conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil deflagra operação para prisão de 27 integrantes de célula de facção em Campo Verde

Publicados

em

Assessoria | PJC-MT

Vinte e sete integrantes de uma facção criminosa suspeita de crimes de homicídios, tráfico de drogas, roubos e furtos, e organização criminosa, são alvos da operação “Lama Vermelha”, deflagrada nas primeiras horas desta quinta-feira (21), na cidade de Campo Verde (131 km  ao Sul), pela Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso.

O grupo criminoso detinha o monopólio da venda de drogas no município, as chamadas  biqueiras ou bocas de fumo, e cobrava mensalidade aos seus membros faccionados.

Para a operação foram expedidos 54 mandados judiciais, sendo 27 prisões temporárias e 27 buscas e apreensão domiciliar. Do total de mandados de prisão, 18 foram expedidos para cumprimento em Campo Verde (área urbana e rural) e 9 em outras cidades sendo elas: Cuiabá (1 na Penitenciária Central do Estado), Chapada dos Guimarães (2), Rondonópolis (3 presos e 1 solto) e Barra do Garças (1).

Oito criminosos serão notificados dos mandados de prisão dentro de unidades prisionais desses municípios.  “A maioria dos líderes estão presos. Todos terão mandados de prisão cumpridos dentro das cadeias”, disse o delegado de Campo Verde, Mário Santiago.

Veja Também:  Polícia Militar recupera caminhonete, caminhão e motocicleta roubados em Cuiabá, Sinop e Porto Estrela

Os mandados são cumpridos por equipes de 96 policiais – entre delegados, investigadores e escrivães -, policiais militares e policiais rodoviários federais. A ação tem o apoio no patrulhamento aéreo do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPaer) e ainda do Canil da PRF.

A investigação iniciou em outubro de 2018, após descoberta de uma grande célula da facção criminosa, que estava agindo a mando de lideranças presas em unidades prisionais do Estado de Mato Grosso.

“Foi possível identificar mais de 30 integrantes da facção, sendo também identificado o organograma hierárquico da organização criminosa local”, explicou o delegado de Campo Verde, Mário Santiago.

O delegado Joaquim Leitão Junior, foi quem iniciou a investigação no período que respondeu pela Delegacia de Campo Verde. Ele contou que a célula criminosa de Campo Verde está dividida em posições hierárquica seguindo o estatuto da facção criminosa, cada um executando atividades específicas em benefício do funcionamento da organização.

Os “conselheiros” são as liderança local, seguido dos “disciplinas” (membros responsáveis por aplicar sanções àqueles que descumprissem o estatuto), os espelhos (substitutos legais) e na base estão os soldados e colaboradores, aqueles que executam os crimes diretamente.

Veja Também:  Ação integrada fecha ponto de venda de entorpecentes em Cáceres

A organização crminosa para assegurar seu terrítório teria cometido ao menos 4 homicídios.

 

Comentários Facebook
Propaganda

Barra do Bugres e Região

Forças de segurança apreendem 450 kg de droga e aeronave utilizada para tráfico em Arenápolis 

Publicados

em

O entorpecente estava escondido em um canavial; ninguém foi preso

Hérica Teixeira | Sesp-MT – Foto por: Gefron-MT

Ação conjunta das forças de segurança estadual e federal apreenderam, neste domingo (14.03), no município de Arenápolis (234 km de Cuiabá), uma aeronave carregada com 450 quilos de cloridato de cocaína. O prejuízo estimado ao crime com esta apreensão é de R$ 15 milhões. Ninguém foi preso. 

Conforme a ocorrência, a Polícia Militar de Denise (206 km de Cuiabá) recebeu uma denúncia e, então, se deslocou até a pista de voo de uma fazenda no município vizinho, Arenápolis, onde se deparou com um veículo. Com a chegada da polícia, no entanto, os ocupantes conseguiram fugir, abandonando o carro na região de um canavial.

Também no local, a polícia encontrou a aeronave, que estava vazia. Contudo, durante buscas pelo canavial, foram localizados 11 sacos grandes carregados de drogas.

Participaram da ação o Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron-MT), a Polícia Militar de Tangará da Serra e a Polícia Federal. As equipes continuam as buscas para localizar os suspeitos.

Fonte: Assessoria

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres – MT 

Comentários Facebook
Veja Também:  Estudante é preso por comércio de super maconha na capital
Continue lendo

Policial

Jovem é sequestrado, torturado e morto em Nova Olímpia

Publicados

em

Crime aconteceu em Nova Olímpia

O adolescente, Kawan Bruno Oliveira Silva, de 17 anos, foi encontrado morto após ser sequestrado junto com um amigo, de 19. Os dois foram torturados, na madrugada de domingo, 07, em Nova Olímpia. Horas depois, corpo de Kawan foi encontrado com marcas de tiros no Campo do Epitácio. Já a outra vítima conseguiu fugir e um dos suspeitos de praticar o crime foi preso.

De acordo com o boletim de ocorrência, o sobrevivente contou que o amigo recebeu a ligação de uma pessoa com nome de sogrinha ou T2, o convidando para consumir droga. Os dois foram até o local combinado e, quando chegaram, encontraram uma motocicleta e um veículo os esperando.

Quatro pessoas estavam no local. Eles foram rendidos, colocados no porta malas do carro e levados para um barracão abandonado. Lá, foram amarrados, torturados e agredidos com pedaços de madeira, fios e cordas.

Já na madrugada, foram levados para o campo. No local, ficaram de joelhos e um dos suspeitos efetuou vários disparos contra Kawan. Já ele, aproveitou da distração dos criminosos e conseguiu fugir, pedindo ajuda logo em seguida.

A vítima deu a entrada em uma unidade de saúde. E, por volta das 4h, a Polícia Militar foi acionada por populares relatando que o corpo de Kawan foi encontrado abandonado no campo. Enquanto o local era isolado, eles foram informados que um rapaz deu entrada no hospital da cidade, vítima do mesmo caso.

Com Barbara Sá/RD News

 

Veja Também:  Ação integrada fecha ponto de venda de entorpecentes em Cáceres

Barra News – A sua fonte diária de informação – Barra do Bugres MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

"2021" QUAIS SÃO AS SUAS EXPECTATIVAS PARA ESTE ANO QUE SE INICIA

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana