Também:  Deputados promovem debate sobre instalação do protocolo No Callem

A autora complementa dizendo que “falar em justiça reprodutiva é falar em um contexto muito amplo que tambem diz respeito à sociedade se responsabilizar pela criação das crianças e por disponibilizar meios para que mulheres possam tomar essa decisão de forma autônoma, o que inclui acesso a contraceptivos, educação sexual e aborto legal”.

A discussão presente em Não quero ter filhos: e ninguém tem nada com isso busca abranger diversos aspectos e é um convite que traz contexto histórico e provoca reflexão.

Saiba mais sobre moda, beleza e relacionamento. Confira as notícias do iG Delas!

Fonte: Mulher

Comentários Facebook
Propaganda

Mulher

Barbara Evans reclama da síndrome do segundo filho

Publicados

em

Barbara Evans reclama da síndrome do segundo filho
Reprodução/Instagram

Barbara Evans reclama da síndrome do segundo filho

A influencer Barbara Evans desabafou na manhã deste sábado (2) em suas redes sociais, dizendo que está passando pela crise do segundo filho e contou como está sendo difícil dividir a atenção entre os três filhos. Ela se questionou se está dando mais atenção a um do que ao outro. A influencer acaba chorando dizendo que está difícil.

Segundo Telma Abrahão, viomédica e especialista em Neurociência do Desenvolvimento Infantil, a chegada de um bebê em casa é sempre muito especial para toda a família, mas o início é desafiador, pois demanda tempo e bastante energia dos pais, porém quando se tem um filho mais velho, esse tempo pode ficar escasso, podendo gerar ciúmes e medo, fazendo com que a criança ache que pode perder o lugar no coração do papai e da mamãe.

“É importante que os pais procurem administrar o tempo da melhor forma, se dividindo e trabalhando em equipe, como por exemplo, enquanto a mãe está com o bebê, o pai tire um tempo para brincar com o mais velho ou até mesmo fique com o bebê para que a mãe consiga aproveitar um tempo com o outro. Caso tenha uma boa rede de apoio, tentar deixar o mais novo(a) por um tempinho com alguém e levar o mais novo para brincar em um parque, até mesmo em casa, além disso, incluir ele dentro da rotina com o irmão mais novo, sempre usando palavras positivas como, “vem ver como ele é pequeno” “nossa, como você está crescendo rápido. Que incrível” “vem aqui, vamos dar banho no bebê””, recomenda.



Fonte: Mulher

Comentários Facebook
Veja Também:  Vênus entra em Libra: saiba como aproveitar para o amor
Continue lendo

Mulher

Carecas e estilosas: confira 12 famosas que já rasparam o cabelo

Publicados

em

A atriz Bruna Linzmeyer está entre as famosas que já rasparam o cabelo
Reprodução/Instagram

A atriz Bruna Linzmeyer está entre as famosas que já rasparam o cabelo

Seja para um novo trabalho, ou até por livre e espontânea vontade, algumas celebridades radicalizaram o visual, ao aderirem ao cabelo raspado. Nomes como Bruna Linzmeyer, Agatha Moreira, Demi Lovato e Lupita Nyong’o estão entre as artistas que decidiram dar esse passo corajoso. Além de toda a praticidade, passar a máquina nos fios também se tornou um símbolo de estilo e empoderamento. Abaixo, nós listamos 12 famosas que já rasparam a cabeça e que podem servir de inspiração para quem deseja fazer o mesmo. Confira:

Agatha Moreira


Flor Gil


Maria Rita


Aline Wirley


Karol Conká


Bruna Linzmeyer


Demi Lovato


Doja Cat


Kristen Stewart


Lupita Nyong’o


Danai Gurira


Willow Smith


Saiba mais sobre moda, beleza e relacionamento. Confira as notícias do iG Delas!

Fonte: Mulher

Comentários Facebook
Veja Também:  Conquista do voto feminino no Brasil completa 90 anos nesta quinta
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana