conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil prende em flagrante duas pessoas que comercializavam computadores furtados do Estado

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Combate à Corrupção (Deccor), prendeu em flagrante nesta sexta-feira (10.09) duas pessoas pelo crime de receptação de produtos furtados de um órgão público estadual.

A delegacia foi acionada pela atual gestão do Ganha Tempo, administrado pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão que constatou, durante levantamento patrimonial de rotina, a falta de equipamentos informáticos da unidade da Praça Ipiranga e que poderia haver participação de funcionários do local. 

Durante diligências, as equipes de investigação da Deccor apuraram que uma atendente da unidade estava anunciando em rede social a venda de computadores idênticos aos furtados da unidade do Ganha Tempo.

Os investigadores localizaram uma loja de assistência e venda de equipamentos de informática, onde foram apreendidos dois computadores subtraídos do Ganha Tempo. O proprietário do local foi preso em flagrante por receptação. Durante interrogatório, o suspeito confirmou que adquiriu três equipamentos da atendente e os colocou à venda. Os três foram recuperados pela Polícia Civil. 

Veja Também:  MT registra reduções de roubos e furtos e nenhum homicídio

Em continuidade às diligências, a equipe da delegacia especializada localizou a servidora do Ganha Tempo, que confirmou a venda dos computadores ao receptador e disse que guardou um deles na residência da mãe dela.

Depois de apreender o aparelho com a atendente, os policiais deram voz de prisão à funcionária, que foi também encaminhada à delegacia. Em depoimento, ela declarou que havia ‘ganhado’ cinco  computadores (CPU, teclado, mouse e monitor) de um ex-funcionário do Ganha Tempo, que subtraiu os equipamentos do local. A moça disse ainda que anunciava a venda em páginas pessoais e comerciais na internet.

Subtração 

Os policiais da Deccor localizaram o ex-funcionário do Ganha Tempo que, em oitiva na delegacia, confessou o furto de 10 computadores da unidade da Praça Ipiranga, há mais ou menos dois meses. Ele declarou ainda que entregou cinco deles à atendente e vendeu outros cinco para uma pessoa em Várzea Grande. 

A pessoa que comprou os equipamentos em Várzea Grande compareceu espontaneamente na unidade policial e confirmou a compra do ex-funcionário do Ganha Tempo, tendo revendido os computadores em sua loja de assistência técnica. Um dos equipamentos foi recuperado.

Veja Também:  Rotam prende suspeitos com droga e R$ 30 mil oriundo de golpes na internet

Diante das informações apuradas pelas equipes da Deccor, o delegado Cláudio Álvares Sant’Ana autuou a atendente e o comerciante preso com dois computadores pelo crime de receptação qualificada. Ambos foram presos em flagrante porque ocultaram ou mantiveram consigo para venda em proveito próprio produto que sabiam ser obtido de forma ilegal.

O ex-funcionário do Ganha Tempo, responsável pelo furto dos equipamentos enquanto exercia atividades no órgão estadual, vai responder pelo crime de peculato. “Sendo o peculato um crime instantâneo, que consumou-se no momento da subtração, não há situação de flagrante, devendo o mesmo responder criminalmente ao logo das investigações”, explicou o delegado.

As investigações prosseguirão na Deccor, unidade responsável por apurar delitos de corrupção  cometidos contra a administração pública, para apurar se há possível envolvimento de outras pessoas.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

Policial

Polícia Civil recupera objetos roubados em Goiás e prende receptador em Alto Araguaia

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Diversos objetos roubados no estado de Goiás foram recuperados pela Polícia Civil de Mato Grosso, na quinta-feira (17.09), em diligências realizadas pelos policiais da Delegacia de Alto Araguaia (415 km ao sul de Cuiabá). Um homem foi preso em flagrante pelo crime de receptação.

As investigações iniciaram na noite de quarta-feira (15), quando policiais da Delegacia de Alto Araguaia receberam informações sobre um desentendimento, cujos envolvidos eram integrantes de uma facção criminosa.

A discussão ocorreu em razão de objetos roubados no dia 03 de setembro, na cidade de Santa Rita do Araguaia (GO), e que estavam guardados em uma casa em Alto Araguaia.

Na ocasião, vários criminosos invadiram uma casa e mantiveram uma mulher sobre a mira de uma arma de fogo, por mais de doze horas. Na ocasião, além de diversos objetos foi subtraída uma caminhonete Toyota Hilux.

Logo após identificarem a residência, os policiais realizaram a abordagem conseguindo recuperar um cofre, vários documentos de imóveis, um carregador de pistola calibre 380, um aparelho X-box. Um homem que estava na casa foi conduzido à Delegacia de Alto Araguaia, e após ser interrogado, foi autuado em flagrante pelo crime de receptação.

Veja Também:  MT registra reduções de roubos e furtos e nenhum homicídio

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Dirigentes do Sicredi vão a Sesp agradecer empenho no combate ao Novo Cangaço

Publicados

em


Débora Siqueira | Sesp-MT

O secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, recebeu o presidente da Central Sicredi Centro Norte, João Spenthof, e o presidente da Sicredi Univales, Juarez Cividini, que parabenizaram os órgãos de segurança pública pelo trabalho de combate ao crime do Novo Cangaço, em Nova Bandeirantes, no dia 04 de junho. O delegado geral da Polícia Judiciária Civil, Mário Dermeval, e o comandante-geral adjunto da Polícia Militar, coronel Daniel Alvarenga, também participaram da reunião realizada nesta sexta-feira (17.09), na Sesp.

Em nome do sistema cooperativo, eles entregaram ao secretário uma carta em agradecimento ao trabalho desempenhado.  “Viemos conhecer o secretário e agradecer pelo trabalho que fizeram na região Noroeste, em Nova Bandeirantes, ficamos felizes pelo trabalho e pela segurança que deram a região. Parabéns mesmo a toda a equipe da Segurança Pública”, destacou o presidente da Sicredi Univales, que tem sede em Juína.

Para o presidente da Central Sicredi Centro Norte, João Spenthof, a força-tarefa montada para combater o crime de Novo Cangaço em Nova Bandeirantes trouxe resultados excelentes, movimentou um efetivo grande e um trabalho de inteligência e demonstrou grande comprometimento por parte do Estado em solucionar o crime.

Veja Também:  Batalhão Ambiental embarga área após flagrar crime ambiental no Rio São Francisco

“Estamos trazendo o nosso reconhecimento a Segurança Pública de Mato Grosso. Foi um trabalho de comprometimento, proporcionando segurança para as instituições financeiras, cooperativas de crédito e para a sociedade. Isso traz uma confiança grande ao setor público, afinal todos pagam impostos e querem ter esse tipo de clima de segurança para viver bem e para investir no Estado”.

O secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, disse que o reconhecimento por parte da Sicredi demonstra o trabalho de qualidade que está sendo desenvolvido e que a segurança tem melhorado cada vez mais para que os cidadãos tenham o retorno dos impostos pagos, o que é uma determinação do governador Mauro Mendes.

“O caso de Nova Bandeirantes demonstra que os investimentos feitos pelo Estado em Segurança Pública têm dado retorno e mais investimentos serão realizados no setor neste ano e no próximo”, comentou.

Investigações continuam

Apesar de terem chegado a alguns envolvidos no crime do Novo Cangaço em Mato Grosso, as investigações sobre o crime ainda continuam. “Há ainda os tentáculos e já estão sendo identificados, as providências estão sendo tomadas e vamos desmantelar a quadrilha toda”, destacou o delegado geral da PJC, Mário Dermeval.

Veja Também:  Delegado Rogério Gualda se aposenta com a sensação de dever cumprido

Os assaltantes invadiram as agências do Sicoob e Sicredi no dia 04 de junho, em Nova Bandeirantes. Os policiais passaram 58 dias em campo na busca pelos criminosos.

“Graças ao empenho de todos nossos policiais militares, temos prestado serviço diuturno em todos os municípios nessa questão de rondas, prevenção e repressão aos ilícitos caso venham a ocorrer”. 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA ATÉ O MOMENTO A GESTÃO DR. DIVINO PREFEITO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana