conecte-se conosco


Policial

PRF retira de circulação 80,5 toneladas de excesso de peso

Publicados

em

Duas carretas transitavam com 11 toneladas de excesso cada uma e uma delas ainda transportava madeira ilegal

Durante o fim de semana, sete veículos de carga foram flagrados com excesso de peso e acabaram retidos pela PRF (Polícia Rodoviária Federal). No total, 80,5 toneladas de excesso foram retiradas de circulação nas rodovias do Estado.

Um dos casos aconteceu na Unidade Operacional de Rondonópolis/MT, na BR 364, no sábado (23). Um rodotrem, com placas de Urânia/SP, foi flagrado transportando 11,4 toneladas de excesso de peso, além disso, parte da madeira era ilegal.

Os policiais realizavam ações da Operação Safra quando abordaram o veículo conduzido por R. M. A., 34 anos. O motorista apresentou os documentos para o transporte de 55,1 m³ de madeiras serrada da espécie florestal Cariniana Micrantha/Tauari vermelho, no perfil tábua. No entanto, a medição da carga mensurou aproximadamente 75 m³ da madeira, sendo 20m³ sem documentação.

Na verificação da pesagem da carga, a equipe constatou que o veículo, com capacidade para 74 toneladas de carga, transportava 89,1 toneladas. Devido ao desconto de 5% na balança, o excesso constatado foi de 11,4 toneladas.

Veja Também:  Em 24 horas, PM recupera três veículos e prende suspeitos por roubo na Região Metropolitana

O veículo e carga foram encaminhados ao pátio da Semma (Secretaria Municipal de Meio Ambiente) de Rondonópolis, que fará a conferência da medição. O motorista assinou termo de compromisso para comparecer em juízo e foi liberado. Ele responderá conforme a Lei de Crimes Ambientais, assim como a transportadora e a madeireira que forneceu o produto e a documentação.

Outro episódio que chama aconteceu no sábado na BR 163, em Nova Santa Helena. Um bitrem transportava 88,9 toneladas de toras de madeira, sendo que tem capacidade para 74 toneladas. A documentação da madeira neste caso estava de acordo com o material transportado. O veículo precisou apenas fazer o transbordo do excesso, foi autuado e liberado.

Texto: Neocleciana Gonçalves (NUCOM PRF MT)
(Reprodução mediante citação: Agência PRF)

Confira o vídeo da ação

Comentários Facebook
Propaganda

Policial

Polícia Civil apreende duas armas de fogo, várias munições e prende um suspeito em Cáceres

Publicados

em

Por

Policiais civis, da 1ª Delegacia de Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá), apreenderam duas armas de fogo e diversas munições, na manhã desta segunda-feira (04.07), durante averiguação de denúncia anônima.

Uma das armas apreendidas é uma pistola Taurus de calibre .40, furtada de um policial civil em Cuiabá.

Um suspeito, de 36 anos, foi autuado em flagrante pelos crimes de posse irregular de arma de fogo de uso permitido e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito ou proibido.

Após receber informações sobre um sítio localizado próximo a região conhecida como “Chapadinha”, em Cáceres, onde estariam escondidos integrantes de facção criminosa, a equipe passou a monitorar o local.

Durante o trabalho de campana, foi verificada movimentação intensa de pessoas no endereço, razão pela qual na manhã desta segunda-feira (04) os policiais civis se aproximaram da propriedade.

Ao serem recebidos, o morador autorizou a entrada na residência e, nas buscas, foi localizada uma pistola Taurus modelo 840 e oito munições,  além de uma espingarda de calibre 22, com munições.

Veja Também:  PM recupera carga de seoja avaliada em R$ 150 mil e apreende carreta com sinais de adulteração

Em checagem, foi constatado que a pistola era produto de furto ocorrido em Cuiabá, tendo como vítima um policial civil. 

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à 1ª Delegacia de Cáceres, interrogado pelo delegado Marlon Nogueira e autuado em flagrante delito. Após a confecção dos autos, o preso foi colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil incinera 300 quilos de entorpecentes em Rondonópolis

Publicados

em

Por

A Polícia Civil incinerou nesta segunda-feira (04.07), em Rondonópolis, mais 300 quilos de entorpecentes apreendidos no semestre. A queima da droga é autorizada pela Justiça após realização de perícia pela Politec.

O material incinerado pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Rondonópolis é resultado de apreensões realizadas pelas forças de segurança em ações policiais no município.

Esta é a quinta incineração em 2022 realizada pela Derf e já alcançou quase 2,5 toneladas de entorpecentes queimados, entre maconha, cocaína, pasta base e drogas sintéticas.

O ato faz parte da Operação Narco Brasil, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública no combate ao tráfico de drogas, incineração de entorpecentes e cerco ao crime organizado com auxílio das forças policiais federais e dos 26 estados e o Distrito Federal.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Veja Também:  Adolescentes que vendiam drogas na área central de Rondonópolis são apreendidos em flagrante
Continue lendo

QUEREMOS SABER SUA OPINIÃO

EM SEU PONTO DE VISTA A GESTÃO AZENILDA PEREIRA SERÁ?

Barra do Bugres e Região

Mato Grosso

Agronegócio

Mais Lidas da Semana