conecte-se conosco


Policial

Operação cumpre oito ordens judiciais contra investigados por assassinato e ocultação de cadáver em VG

Publicados

em

A Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá (DHPP), deflagrou nesta segunda-feira, 20 de junho, mais uma etapa da Operação Comando da Lei, com cumprimento de oito mandados de prisão e de busca e apreensão contra investigados por um homicídio cometido a mando de organização criminosa.

Nesta investigação, o Núcleo de Repressão a Homicídios praticados por integrantes de organizações criminosas da DHPP apurou o assassinato de Enderson Júlio da Silva Leite, 23 anos, ocorrido no ano passado, em Várzea Grande.

O corpo foi localizado no dia 13 de maio de 2021, na região do bairro Formigueiro, já em estado de decomposição. Ele estava com mãos, pés e o pescoço atados. A vítima ficou desaparecida por mais de uma semana, depois de ser retirada de sua residência na tarde do dia 06 de maio, no residencial São Benedito, por um três pessoas que a obrigaram a acompanhá-las.

Familiares registraram o desaparecimento de Enderson no Núcleo de Pessoas Desaparecidas da DHPP e com a localização do corpo, as investigações passaram para o núcleo que apura crimes cometidos a mando de organizações criminosas.

Veja Também:  Alvo de investigação tem prisão cumprida por rompimento de tornozeleira

Conforme o inquérito conduzido pelo delegado Caio Fernando Albuquerque, os investigados – de 26, 31, 28 e 45 anos – respondem pelos crimes de homicídio qualificado, ocultação de cadáver e integração de organização criminosa. Além desses crimes, a equipe da DHPP apurou seis tentativas de homicídio praticadas pelo mesmo grupo.

A Operação Comando da Lei é realizada com o efetivo da DHPP de Cuiabá e apoio do Grupo de Operações Especiais (GOE) da Polícia Civil e do Centro Integrado de Operações Aéreas de Segurança Pública (Cioaper).

Detalhes sobre a investigação e atendimento à imprensa serão passados à imprensa às 9 horas desta 2ª feira, na DHPP de Cuiabá (Avenida tenente-coronel Duarte, próximo à Praça Ipiranga, Centro).

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

Policial

Ação integrada entre Polícia Militar de MT e GO prende casal foragido da Justiça

Publicados

em

Por

Um casal foragido da Justiça de Goiás foi preso nesta terça-feira (28.06), em uma propriedade rural, localizada no município de Cocalinho (873 km de Cuiabá). 

O mandado de prisão foi cumprido pela Polícia Militar de Mato Grosso, por meio do 16º Batalhão, com apoio do 7º Comando Regional da Polícia Militar de Goiás.

Segundo informações do boletim de ocorrência, os policiais de Goiás acionaram a Polícia Militar de Mato Grosso repassando informações de que os possíveis suspeitos estariam em uma zona rural do município. 

Diante das características do casal, sendo um homem de 31 anos e uma mulher, de 32, os policiais deram início às diligências na região e os suspeitos foram encontrados em uma fazenda a cerca de 30 quilômetros do perímetro urbano de Cocalinho. 

Os policiais então deram voz de prisão e os conduziram à delegacia para registro do boletim de ocorrência e demais providências que o caso requer. 

Disque-denúncia  

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.

Veja Também:  Operação cumpre mandados contra organização criminosa do DF envolvida com tráfico de cocaína

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Investigado por tentativa de homicídio é preso em flagrante pela Polícia Civil com arma e munições

Publicados

em

Por

Policiais civis de Diamantino cumpriram nesta quarta-feira (29.06) um mandado de busca e apreensão contra um dos envolvidos em um crime de homicídio doloso tentado e apreenderam uma arma de fogo e 12 munições. Um dos autores, de 48 anos, foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

O crime ocorreu no dia 23 de junho, quando uma das vítimas foi até o estabelecimento do suspeito, de 48 anos, cobrar por uma dívida da construção de uma casa e houve um desentendimento e discussão posterior. O dono do estabelecimento desferiu uma paulada na cabeça de uma vítima e seu filho golpeou a outra vítima com uma arma cortante, que causou graves ferimentos no pescoço, costas e no abdômen.

As vítimas foram socorridas ao pronto-atendimento de Diamantino.

O delegado Marcos Bruzzi instaurou inquérito para apurar o crime. Durante o cumprimento do mandado deferido pelo juízo da Vara Criminal foram feitas buscas no comércio e residência dos investigados onde foram apreendidos três aparelhos celulares e no forro do banheiro encontrados revólver calibre 38 municiado e mais sete munições intactas.

Veja Também:  Três adultos são presos por tortura e estupro de vulnerável contra criança de 11 anos no nordeste de MT

O delegado arbitrou fiança de 50 salários mínimos ao suspeito do crime de posse ilegal de arma de fogo. 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana