conecte-se conosco


Mulher

Pesquisa revela o que mulheres casadas buscam em aventuras extraconjugais

Publicados

em


source
Pesquisa mostra que mulheres que procuram amantes querem satisfação em primeiro lugar
Vitória Fernandes

Pesquisa mostra que mulheres que procuram amantes querem satisfação em primeiro lugar


O que leva uma pessoa a buscar uma relação fora do casamento? Embora ainda seja consideradas tabu, as relações extraconjugais estão relacionadas a algo muito simples: a busca pela satisfação sexual. É o que mostra a pesquisa realizada pela Ashley Madson, site de relacionamento voltado para pessoas casadas.

Segundo o levantamento realizado com 2.267 usuárias da plataforma, 21 de julho de 2021 e 28 de julho de 2021, 64% das mulheres se sentiram sexualmente negligenciadas em seu casamento, e 44% dizem que a falta de sexo interessante e frequente é o que as leva a trair. E esta negligência na cama pode servir de gatilho para as mulheres que estão em busca de satisfação sexual.


Leia Também


“Um equívoco comum é que as mulheres perdem o interesse pelo sexo mais rápido do que os homens em relacionamentos de longo prazo”, diz Isabella Mise, Diretora de Comunicações da Ashley Madison. “Isso não poderia ser menos verdadeiro. Agora, mais do que nunca, as mulheres não estão dispostas a sacrificar sua vida sexual pela monogamia. Se eles não estão encontrando satisfação em seu relacionamento principal, elas vão procurar fora.”

Sexo oral bem feito é diferencial

De acordo com a pesquisa, o sexo oral é um dos atos mais mencionados para definir se o parceiro é bom de cama e uma preferência entre as usuárias do site, que dizem procurar alguém que ‘mande bem’ com a boca e língua. Ao que parece, os maridos andam deixando a desejar nesta parte.

Entre as entrevistadas, apenas 23% das mulheres recebem sexo oral regularmente de seu parceiro principal, mas esse número sobe para 58% quando se trata de seu amante – e eles (os amantes) estão fazendo isso melhor. Enquanto 48% das mulheres consideram seu amante um especialista em sexo oral, ou pelo menos “muito bom”, apenas 31% dizem o mesmo sobre seu cônjuge.

Veja Também:  Conheça a personalidade do irmão de cada signo
Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Propaganda

Mulher

Tatuagem colorida em pele negra pode sim! Veja dicas de tatuadoras

Publicados

em


source
tatuagem em pele negra
Reprodução/Instagram

tatuagem em pele negra





Muitas pessoas ainda hoje são julgadas negativamente pelo uso de tatuagens. Da mesma forma, o mito de que a tatuagem colorida não pode ser feita em pele negra também é uma forma de discriminação , de acordo Karoline Portela, mais conhecida como Kalibre e especialista em tatuagem para pele negra. 

“Esse mito foi construído a partir da colonização, já que a tatuagem no Brasil surgiu através dos marinheiros, que trouxeram uma forma tradicional de tatuagem americana, por meio de pigmentos fortes e coloridos ”, explica. 


A especialista comenta que antigamente os tons variados de pigmentos eram extraídos da própria natureza. A escama de peixes e bicos de patos eram usados como instrumentos pelos egípcios e outras culturas nativas não brancas para realizar suas tatuagens e piercings com vários significados. 

Veja Também:  Memorial para Gabby Petito será realizado neste domingo

Portela explica que no mundo há diversos tons de pele negra com várias possibilidades de pigmentos. A melanina, mais presente em pessoas negras, segundo ela, é uma proteína poderosa que por si só já promove a coloração e proteção. Desta forma, nem todas as cores de pigmentos podem ser exploradas na pele negra, necessitando cuidado. 

“Com o crescimento do mercado da tatuagem, conseguimos ter acesso aos pigmentos e materiais cada vez melhores, possibilitando assim, uma variação ainda maior de pigmentos e equipamentos que possibilitam uma exploração maior”, declara. 

Cuidados na pele negra

tattoo colorida
Rprodução Instagram

tattoo colorida


Aline Monteiro, outra tatuadora negra, explica que quando se aplica a tinta colorida ou preta através da tatuagem na pele, a melanina com o passar do tempo vai se misturar com a tinta e fazer com que a cor fique mais escura.

“Eu sou negra em um tom mais retinto de pele e tenho uma tattoo onde apliquei a cor amarela. No momento da aplicação ela ficou exatamente na cor da embalagem da tinta, porém com o passar do tempo ela foi ficando alaranjada, pois minha melanina se misturou com a tinta”, comenta. 

Desta forma, a profissional sinaliza que o que deve ser feito é usar cores que favoreçam o tom da pele negra, tais como vermelho, verde e azul. Quanto mais retinta for a pele negra, significa mais melanina que a torna mais pigmentada.  

Veja Também:  "Estou profundamente preocupada com as mulheres", diz Malala sobre Talebã ter assumido o Afeganistão

Ela enfatiza que não existe pigmento específico para pele negra, mas existem tatuadores que fazem questão de dar uma atenção maior para  esta cor de pele: a  aplicação correta e a orientação do tatuador é essencial. A tatuadora ainda comenta que, infelizmente, nem todos tatuadores dão essa atenção, fazendo com que muitos clientes negros cheguem em sua sala de atendimento cheios de receios com as tatuagens coloridas.

Monteiro finaliza salientando ainda que a pele negra também é muito sensível, então procurar um profissional que tenha cuidado com esse tipo de pele é essencial para não desenvolver queloides no local.

Já Kalibre finaliza que a tatuagem em pele negra é algo ainda pouco explorado no Brasil e, desde 2013, ela vem estudando e quebrando tabus referente a pigmentação na pele negra. Uma das suas formas é trazer como horizonte a cultura afro-brasileira e indígena para os seus trabalhos. “Os espaços que aceitam meu tipo de trabalho ainda é minoria, mas com minha caminhada, minha existência, tenho feito valer minha presença e meus estudos”, finaliza.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Segunda Sem Carne: 5 pratos com abobrinha para se surpreender

Publicados

em


source
Segunda Sem Carne: 5 pratos com abobrinha para se surpreender
Reprodução: Alto Astral

Segunda Sem Carne: 5 pratos com abobrinha para se surpreender

Segunda-feira sem carne? Sim! Esse dia da semana é popularmente conhecido como o dia de cultivar novos hábitos, por isso deu nome ao movimento #SegundaSemCarne, uma iniciativa da Sociedade Brasileira Vegetariana (SVB) em prol dos animais, pessoas e planeta. Assim, basta tirar as carnes do cardápio durante um dia para contribuir com a causa. Fácil, né?!

Se você está iniciando sua jornada no vegetarianismo ou mesmo buscando novas receitas, confira essa sugestão super especial do Alto Astral: 5 pratos com abobrinha para se surpreender! Descubra a versatilidade desse legume e experimente seu sabor em refeições deliciosas e do bem!

Torta de abobrinha

Reprodução / Guia da Cozinha

Tempo : 35min Rendimento : 5 porções Dificuldade : fácil

Ingredientes

  • 3 abobrinhas raladas
  • 1 cenoura ralada
  • 1/2 cebola picada
  • 1 tomate picado
  • 1/2 xícara (chá) de cheiro-verde picado
  • 1/2 xícara (chá) de farinha de arroz
  • 2/3 de xícara (chá) de leite
  • 1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado
  • 1 colher (café) de fermento em pó químico
  • 3 ovos
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • Farinha de trigo e margarina para enfarinhar
  • Tomate-cereja e queijo parmesão para decorar

Modo de preparo

Em uma tigela, coloque a abobrinha, a cenoura, a cebola, o tomate, o cheiro-verde, a farinha, o leite, o parmesão, os ovos, sal e pimenta e misture bem. Transfira para um refratário untado e enfarinhado, decore com tomate e parmesão, e leve ao forno médio, preaquecido, por 25 minutos ou até firmar e dourar levemente. Retire, deixe amornar e sirva.

Veja Também:  "Estou profundamente preocupada com as mulheres", diz Malala sobre Talebã ter assumido o Afeganistão

Salada de abobrinha com nozes, damasco e hortelã

Reprodução / Guia da Cozinha

Tempo: 15min Rendimento: 6 porções Dificuldade: fácil

Ingredientes

  • 8 folhas de alface-roxa, de preferência orgânica
  • 2 maços de radicchio, de preferência orgânico
  • 2 abobrinhas cortadas em tiras, de preferência orgânicas
  • 1 xícara (chá) de nozes picadas
  • 1/2 xícara (chá) de damasco picado
  • 1/4 de xícara (chá) de hortelã picada
  • 1/4 de xícara (chá) de suco de limão
  • 1 colher (chá) de pimenta-do-reino moída
  • Azeite de oliva extravirgem a gosto
  • Sal marinho a gosto

Modo de preparo

Em uma saladeira grande, coloque as folhas de alface-roxa e o radicchio, por cima ponha a abobrinha em tiras, adicione as nozes, o damasco, a hortelã, o suco de limão e a pimenta. Acrescente azeite e sal a gosto. Sirva em seguida.

Farofa de abobrinha

Reprodução / Guia da Cozinha

Tempo: 30min Rendimento: 6 porções Dificuldade: fácil

Ingredientes

  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • 1 xícara (chá) de abobrinha ralada
  • 1 tomate sem pele e sem sementes picado
  • 2 xícaras (chá) de farinha de milho
  • 1/2 xícara (chá) de azeitonas verdes picadas
  • 1/2 xícara (chá) de queijo parmesão ralado
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • 2 ovos cozidos picados
  • Cheiro-verde picado para polvilhar

Modo de preparo

Em uma frigideira, em fogo médio, aqueça a manteiga e refogue a abobrinha por cerca de 3 minutos. Adicione o tomate, a farinha de milho e refogue por 5 minutos. Acrescente as azeitonas, o queijo parmesão, sal, pimenta, os ovos cozidos e desligue o fogo. Polvilhe com cheiro-verde e sirva.

Veja Também:  Memorial para Gabby Petito será realizado neste domingo

Omelete de forno com abobrinha

Reprodução / Guia da Cozinha

Tempo: 50min Rendimento: 5 porções Dificuldade: fácil

Ingredientes

  • 4 colheres (sopa) de azeite
  • 2 cebolas em rodelas
  • 2 abobrinhas em rodelas finas
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • 6 ovos
  • 4 colheres (sopa) de farinha de trigo
  • 1 colher (café) de fermento em pó
  • 1 xícara (chá) de queijo emmenthal picado
  • 1 xícara (chá) de castanha-do-pará picada
  • 1/2 xícara (chá) de manjericão picado
  • Azeite para untar

Modo de preparo

Aqueça uma frigideira com o azeite, em fogo médio e frite a cebola e a abobrinha temperada com sal e pimenta até murchar. Desligue e deixe esfriar. Em uma tigela, bata os ovos até dobrar de volume. Adicione a farinha, o fermento, o queijo, a castanha e o manjericão, tempere com sal e misture. Em um refratário untado, faça camadas de abobrinha refogada e de mistura de ovos até acabarem os ingredientes, terminando em mistura de ovos. Leve ao forno médio, preaquecido, por 20 minutos ou até firmar e dourar.

Crepioca de abobrinha

Reprodução / Guia da Cozinha

Rendimento : 1 porção Tempo de preparo: 10min Dificuldade : Fácil

Ingredientes

  • 1 ovo
  • 2 colheres (sopa) de tapioca
  • 1/2 xícara (chá) de abobrinha ralada
  • Sal a gosto
  • Manteiga para untar

Recheio

  • 100g de queijo branco em cubos
  • 1/2 tomate picado
  • Orégano a gosto

Em uma tigela, misture o ovo, a tapioca, a abobrinha e sal. Aqueça uma frigideira antiaderente untada com óleo em fogo médio e despeje a mistura de tapioca. Cozinhe até firmar. Coloque o queijo, o tomate e o orégano e dobre ao meio. Sirva.

Receitas: Guia da Cozinha

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana