conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil identifica suspeitos e apreende armas de fogo em investigação de homicídio contra mulher em Comodoro

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Os autores do bárbaro homicídio que vitimou uma mulher em Comodoro (644 km a oeste de Cuiabá) foram identificados e duas armas de fogo foram apreendidas pela Polícia Civil, na sexta-feira (30.07), durante diligências para apuração do crime.

Entre os envolvidos está um casal, formado por uma mulher de 31 anos e um menor de 16, apontados como autores da execução da vítima. Um segundo casal teria presenciado os fatos, não interferindo na ação dos executores.

O homicídio que vitimou Lázara Izabel Souza da Silva, de 35, ocorreu na quinta-feira (29), ocasião em que a vítima foi com a tia buscar garrafas pet na residência vizinha. Havia dois casais na casa, e a tia decidiu ficar no local, onde ficou ingerindo bebida alcoólica com a suspeita e o marido dela.

Em determinado momento o casal entrou para a casa, ocasião em o suspeito saiu com uma arma de fogo atirando contra a vítima, que saiu correndo, porém foi alcançada pelo casal. Vendo que a vítima ainda estava com vida, a suspeita a esfaqueou, assim como o marido dela deu várias coronhadas na cabeça da vitima.

Veja Também:  Polícia Civil destrói 1,4 toneladas de entorpecentes em quarta incineração realizada no ano em Cuiabá

O outro casal não se envolveu na situação, porém ficou o tempo todo observando com uma espingarda calibre 28. Após o crime, os dois casais esconderam as armas e fugiram do local.  A vítima foi socorrida, porém não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã de sexta-feira (30).

Assim que foi acionada do crime, a equipe da Polícia Civil foi até o local, onde localizaram uma das armas escondida na mata. Em continuidade as diligencias, os policiais localizaram o casal, dono da residência. Questionados sobre a outra arma, eles confessaram que também estava escondida na região de mata próxima a casa.

O suspeito apontado como dono da arma, de apenas 18 anos, e casado com um menor de 15, foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e liberado após pagamento de fiança. O menor que atirou contra a vítima se apresentou na Delegacia na presença de advogado na sexta-feira (30), sendo ouvido e liberado.

A companheira dele, suspeita de esfaquear a vítima, continua foragida. Segundo as informações, o crime foi motivado por uma briga ocorrida em um bar no ano de 2018, ocasião em que a vítima o irmão da suspeita (casada com o menor).

Veja Também:  Polícia Civil cumpre buscas e prende fiscal por suspeita de comércio irregular de terrenos em Peixoto de Azevedo

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

Policial

Policiais civis recuperam televisor furtado e idoso responderá por receptação

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

A equipe de investigação da Delegacia de Pontes e Lacerda (440 km a oeste de Cuiabá) recuperou nesta terça-feira (28) uma televisão furtada de uma residência e um idoso, de 66 anos, responderá pelo crime de receptação.

Os policiais receberam informações de que o aparelho poderia estar em uma residência no bairro Vila Guaporé. No local, o homem foi questionado sobre o televisor de 43 polegadas e disse que havia comprado recentemente o eletroeletrônico e que o negociou por meio de penhor no valor de R$ 200,00.

Ele foi conduzido à Delegacia da Polícia Civil, onde foi interrogado e vai responder por receptação.

O furto do aparelho ocorreu no dia 10 de setembro. A vítima informou que estava deitada, quando ouviu um barulho na porta da frente se abrindo, e ao checar notou que a televisão não estava mais no móvel da sala.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Veja Também:  Polícia Civil prende em Aripuanã segundo envolvido no crime de homicídio e tentativa de homicídio
Continue lendo

Policial

Polícia Civil recupera carga de semente de soja desviada de uma empresa do Paraná

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

Uma carga de semente de soja desviada pelo motorista de uma empresa transportadora foi recuperada pela Polícia Civil, nesta terça-feira (28.09), no município de Diamantino (208 km a médio norte de Cuiabá). Um homem de 30 anos foi preso em flagrante por receptação.

As diligências iniciaram na segunda-feira (27), após os proprietários do carregamento que são do Estado do Paraná, procurarem a Delegacia de Polícia de Diamantino e comunicarem os fatos.

Conforme narrativa no dia 19 de setembro houve um acidente de trânsito com o caminhão carregado com aproximadamente 36 bags de mil quilos cada de sementes de soja, vindo parte da carga a cair na Rodovia.

Na ocasião o motorista de 53 anos do caminhão fez um boletim de ocorrência, alegando que a carga havia sido toda saqueada por populares que assavam no momento do acidente. No entanto, ocorreu o saque das sementes de soja, mas em pouco quantidade.

Logo que informada sobre o acidente, a empresa dona da carga enviou funcionários no local para recuperar as sementes. Entretanto, nesse meio tempo, o motorista vendeu a carga que ficou em cima do caminhão para duas pessoas da cidade de Diamantino.

Veja Também:  Foragido de Guarantã do Norte e companheira são presos por tráfico de drogas em Matupá

De acordo com as investigações, essas duas pessoas estavam tentando vender o carregamento, fato esse que chegou ao conhecimento dos proprietários, os quais atuam no ramo de soja e carga.

Durante as diligências o suspeito de 30 anos que havia adquirido as sementes de soja do motorista do caminhão, bem como sabia que se tratava de uma carga desviada foi localizado. O segundo envolvido ao tomar conhecimento da ação da Polícia Civil desapareceu.

Em seguida os policiais civis conseguiram recuperar a quantia de 18 bags de semente de soja, que estavam armazenados parte em uma empresa de autopeças no bairro Novo Diamantino e outra parte em uma propriedade rural na região.

Diante do flagrante o suspeito de 30 anos foi encaminhado até a Delegacia de Polícia, interrogado e preso crime de receptação. Após interrogatório do conduzido, foi arbitrada fiança no valor de 20 salários-mínimos, ate o momento não pago pelo autuado.

Já o segundo investigado no caso, de 34 anos, se apresentou na unidade policial, porém por não estar em situação de flagrante, responderá ao inquérito em liberdade, juntamente com o motorista do caminhão.

Veja Também:  Polícia Civil prende em Aripuanã segundo envolvido no crime de homicídio e tentativa de homicídio

De acordo com o delegado Gilson Silveira do Carmo, a Polícia Civil de Diamantino tem intensificado as investigações e vem mapeando as questões que envolvem desvio de soja e roubo de gado na região.

“A Delegacia de Polícia está preparada e prontas para esclarecer e prender os autores desse tipo de natureza criminal”, destacou Gilson Silveira.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana