conecte-se conosco


Mato Grosso

Novo Fórum de Várzea Grande: proximidade da inauguração gera expectativa no público interno

Publicados

em

Obra de grande importância para atender melhor a população, acomodar o público interno e dar agilidade aos procedimentos judiciais, a nova sede do Fórum de Várzea Grande já é considerada um marco no desenvolvimento da cidade, especialmente na região do Chapéu do Sol, onde está localizado. A inauguração ocorrerá no dia 1º de julho e a proximidade com a data tem gerado expectativa por parte de magistrados(as), servidores(as) e colaboradores(as).
 
De acordo com o juiz Luís Otávio pereira Marques, diretor do Foro da Comarca de Várzea Grande essa expectativa é grande, não somente por parte do público interno, mas de toda sociedade várzea-grandense. Isso porque a nova estrutura contará com espaços amplos, modernos e acessíveis. “Isso aumenta muito a expectativa de mudança para desenvolver os trabalhos no novo prédio do fórum. A metragem das secretarias, por exemplo, dobrarão de tamanho permitindo fluxo melhor de pessoas.”
 
Benefícios – O magistrado disse também que no espaço do novo fórum ficarão os Juizados Especiais de Várzea Grande e arquivo, o que vai gerar economia com o fim dos alugueis dos imóveis onde funcionavam, além de economizar com energia elétrica, que terá rede própria e energia solar, que em breve será implementada. “Não teremos mais essas despesas, mas sim um local unificado para atendimento ao público, seja da justiça comum ou juizados, onde a população poderá procurar os serviços do Judiciário.”
 
Priorização – A região do Chapéu do Sol já conta com iluminação pública, segurança com reforço do policiamento e linhas de ônibus para a população que precisará ir até o local. Desenvolvimento gerado para a região, que é resultado da priorização do Primeiro Grau. “A Administração do Tribunal de Justiça voltou os olhos para essa necessidade e conseguiu, efetivamente, priorizar onde havia necessidade de maior amplitude de trabalho. O antigo fórum, construído em 1984, já estava inadequado, mesmo com reformas pontuais não havia como permanecermos ali por mais tempo”, disse o juiz se referindo a enorme demanda recebida em virtude do crescimento do município.
 
Expectativa e realidade – É com esse mesmo pensamento, de que o atual prédio do fórum não comporta a realidade atual, que a servidora Carla T. F. Berto Luz, gestora do setor psicossocial também está na expectativa para a inauguração. “Várzea Grande é a segunda maior comarca do Estado e estávamos precisando de um espaço melhor. Agora chegou nossa vez e estamos todos ansiosos”, comenta.
 
O novo espaço onde são desenvolvidas as atividades do setor é mais amplo e preparado para receber o público externo. Em média, a equipe psicossocial atende cerca de 550 pessoas por mês. Psicólogos e assistentes sociais são responsáveis por fazerem os estudos determinados pelos juízes e juízas, realizar o depoimento sem dano e atendimento de alguma parte que necessite de acolhimento.
 
“São 11 equipes que a partir da inauguração terão uma estrutura melhor para atender adequadamente a população. Além de outras questões como um estacionamento amplo para servidores. Estamos esperançosos, os ambientes são maiores, mais claros. Teremos conforto para gente, para partes, teremos lanchonete interna que hoje não temos. São só melhorias! A nova sede do fórum vai ser um marco na nossa história, um divisor de águas, como estão falando”, finaliza Carla Luz.
 
Expediente – Devido à transferência de sistemas, transporte de móveis e equipamentos de informática para o novo prédio, não haverá atendimento presencial ao público externo até o dia 1º de julho. A contagem dos prazos processuais permanece inalterada, bem como os atos processuais passíveis de serem realizados.
 
ParaTodosVerem: essa matéria possui recursos de texto alternativo para promover a inclusão das pessoas com deficiência.
Imagem: arte colorida com a fachada do fórum de Varzea Grande. Na parte superior em fundo azul os dizeres: Av. Chapéu do Sol – Guarita II, Várzea Grande-MT. Na sequencia destaque a metragem da obra: 21.394 metros quadrados para atender você. Na parte inferior as frases: acessibilidade, comodidade, sistema de reutilização de água, sistema próprio de tratamento de esgoto e muito mais!
 
Leia abaixo matérias relacionadas:
 
 
 
Dani Cunha
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
 
 
 

Comentários Facebook
Veja Também:  Mapa suspende vacinação da febre aftosa em Mato Grosso a partir de novembro
Propaganda

Mato Grosso

Governo credencia instituições financeiras ao fundo de aval MT Garante; investimento é de R$ 100 milhões

Publicados

em

Por

O Governo de Mato Grosso credencia, nesta segunda-feira (27.06), as cinco instituições financeiras interessadas em operacionalizar linhas de crédito, por meio do Fundo de Aval Garantidor de Mato Grosso, o MT Garante. O investimento do governo no fundo é de R$ 100 milhões, beneficiando diretamente microempreendedores individuais, micro e pequenas empresas, pequenos e médios produtores rurais, cooperativas e economia solidária.

O ato de credenciamento será realizado na Sala Garcia Neto, no Palácio Paiaguás, às 15 horas, com o governador Mauro Mendes, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, e presidente da Desenvolve MT, Jair Marques, e as instituições financeiras Sicred, Sicoob, AL5, Unicred e Desenvolve MT.

MT Garante

O fundo de aval é vinculado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) garantindo crédito às operações de financiamento contratadas por meio da Desenvolve MT, cooperativas e demais instituições financeiras públicas e privadas. A expectativa é de que o afiançamento pelo governo possibilite R$ 1 bilhão em linhas de crédito, que vão beneficiar Microempresas Individuais (MEIs); Microempresas (ME); Empresas de Pequeno Porte (EPP); Pequenos e Médios Produtores.

Veja Também:  PM liberta reféns e frustra roubo de quatro veículos em Pontes e Lacerda

Com a formalização do investimento, o Governo viabiliza e reduz uma das maiores dificuldades enfrentadas pelos pequenos empresários, microempreendedores e produtores rurais, que buscam suporte financeiro para manter o próprio negócio, como exigências de garantias, taxas de juros elevadas e prazos curtos de pagamento, dentre outros empecilhos burocráticos. 

Serviço
Governo credencia cinco instituições financeiras ao MT Garante
Data e hora: segunda-feira (27.06), às 15h
Local: Sala Garcia Neto, Palácio Paiaguás, Cuiabá

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

“Apoio do Governo com o GNV é fundamental para mantermos o trabalho e sustento da família”, afirma motorista de aplicativo

Publicados

em

Por

O motorista de aplicativo Paulo Davi Vidal Silva, de 32 anos, precisou se reinventar para continuar trabalhando com o transporte de passageiros, na Região Metropolitana, devido a alta dos preços dos combustíveis. Com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec), por meio da Companhia Mato-grossense de Gás (MT Gás), Paulo e outros motoristas recorreram ao gás natural veicular (GNV), o que possibilitou continuar prestando o serviço aos seus clientes.

Há mais de dois anos, Paulo Davi presta serviço de transporte de passageiros por aplicativo. Ele gastava cerca de R$ 2.400 por mês com etanol e hoje em dia com o gás gasta R$ 1,5 mil.  Diante do aumento dos preços da gasolina e do etanol, ele e outros motoristas buscaram a Associação dos Motoristas por Aplicativos de Mato Grosso (AMA-MT) para obter informações da MT Gás e converter os automóveis de aplicativo para o uso do GNV.  

“Quando o álcool subiu, pensei em desistir de trabalhar como motorista de aplicativo. A gasolina já tinha subido e era inviável trabalhar, eu estava pagando para trabalhar, então conheci o GNV que chegou em um bom momento na minha vida. Com o apoio da AMA-MT e da MT Gás a gente continua trabalhando, sustentando nossas famílias, porque tivemos que nos reinventar e o gás natural veio como alívio no nosso bolso”, afirmou Paulo Davi.

Veja Também:  Estado insere DNA de 1.500 condenados por crimes hediondos em banco nacional

De acordo com o presidente da AMA-MT, Cleber Cardoso Silva, assim como Paulo Davi, outros motoristas de aplicativos associados, viram no gás natural veicular uma alternativa viável, mas ainda pouco conhecida, e que a equipe da MT Gás foi essencial para fazer a mudança dos veículos para o uso do GNV.

“Atualmente em Cuiabá e Várzea Grande temos mais de cinco mil motoristas cadastrados e 40% já aderiram ao uso do GNV. Esse gás natural veicular é fundamental em nossas vidas, é questão de sobrevivência. Muitos motoristas encontram motivação para seguir na profissão, é muita gente que estava pagando para trabalhar com alta do combustível e a MT Gás nos deu esse suporte com informações técnicas de como poderíamos fazer e nos passou confiança, de que essa mudança era necessária”, ressaltou o presidente da AMA-MT.

Além dos motoristas de aplicativo, o Governo de Mato Grosso, por meio da MT Gás, vem sendo um grande aliado dos empresários, alguns, proprietários de postos de combustíveis e oficinas mecânicas. O empresário em Cuiabá, Fábio Marques, é dono de posto de combustível, e já vem expandindo os negócios depois de aderir ao GNV. “Fico muito feliz em trabalhar com GNV, estou há um ano nesse mercado e me realizo a cada dia, primeiro com o ganho ambiental e, segundo, o plano econômico e os preços ajudando muito” afirmou o empresário.

Veja Também:  MTPrev abre agenda de aposentadoria para junho nesta sexta-feira (01.03)

O presidente da Companhia Mato-grossense de Gás, Rafael Reis, explica que o governo está garantindo o fornecimento de gás natural nos próximos anos no Estado. “Esse suporte da MT Gás vem abrindo possibilidades de novos mercados e para os motoristas de aplicativos e empresários investirem em novas unidades de postos e em oficinas de conversão. Isso contribui para geração de emprego, renda e qualidade de vida para essas pessoas, que confiam nessa nova alternativa como sendo mais viável e, principalmente, segura”, afirmou Rafael.

De acordo com a MT Gás, os maiores beneficiados com o retorno de fornecimento foram os motoristas de veículos, principalmente de aplicativos e taxistas. Indústrias estimam economia com o uso do Gás Natural de até 50%, em relação a outros combustíveis.

“O Governo do Estado envolvido nesta nova alternativa de combustível, abre novas portas para o desenvolvimento econômico e a MT Gás tem uma equipe técnica preparada para orientar e capacitar sobre o uso do GNV. Nós passamos credibilidade tanto para os empresários quanto para  os motoristas, que podem investir sem medo em tecnologia de abastecimento rápido, criação de novos postos, e investir em grandes oficinas, além disso o Governo possibilitou o preço de custo menor de todo país ajudando os motoristas de aplicativos”, disse o presidente da MT Gás.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana